VOCÊ FAZ O SUCESSO

VOCÊ FAZ O SUCESSO

BAIXE O APLICATIVO RADIOSNET E OUÇA A NOVA XUCURU EM TODO LUGAR; CLIQUE NA FOTO ABAIXO E SAIBA MAIS

domingo, 22 de abril de 2018

Brasil é campeão da Copa América de Futebol Feminino

Quem informa é o FOLHA PE -

A seleção brasileira de futebol feminino conquistou, neste domingo (22), a Copa América 2018, este ano realizada no Chile. Esse é o sétimo título do Brasil em oito edições da competição, disputada desde 1991. A equipe fez uma campanha irretocável, levantando o título de forma invicta, com 31 gols marcados e somente dois sofridos. Na última partida da fase final do certame, a seleção brasileira derrotou a Colômbia, por 3x0, com dois gols de Mônica e um da veterana Formiga. 

Com o resultado, a seleção brasileira não sai do Chile apenas com o título da Copa América, mas também com a vaga na próxima Olimpíada, em Tóquio-2020, assegurada. Enquanto a maior parte dos atletas de outras modalidades ainda estão longe das fases de classificação para os Jogos, o futebol feminino do Brasil já pode começar a se preparar para a competição. 

O título deste domingo e a classificação olímpica foram garantidas mesmo antes de a seleção entrar em campo contra a Colômbia, no confronto válido pela última rodada do quadrangular final. Isso porque a seleção brasileira só corria riscos de perder o título se as a seleção argentina vencesse o Chile, que estava jogando em casa. Mas as chilenas golearam as adversárias por 4x0. 

Assim, a equipe comandada por Vadão chegou à última partida já campeã e com presença garantida em Tóquio. Por decisão da Conmebol, porém, o time nacional não irá ao Pan de Lima-2019, pois as vagas ficaram para os terceiro, quarto, quinto e sexto colocados. A campanha da seleção brasileira na Copa América teve duas vitórias sobre a Argentina (3x1 e 3x0), um triunfo diante do Chile (3x1) e goleadas contra Equador (8x0), Venezuela (4x0) e Bolívia (7x0). 

Fotografia: CBF

Polícia Federal prende, no Recife, homem com material pornográfico de 123 crianças e adolescentes

Quem informa é o G1 PE -

A Polícia Federal (PF) prendeu, no Recife, um homem suspeito de pedofilia. Segundo a corporação, ao menos 123 crianças e adolescentes foram vítimas dele, que costumava conversar com os menores na internet, fingindo ser uma mulher, pedindo fotos nuas e, posteriormente, chantageando-os. O homem foi preso na sexta (20) e o caso foi divulgado no sábado (21).

Em nota, a PF informou que, após receber as fotos das vítimas, o homem ameaçava publicar o material em redes sociais e sites de pornografia. Em troca, exigia dinheiro às vítimas e aos parentes ou forçava as crianças e os adolescentes a “manter relações sexuais com os seus animais de estimação e com seus irmãos menores para que as fotos não fossem publicadas”, segundo a polícia.


Durante as investigações e através de uma perícia no celular do homem, a polícia comprovou os casos das 123 vítimas menores de idade que foram aliciadas e compartilharam com ele "fotos e vídeos em conteúdo pornográfico infantil".



A Polícia Federal acredita que o número de vítimas pode ser maior, já que o homem utilizou quatro perfis fictícios com nomes de mulheres em uma rede social na internet. Através deles, foram recebidos mais de 200 arquivos de fotos ou vídeos de crianças e adolescentes.



A idade do homem preso não foi informada. Procurada pela reportagem, a PF afirmou que outros detalhes sobre a prisão serão divulgados na segunda-feira (23).

Fotografia: Reprodução da internet

Campanha nacional de vacinação contra a gripe, começa nesta segunda (23)

Quem informa é a Agência Brasil -

A 20ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza começa amanhã (23) e segue até 1º de junho. Fazem parte do grupo prioritário da vacina idosos a partir de 60 anos, crianças de 6 meses a menores de 5 anos, trabalhadores da saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional.

Pessoas com doenças crônicas e outras condições clínicas especiais também devem se imunizar. Neste caso, é preciso apresentar uma prescrição médica no ato da vacinação. Pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) devem procurar os postos de saúde em que estão registrados para receber a vacina, sem a necessidade de prescrição médica.

 De acordo com o Ministério da Saúde, os grupos prioritários totalizam 54,4 milhões de pessoas. A pasta informou que adquiriu 60 milhões de doses, que serão entregues aos estados em etapas. “O Ministério da Saúde está assegurando vacina para 100% do público-alvo da campanha”, acrescentou, em nota.

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). A definição, segundo o governo brasileiro, também é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe. São priorizados, portanto, grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias.

Fotografia: Arquivo ABr

sábado, 21 de abril de 2018

Exames gratuitos de mama e próstata do Sesi, chegam novamente a Belo Jardim, PE

Quem informa é a Assessoria -

Após atender a população de Caruaru e arredores, o Serviço Social da Indústria de Pernambuco (Sesi/PE) traz para Belo Jardim o programa de prevenção aos cânceres de mama e próstata. A partir desta segunda-feira (23), a entidade oferece 600 exames gratuitos para toda a população do município e cidades vizinhas. Serão realizados 150 exames por dia até quinta-feira (26). Os atendimentos iniciam às 8h e seguem até 13h, na unidade do Sesi, que fica na Rua Coronel Antônio, 120, no bairro da Boa Vista. Mais informações pelo 0800.600.9606.

Segunda (23) e terça-feira (24), o atendimento será dedicado às mulheres com exames de ultrassonografia da mama e, se necessário, mamografia. Na quarta (25) e quinta-feira (26), será a vez dos homens realizarem a ultrassonografia da próstata e, caso precisem, o PSA, exame de sangue que complementa o diagnóstico da doença. Os homens precisam fazer jejum 4 horas para poderem ser examinados.

Qualquer pessoa a partir de 40 anos pode realizar o exame, com CPF em mãos, mas os trabalhadores da indústria terão prioridade no atendimento. Se for industriário, é preciso mostrar também o crachá da empresa ou a carteira de trabalho para garantir a preferência. Quem tiver menos de 40 anos também pode ser examinado (a), desde que apresente encaminhamento médico.

"Devido à grande procura na última vez que o programa esteve na cidade, decidimos trazê-lo de volta a Belo Jardim como forma de sensibilizar às pessoas, em especial, do trabalhador da indústria, para importância da promoção da saúde ao facilitar o acesso aos exames preventivos, que são fundamentais para aumentar as chances de cura", explica o superintendente da entidade, Nilo Simões.

Fotografia: Reprodução da internet

Vendedor de galinha é morto a tiros em Santa Cruz do Capibaribe, PE

Quem informa é o Agreste Notícia -

Um crime de morte foi registrado por uma câmera do circuito interno de uma residência, localizada no bairro Rio Verde, em Santa Cruz do Capibaribe, mais precisamente nas proximidades da passagem molhada que interliga a cidade ao Distrito São Domingos, município do Brejo da Madre de Deus.

A vítima, o vendedor de galinha abatida, Antônio José da Silva, de 29 anos de idade, foi executado através de disparos de pistola cal. 380 e morreu no local, antes mesmo de receber qualquer tipo de socorro.

A Polícia Militar esteve no local do crime, preservando a área, até a chegada da Polícia Civil, que promoveu o levantamento cadavérico e encaminhou o corpo para o IML da cidade de Caruaru.

Fotografia: Reprodução/Agreste Notícia

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Futebol feminino: Brasil a um empate de ganhar a Copa América

Quem informa é Agência Brasil -

A Seleção Brasileira não teve dificuldades para vencer por 3 x 0 a Argentina na sua segunda partida da fase final da Copa América de futebol feminino, ontem à noite (19) no Estádio La Portada, em La Serena, no Chile.

Agora, o Brasil depende apenas de um empate contra a Colômbia, no domingo (22), às 19h, para conquistar o heptacampeonato da competição. Os gols de ontem foram marcados por Cristiane, Thaisa e Debinha.

O resultado garantiu ao Brasil a vaga para a Copa do Mundo da França, em 2019. A seleção feminina lidera, com seis pontos, a fase final da Copa América, e só pode ser alcançado pela Argentina, que tem três pontos e joga contra as chilenas na última rodada da Copa América.

Fotografia: CBF

Número de casos de febre amarela cresce 57% no Brasil; mortes aumentam 41%

Quem informa é a Agência Brasil -

Em menos de um ano, o Brasil registrou 1.157 casos de febre amarela e 342 mortes decorrentes da doença. Os números são do Ministério da Saúde e contabilizam os registros feitos entre os dias 1º julho de 2017 e 17 de abril deste ano. No mesmo período do ano passado, foram 733 casos e 241 mortes confirmados. Os números apontam um crescimento de 41,9% no número de mortes e 57% no total de casos.

Os estados com maior número de notificações no período são: São Paulo (2.558), Minas Gerais (1.444), Rio de Janeiro (453) e Paraná (110). Quanto aos óbitos, praticamente todos estão concentrados em Minas Gerais (156), São Paulo (120) e Rio de Janeiro (64), à exceção de uma morte ocorrida no Distrito Federal e outra no Espírito Santo.

Segundo o Ministério da Saúde, a preocupação em relação à doença decorre não só do aumento do número de registros em relação ao ano passado, mas devido ao fato do vírus estar circulando em regiões metropolitanas com maior contingente populacional, o que pode gerar mais infecções, inclusive em áreas que nunca tiveram recomendação de vacina.

Sintomas e prevenção
A febre amarela é uma doença viral que causa dores no corpo, mal-estar, náuseas, vômitos e, principalmente, febre. Os sintomas duram em média três dias. Em alguns pacientes, o vírus da febre amarela ataca o fígado. São as complicações hepáticas que levam as pessoas infectadas a ficar com uma cor amarelada, daí o nome febre amarela. Segundo o Ministério da Saúde, estima-se que em torno de 30% das pessoas que contraem a doença podem morrer, se não forem diagnosticadas precocemente.

Caso tenha tais sintomas, a recomendação é a de que o paciente busque imediatamente atendimento adequado nas unidades de saúde. Já a prevenção ocorre principalmente por meio da vacinação. Desde o fim de março, o Ministério da Saúde ampliou para todo o território nacional a recomendação para a vacina contra febre amarela.

Fotografia: Reprodução da internet

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Pagamento de contas de energia vencidas, fica mais fácil para clientes residenciais, em PE

Quem informa é G1 PE -

Os clientes residenciais que estão com mais de duas contas de energia vencidas têm a possibilidade de renegociar as dívidas com mais facilidade. A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) informou que está em vigor desde esta quinta-feira (19) um plano para flexibilizar o pagamento dos boletos em atraso.

A empresa tem 3,6 milhões de clientes e atende 9,4 milhões de habitantes no estado. A inadimplência corresponde a cerca de 2% desse total.

Um dos novos critérios para facilitar a vida dos inadimplentes é a redução do percentual de valor do primeiro pagamento. Antes de esse plano entrar em vigor, a entrada obrigatória era correspondente a 30% do débito total. Agora, o cliente pode dar início ao processo de quitação do boleto repassando para a companhia 20% do débito.

Além disso, o restante da dívida pode ser dividido em várias vezes. A quantidade de parcelas será negociada entre o cliente e a empresa. A Celpe informa que vai levar em conta normas da companhia, bem como o histórico do consumidor e o saldo devedor.

As negociações, que ocorrem nas lojas de atendimento, podem ser agendadas O consumidor residencial deve entrar no site e marcar um horário.

Os interessados devem apresentar documentos de identificação, como identidade ou carteiras de trabalho ou habilitação, além do CPF e uma conta de energia.

A Celpe ressalta que apenas o titular da conta pode realizar o acordo. Os clientes que não figuram como titulares, mas são responsáveis pelos imóveis com dívidas, devem apresentar o contrato de locação ou compra do imóvel, ou ainda procuração pública ou particular para proceder à negociação. Neste caso, a empresa fará a mudança de titularidade antes de iniciar o acordo.

Para agendar
Para contar com o atendimento com hora marcada, o consumidor deve entrar no site e clicar em Atendimento Agendado. Depois, precisa selecionar o serviço desejado no canto direito da tela. Nesse caso, é "Negociação de Débitos".

Em seguida, o cliente residencial precisa preencher os dados solicitados nos campos: CPF, conta contrato, nome completo, celular, e-mail e realizar a validação dos dados.

Quem não for até a loja no horário marcado vai perder o direito a essa vaga. Portanto, deverá fazer novo agendamento.

Fotografia: Reprodução/ Globo Nordeste

Entra em vigor, pena maior para motorista bêbado que mata em acidente

Quem informa é a Agência Brasil -

Entra em vigorar nesta quinta-feira (19) a Lei 13.546/2017, que ampliou as penas mínimas e máximas para o condutor de veículo automotor que provocar, sob efeito de álcool e outras drogas, acidentes de trânsito que resultarem em homicídio culposo (quando não há a intenção de matar) ou lesão corporal grave ou gravíssima. A nova legislação, sancionada pelo presidente Michel Temer em dezembro do ano passado, modificou artigos e outros dispositivos do Código Brasileiro de Trânsito (Lei 9.503/1997). 

Antes, a pena de prisão para o motorista que cometesse homicídio culposo no trânsito estando sob efeito de álcool ou outras drogas psicoativas variava de 2 a 5 anos. Com a mudança, a pena aumenta para entre 5 e 8 anos de prisão. Além disso, a lei também proíbe o motorista de obter permissão ou habilitação para dirigir veículo novamente. Já no caso de lesão corporal grave ou gravíssima, a pena de prisão, que variava de seis meses a 2 anos, agora foi ampliada para prisão de 2 a 5 anos, incluindo também a possibilidade de suspensão ou perda do direito de dirigir.

As alterações no Código Brasileiro de Trânsito (CBT) também incluem a tipificação como crime de trânsito a participação em corridas em vias públicas, os chamados rachas ou pegas. Para reforçar o cumprimento das penas, foi acrescentada à legislação um parágrafo que determina que "o juiz fixará a pena-base segundo as diretrizes previstas no Artigo 59 do Decreto-Lei 2.848, de 7 de dezembro de 1940 (Código Penal), dando especial atenção à culpabilidade do agente e às circunstâncias e consequências do crime".

Para a professora Ingrid Neto, doutora em psicologia do trânsito e coordenadora de um laboratório que pesquisa o tema no Centro Universitário do Distrito Federal (UDF), uma legislação que endureça as penas para quem comete crimes de trânsito é importante para coibir a prática, mas não pode ser uma ação isolada. "Quando a gente fala em segurança do trânsito, estamos tratando desde as ações de engenharia e infraestrutura das vias, o trabalho de educação no trânsito [voltado à prevenção], e o que chamamos de esforço legal, que é justamente uma legislação dura, que as pessoas saibam que ela existe, mas combinada com um processo efetivo de fiscalização", argumenta.

Para Ingrid, por mais dura que seja um legislação, ela não terá efeitos se não vier articulada com outras iniciativas complementares. "Na lei seca [que tornou infração gravíssima dirigir sob efeito de álcool] nós vimo isso. No começo, houve uma intensa campanha de educação e fiscalização, o que reduziu de forma significativa o índice de motoristas que bebe e insistem em dirigir, mas a partir do momento que a fiscalização foi reduzida, as pessoas se sentiram novamente desencorajadas a obedecer a lei", acrescenta. 

Fotografia: Reprodução da intenet

quarta-feira, 18 de abril de 2018

Fiocruz fabricará remédios contra HIV e hepatite C, para ofertar no SUS

Quem informa é a Agência Brasil -

O Instituto de Tecnologia em Fármacos (Farmanguinhos), vinculado à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), firmou parcerias para produzir medicamentos contra a hepatite C e o HIV. A fabricação nacional desses produtos,  considerados estratégicos para o Sistema Único de Saúde (SUS), deverá ainda gerar economia para os cofres públicos, uma vez que atualmente o país precisa adquiri-los no exterior.

Segundo o diretor de Farmanguinhos, Jorge Mendonça, essas parcerias fazem parte de uma política que busca fortalecer a produção nacional e absorver tecnologia para dentro do país. Para Mendonça, a iniciativa permitirá também aumentar o acesso da população ao tratamento e à prevenção de doenças.

"O alto custo dos medicamentos pode levar a um problema de abastecimento, e a importância de um laboratório público é justamente esta: fornecer sustentabilidade para o SUS, reduzindo o preço e mantendo a qualidade dos produtos. Estamos propondo um economia média, em cada medicamento, de algo em torno de 40% a 60% do valor atual. Ou seja, o governo gastaria aproximadamente 50% menos do que hoje com esses produtos", calculou.

Três dos medicamentos que serão desenvolvidos são antivirais voltados para o combate à hepatite C: Simeprevir, Daclastavir e Sofosbuvir. Este último vem contribuindo para a cura de muitos pacientes e reduzindo a demanda pelo transplante de fígado. "O Sofosbuvir é um medicamento que vem revolucionando o tratamento da hepatite C e substituindo alguns produtos antigos", disse Mendonça.

Farmanguinhos também produzirá o imunossupressor Everolimo, usado para evitar a rejeição de órgãos transplantados e considerado essencial em diversos casos. Em novembro do ano passado, um levantamento da Associação Brasileira de Transplantados mostrou que, em sete estados, havia falta de um dos três remédios mais usados após transplantes, entre eles o Everolimo.

PrEP

O quinto medicamento que será produzido em Farmanguinhos é a pílula antirretroviral baseada nas substâncias Emtricitabina e Tenofovir. Difundido no mercado sob a marca Truvada, da empresa norte-americana Gilead, o remédio é usado na profilaxia pré-exposição (PrEP) ao HIV. O Brasil foi pioneiro na América Latina ao adotá-lo como política de saúde, com sua distribuição para grupos específicos considerados chave para o combate à Aids a cargo do SUS. Nesses grupos, estão homens que fazem sexo com homens, gays, pessoas trans, profissionais do sexo e casais em que um membro é soropositivo e o outro, não.

A prescrição e o uso das pílulas, que deve ocorrer diariamente, depende de acompanhamento médico. Especialistas alertam que o método deve ser usado em combinação com outras medidas e que os usuários da PrEP não devem abrir mão do uso de preservativos.

Acordos

As parcerias envolvem tanto empresas da indústria farmacêutica como da indústria farmoquímica, que serão responsáveis pela fabricação e nacionalização do princípio ativo dos medicamentos. Os acordos têm duração de cinco anos e, nos quatro primeiros, a produção fica a cargo dos laboratórios dos parceiros. Em 2022, metade da demanda passa para as instalações de Farmanguinhos, que assumirá a produção integral ao fim dos acordos. As empresas envolvidas são Blanver, CYG, Microbiológica e Libbs.

A expectativa é que, já no segundo semestre deste ano, a produção nacional do Sofosbuvir, do Everolimo e da pílula da PrEP seja distribuída pelo SUS. O Simeprevir e Daclastavir devem estar disponíveis no ano que vem.

Fotografia: Reprodução da internet

Dois homens são mortos a tiros em Santa Cruz do Capibaribe, PE

Quem informa é o CARUARU e Região -

Dois homens de 37 anos foram mortos a tiros na manhã desta quarta-feira (18) em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, as vítimas foram atingidas pelos disparos de arma de fogo no bairro Dona Lica.

Ainda segundo a PM, os homens, que já tinham passagem pela polícia, tentaram fugir, mas não conseguiram e morreram no local. A motivação e a autoria do crime estão sendo investigadas pela Polícia Civil.

Os corpos das vítimas foram levados para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

Fotografia: Reprodução da internet

Edição 2018 do Circuito Cultural, promovido pelo Instituto Conceição Moura, consolida trabalho de transformação social por meio da Arte & Cultura

Quem informa é a Assessoria -

Belo Jardim, na região Agreste de Pernambuco, estabelece seu papel de protagonista no calendário artístico e cultural nordestino com a Edição 2018 do Circuito Cultural promovido pelo Instituto Conceição Moura. A programação anual consiste em residência artística e festivais de música e cinema que, juntos, promovem um trabalho de transformação social que impacta pouco mais de 8 mil pessoas. Os projetos dinamizam e incrementam o acesso à Arte e Cultura, ampliam a visibilidade à artistas da região, promovem o intercâmbio de experiências internacionais, brasileiras, da capital e do interior pernambucano, além de contribuírem com a organização e o aprimoramento do empreendedorismo associado às artes na cidade.

Os projetos do Circuito Cultural são viabilizados por recursos da Lei Rouanet e patrocínio do Grupo Moura, sendo realizados em parceria com os produtores culturais: Pontilhado Cinematográfico, responsável pelo IV Cine Jardim – Festival Latino-Americano de Cinema de Belo Jardim; CODA, à frente do Festival No Ar Coquetel Molotov – Etapa Belo Jardim, voltado para a música independente, e do Virtuosi, consagrado evento de música clássica; e Automatica, produtora do Residência Belojardim, projeto que dá início ao calendário do Circuito Cultural, começando no próximo dia 19 de abril.

O Residência Belojardim é um programa de longo prazo, estruturado a partir de uma experiência in loco no município de Belo Jardim e focado no envolvimento entre artistas e comunidade e na descentralização da arte contemporânea e ampliação do debate sociocultural, especialmente acerca dos significados e ressignificados do Nordeste e seu legado artístico.

A segunda edição contará com a participação de Carlos Mélo, artista pernambucano, de Riacho das Almas, também no Agreste do Estado, que concebeu um projeto voltado para a Comunidade Quilombola do Barro Branco, situada nos arredores da cidade de Belo Jardim.

As ações do Circuito Cultural 2018 são reforçadas ao longo do ano, de forma permanente e estruturadora, por uma sala de cinema e pela Escola de Música Flor de Mandacaru. No cinema, o Instituto Conceição Moura promove sessões semanais, às quintas e aos domingos, fortalecendo a difusão da produção cinematográfica nacional e latino-americana para a população de Belo Jardim.

Já a escola de música oferece aulas de flauta e canto para estudantes da rede municipal de Ensino e jovens e adultos da cidade, buscando o fortalecimento da tradição musical da cidade – Belo Jardim possui é conhecida como “Terra dos Músicos”.

CALENDÁRIO

·         Residência Belojardim: De 19 de abril a 30 de junho de 2018
·         Cinejardim: De 14 a 26 de maio de 2018
·         Virtuosi: De 4 a 8 de julho;
·         Coquetel Molotov: De 17 a 20 de outubro


Fotografias: Divulgação

CGU aponta risco de sustentabilidade na transposição do Rio São Francisco

Quem informa é a Agência Brasil -

Relatório de avaliação sobre as ações de transposição do Rio São Francisco na fase de pré-operação divulgado pelo Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) mostra problemas de planejamento para garantir a operação, manutenção e sustentabilidade do empreendimento.

Os problemas detectados ocorrem devido à priorização do Ministério da Integração Nacional em executar as obras necessárias à transposição, postergando o planejamento, de acordo com a análise. O relatório pode ser obtido no link https://auditoria.cgu.gov.br/download/10679.pdf.

As consequências da falta de garantia para operação e manutenção é o impacto quanto ao custo de funcionamento e inadequação da estrutura necessária à gestão e operação do projeto, segundo a análise.

Outra fragilidade identificada pela CGU é quanto ao impacto do custo da energia elétrica. Isso porque um fator crítico para a sustentabilidade do projeto de transposição é o gasto de energia com a operação, por meio do bombeamento da água. O texto registra que os valores a serem pagos pelos estados do Ceará, da Paraíba, de Pernambuco e do Rio Grande do Norte poderão chegar a R$ 800 milhões por ano.

Na estimativa divulgada no relatório, o repasse desses custos para as tarifas de água poderão representar aumentos entre 5% e 21%, considerando os cenários otimista e pessimista, respectivamente.

Ao longo da avaliação, à medida que as deficiências são apontadas, a CGU faz recomendações ao Ministério da Integração e à Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), que atua como operadora federal, e registra as providências apresentadas pelos órgãos para sanar os problemas.

Resposta do ministério
Ao responder às várias questões levantadas na avaliação da CGU, o Ministério da Integração informa que tem adotado medidas para fortalecer o sistema de gestão de projeto de integração do Rio São Francisco, a fim de reverter as fragilidades, e que têm sido verificados avanços na proposição de instrumentos de planejamento e controle.

“As questões ligadas à operação e manutenção do Projeto de Integração do Rio São Francisco sempre foram tratadas com a mesma prioridade em relação à execução do empreendimento. O órgão federal responsável por essa função - a Codevasf - está, inclusive, alterando sua estrutura organizacional e criando uma área específica com essa finalidade”, informou o ministério em nota.

Em relação ao modelo tarifário, a nota esclarece que, em 2016, a Agência Nacional de Águas estabeleceu o modelo tarifário a ser aplicado ao projeto. O ministério informou ainda que, em 2017, foi criado um grupo de trabalho interministerial com o objetivo de acrescentar conhecimento técnico e eficácia na elaboração de uma proposta da União para o modelo de operacionalização e manutenção da infraestrutura decorrente do projeto.

A CGU monitora o projeto de transposição do Rio São Francisco desde o seu início, em 2007. A previsão é que o projeto de transposição leve água para 12 milhões de habitantes, em 390 municípios do Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte.

Fotografia: MIN

terça-feira, 17 de abril de 2018

Supremo aceita denúncia e Aécio Neves vira réu

Quem informa é a Folha PE com Agências -

Por unanimidade, a Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta terça-feira (17), acatar a denúncia por corrupção passiva contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG), em um dos inquéritos resultantes da delação do empresário Joesley Batista, da JBS. Os ministros Alexandre de Moraes, Rosa Weber, Luís Barroso e Luiz Fux acompanharam o voto do relator do caso, Marco Aurélio. Já a denúncia por obstrução de Justiça foi acatada por 4 votos a 1. Neste caso, Alexandre de Moraes foi o único a votar contra.

Segundo a Procuradoria Geral da República (PGR), Aécio solicitou a Joesley Batista, em conversa gravada pela Polícia Federal (PF), R$ 2 milhões em propina, em troca de sua atuação política. O senador foi acusado dos crimes de corrupção passiva e tentativa de obstruir a Justiça pelo então procurador-geral da República Rodrigo Janot. A obstrução ocorreu de “diversas formas”, segundo a PGR, como por meio de pressões sobre o governo e a Polícia Federal para escolher os delegados que conduziriam os inquéritos da Lava Jato e também de ações vinculadas à atividade parlamentar, a exemplo de interferência para a aprovação do Projeto de Lei de Abuso de Autoridade (PLS 85/2017) e da anistia para crime de caixa dois.

Também são alvos da mesma denúncia a irmã do Aécio, Andrea Neves, o primo dele, Frederico Pacheco, e Mendherson Souza Lima, ex-assessor parlamentar do senador Zezé Perrella (PMDB-MG), flagrado com dinheiro vivo. Todos foram acusados de corrupção passiva.

Defesa e acusação
A defesa do tucano alegou, primeiramente, que a delação da JBS foi ilegal porque a produção de provas foi orientada pelo ex-procurador Marcello Miller. O ex-procurador é investigado sob suspeita de ter auxiliado os executivos enquanto ainda era membro do Ministério Público Federal. "Havia ali, sem autorização judicial, uma verdadeira ação controlada [que demanda ordem judicial para ser realizada]. Quando ele [Joesley] vai conversar com Aécio, ele é quem sugere que se faça o pagamento em dinheiro, é só ouvir a fita", disse o advogado Alberto Zacharias Toron, que defendeu a anulação das provas apresentadas pela JBS.

"Não foi a PGR, Miller ou os colaboradores que induziram Aécio a praticar o crime de corrupção passiva. O que ocorreu foi o contrário: o empresário Joesley foi procurado por Andréa, irmã de Aécio, que lhe solicitou R$ 2 milhões a pretexto de honrar honorários de advogados. A solicitação da vantagem indevida deu-se sem qualquer tipo de provocação ou indução por parte de terceiros", rebateu o subprocurador-geral Carlos Alberto Carvalho de Vilhena, que representou a PGR na sessão.

Por unanimidade, antes de votarem pelo recebimento da denúncia, os ministros rejeitaram as questões preliminares levantadas pela defesa que apontavam as supostas nulidades no acordo de delação da JBS e nas investigações dele resultantes. Quanto ao mérito da acusação de corrupção, a defesa sustentou que o tucano pediu um empréstimo a Joesley e negociou com ele a venda de um apartamento de sua mãe. Para haver corrupção, diz a defesa, seria preciso que Aécio tivesse favorecido Joesley em troca do dinheiro, o que não ficou demonstrado.

Sobre a acusação de tentar obstruir a Justiça, a defesa disse que a atuação parlamentar de Aécio foi regular e legítima. "Não se pode pretender a criminalização da atividade parlamentar", argumentou o advogado. A PGR, por outro lado, sustentou que o tucano e os outros três denunciados solicitaram e receberam de Joesley R$ 2 milhões em troca de vantagem indevida. O tucano, segundo o órgão, utilizou sua condição de senador para se colocar à disposição de Joesley para "conseguir cargos públicos" para pessoas indicadas pelo empresário.

Quanto à acusação de embaraço às investigações, a PGR sustenta que Aécio "valeu-se de seu cargo e influência para isentar investigados de crimes relativos a recursos de campanha não contabilizados; constranger e ameaçar autoridades do Poder Judiciário, do Ministério Público e da Polícia com projeto de lei de abuso de autoridade; e para direcionar delegados federais para atuar em inquéritos de seu interesse".

Fotografia: AGPT

Senado aprova projeto que obriga escolas a combaterem bullying

Quem informa é a Agência Brasil -

O Senado aprovou, nesta terça-feira (17), o projeto que obriga as escolas a desestimularem seus alunos à prática do bullying. Em votação simbólica, os senadores aprovaram a proposta, que segue agora para sanção presidencial.

O projeto altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação para incluir, entre as competências dos estabelecimentos de ensino, a promoção de medidas de prevenção e combate a todos os tipos de violência, em especial a “intimidação sistemática”, mais conhecida como bullying. Além disso, coloca como atribuição das escolas o estabelecimento de ações destinadas à promoção da “cultura da paz” nas escolas.

Além das atitudes típicas de bullying, a matéria busca combater outros tipos de violência como agressão verbal, discriminação, práticas de furto e roubo, ameaças e agressão física.

Ao relatar a matéria, a senadora Simone Tebet (MDB-MS) utilizou um dado para comprovar a importância de medidas de conscientização sobre o problema. Um estudo feito em 2016 pela Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais, em parceria com o Ministério da Educação, aponta que 69,7% dos estudantes presenciou algum tipo de agressão dentro da escola.

Na mesma sessão, os senadores aprovaram a proposta que inclui o tema educação alimentar e nutricional nos conteúdos das disciplinas de ciências, no ensino fundamental, e biologia, no ensino médio. Com o objetivo de diminuir os índices de obesidade infantojuvenil, a matéria entrará em vigor seis meses após ser sancionada pelo presidente Michel Temer, o que deverá ocorrer nos próximos dias.

Fotografia: Reprodução da internet

Governo anuncia cancelamento de 422 mil benefícios sociais

Quem informa é Agência Brasil -

Após um trabalho de revisão de benefícios sociais concedidos pelo governo federal, 422 mil serão cancelados, sendo 228 mil auxílios-doença, 43 mil aposentadorias por invalidez e 151 mil benefícios de Prestação Continuada (BPC). O trabalho de revisão de benefícios vai continuar até o fim do ano. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (16), em Brasília, pelos ministros do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, e do Planejamento, Esteves Colnago.

Diversos benefícios de programas sociais estão sendo revisados pelo governo federal, para verificar se os beneficiários ainda cumprem os requisitos apresentados no momento da concessão do auxílio. Segundo o ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, o objetivo é revisar 1,8 milhão de benefícios, entre auxílio-doença e aposentadoria por invalidez. Após o pente fino, a expectativa do governo é chegar a 1,1 milhão de benefícios mensais. A economia total com as medidas pode chegar a R$ 20 bilhões.

Auxílio-doença

No caso do auxílio-doença, os beneficiários foram convocados para novas perícias. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento, na primeira fase, entre 2016 e fevereiro de 2018, foram realizadas 252 mil revisões de um universo de 553 mil previstas. Destas, 228 mil foram canceladas, seja por indicação da perícia ou por não comparecimento, um índice de cerca de 82%.

Desde agosto de 2016, a revisão de auxílio-doença gerou economia de R$ 7,6 bilhões.

Aposentadoria por invalidez

Quarenta e três mil benefícios de aposentadoria por invalidez serão cancelados. Neste caso, como há um processo de transição para o cancelamento total, que se estende por um ano e meio, a economia em 2018 será de R$ 500 milhões mas pode chegar a R$ 5 bilhões em 2019.

Prestação Continuada

O Benefício de Prestação Continuada é oferecido a 4,4 milhões de beneficiários de baixa renda, sendo 2,4 milhões de idosos e 2 milhões de pessoas com deficiência.

O governo vai cancelar 151 mil benefícios de pessoas que não atendem mais os requisitos mínimos para receber o auxílio. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social, a economia com os cancelamentos pode chegar a R$ 1 bilhão por ano. 

GovData

A revisão do BPC, especificamente, foi feita a partir da uma nova plataforma de integração de dados de bancos e sistemas do governo federal, denominada GovData. A plataforma integra dados de 14 bases e a expectativa é de que outras sejam incorporadas brevemente.

"As bases vão ser atualizadas mensalmente. Todo mês o governo vai poder saber se o dinheiro está sendo bem alocado e se as pessoas cumprem os requisitos mínimos pra continuar a receber [o benefício]", informou o ministro do Planejamento, Esteves Colnago.

Com o GovData, a expectativa é de facilitar o trabalho de cruzamento de dados. Por exemplo, se o Ministério do Desenvolvimento Social quisesse dados de carteira de motorista, teria de fazer um pedido específico ao Departamento Nacional de Trânsito e firmar um acordo neste sentido. Se quisesse informações adicionais de situação de emprego, necessitaria de um outro acordo com o Ministério do Trabalho.

“O GovData funciona como único repositório para onde vão as bases de dados de interesse. Mas mais do que isso, temos também uma série de recursos de análise estatísticas, geração de tendências e outras ferramentas de ciências de dados”, explicou o secretário-executivo do Ministério do Planejamento, Gleisson Rubin.

O ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, destacou a importância do GovData, que permite mais cruzamentos com periodicidade menor, mas destacou que a plataforma não substitui os gestores.

“Simples cruzamento de dados não substituem gestor. Eles precisam ser cruzados mas precisam ser interpretados pelo gestor. Cruzamento simplesmente sem a crítia de quem conhece a regra geram distorções. O GovData é importante, todos devem aderir à plataforma. Mas é importante que não se imagine que ela substitui o conhecimento de cada ministério e o olhar de quem conhece os programas”, ponderou Beltrame.

Privacidade

A implantação da plataforma ocorre no momento em que o Congresso Nacional discute uma lei de proteção a dados pessoais. Uma das polêmicas no debate é até que medida os órgãos públicos devem ser regidos por ela, obedecer os princípios e seguir as obrigações.

Questionado na entrevista se o governo federal seria ou não regido pela lei, o ministro do Planejamento, Esteves Colnago, afirmou que não, com algumas exceções. “A gente vai ter todo o cuidado possível, mas precisamos ter acesso às informações”, disse.

Fotografia: Reprodução da internet

segunda-feira, 16 de abril de 2018

Governador diz que a violência diminuiu em Pernambuco

Quem informa é o LeiaJá -

Nesta segunda-feira (16), o governador Paulo Câmara (PSB) disse que era com “satisfação” que compartilhava a notícia da redução de violência em Pernambuco. Por meio do seu Facebook, o pessebista falou que houve uma diminuição de 33,58% no número de homicídios no mês de março. “É a melhor marca dos últimos 19 meses”, garantiu. 

Segundo o governador, em março passado, houve uma redução de 43% em homicídios de mulheres. “Também houve diminuição nos casos de estupro, tendência já observada nos primeiros dois meses de 2018”, contou.

Câmara ressaltou que vai continuar trabalhando para que todas as mulheres vivam em um estado livre qualquer tipo de violência. ”A redução da violência pelo terceiro mês consecutivo comprova que a estratégia utilizada pelas Polícias, bem como os investimentos feitos na área, têm apresentado resultados positivos”.

Ele ainda falou que o governo está comprometido com a segurança pública. “Os crimes violentos contra o patrimônio também caíram 22,5%, em relação ao mesmo período do ano passado. Esses números ratificam o nosso esforço e comprometimento com a segurança pública. Por esta razão, é sempre uma satisfação poder compartilhar esses resultados logo no início da semana”, destacou.

Fotografia: LeiaJá Imagens/Arquivo

Sesc Pesqueira realiza ações gratuitas em comemoração ao Dia Mundial da Saúde

Quem informa é o G1 CARUARU e Região

O Sesc Pesqueira, no Agreste de Pernambuco, está promovendo ações sociais gratuitas em comemoração ao Dia Mundial da Saúde, nos dias 17 e 24 de abril. No evento, serão realizados serviços de atendimento ao público, como aferição da pressão arterial, exames e palestra sobre a prevenção Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV). O intuito do projeto é conscientizar as pessoas sobre a qualidade de vida associada à preservação da saúde.

No dia 17 de abril, a partir das 9h, a unidade realizará serviços de aferição de pressão, exames de visão e testes rápidos no Movimento Fraterno de Ação Comunitária (MOFAC). No local, também acontecerá uma roda de conversa sobre a campanha com todos que estiverem participando do evento.

No último dia 24, será promovida uma palestra sobre a prevenção do HIV e outros diversos cuidados com a saúde. O evento será realizado no Posto de Saúde do Centenário, a partir das 8h.

O Sesc Pesqueira, no Agreste de Pernambuco, está promovendo ações sociais gratuitas em comemoração ao Dia Mundial da Saúde, nos dias 17 e 24 de abril. No evento, serão realizados serviços de atendimento ao público, como aferição da pressão arterial, exames e palestra sobre a prevenção Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV). O intuito do projeto é conscientizar as pessoas sobre a qualidade de vida associada à preservação da saúde.

No dia 17 de abril, a partir das 9h, a unidade realizará serviços de aferição de pressão, exames de visão e testes rápidos no Movimento Fraterno de Ação Comunitária (MOFAC). No local, também acontecerá uma roda de conversa sobre a campanha com todos que estiverem participando do evento.

No último dia 24, será promovida uma palestra sobre a prevenção do HIV e outros diversos cuidados com a saúde. O evento será realizado no Posto de Saúde do Centenário, a partir das 8h.

Fotografia: Reprodução da internet

domingo, 15 de abril de 2018

Datafolha: Lula aparece na frente, seguido por Bolsonaro e Marina Silva

Quem informa é a Agência Brasil -

O Instituto Datafolha divulgou neste domingo (15) uma pesquisa sobre as eleições presidenciais deste ano comparando diferentes cenários e analisando a chance de os candidatos chegarem ao segundo turno. Pelos dados, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera com 31% das intenções de voto, seguido pelo deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), com 15% e pela ex-ministra Marina Silva (Rede) com 10%.

Em quarto lugar, aparece o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa (PSB) com 8%. O ex-governador de São Paulo e presidente nacional do PSDB, Geraldo Alckmin, conta com 6% das intenções de votos, em seguida vêm o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 5%, e o senador Álvaro Dias (Podemos-PR), com 3%.

A pesquisa foi feita em 227 municípios brasileiros, onde foram ouvidas 4.194 pessoas entre quarta (11) e sexta-feira (13). A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Dentre as hipóteses analisadas pelo instituto, a maior mudança de cenário ocorre quando o ex-presidente Lula não está entre os candidatos. Preso no último dia 7, após ser condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) a uma pena de 12 anos e um mês, Lula pode não ser elegível, pois a Lei da Ficha Limpa prevê a impugnação de políticos condenados em segunda instância.

Nos cenários em que Lula não concorreria ao pleito de outubro, Jair Bolsonaro aparece com 17% das intenções, empatado tecnicamente com Marina Silva, com 15%.

Fotografia: Reprodução da internet

Colisão entre motos, deixa dois mortos em Belo Jardim, PE

Quem informa é o Blog Se Liga Belo Jardim -

No final da tarde deste domingo (15/04) uma colisão entre duas motos aconteceu no Campo da Aviação que fica localizado ás margens da BR-232 no município de Belo Jardim, agreste de Pernambuco.

Segundo as primeiras informações que chegaram a redação do Blog, pelo nosso grupo de WhatsApp. Os dois jovens estavam empinando sua respectivas motos, quando as duas vieram a colidir frontalmente. Os jovens morreram no local. As Polícias Militar e Civil, foram acionadas. 

O socorro chegou a ser acionado, mas as vítimas não resistiram a gravidade dos ferimentos e faleceram no local.

Os Jovens foram identificados como, Jeferson e Leidson, os corpos foram encaminhados para o Instituto de Medicina Legal (IML) em Caruaru.



Fotografias: Reprodução WhatsApp

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More