VOCÊ FAZ O SUCESSO

VOCÊ FAZ O SUCESSO

BAIXE O APLICATIVO RADIOSNET E OUÇA A NOVA XUCURU EM TODO LUGAR; CLIQUE NA FOTO ABAIXO E SAIBA MAIS

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

GOVERNO DE PERNAMBUCO ANTECIPA PAGAMENTO DO IPVA

A informação é do Portal LeiaJá -

Saiu no Diário Oficial desta quarta-feira (7) um decreto sobre o prazo para o recolhimento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos (IPVA) de 2017 para automóveis usados. O decreto, datado de 6 de dezembro, antecipa os prazos em Pernambuco.

No caso dos veículos com placas terminadas em 1 e 2, a primeira parcela ou cota única, com desconto, vai até o dia 17 de janeiro de 2017. O prazo maior é para o pagamento da terceira cota dos veículos com placas de final 9 e 0, que vai até 31 de março de 2017. Para todas as placas, o pagamento da cota única ou primeira cota ocorre em janeiro.

Em 2016, os veículos com placas terminadas em 1 e 2 tinham o vencimento da primeira parcela ou cota única no dia 8 de março. A segunda vencia em 5 de abril e a última em 5 de maio. Para as placas 9 e 0, o pagamento da terceira parcela havia sido agendado para 31 de junho de 2016.

O decreto passou a valer com a publicação no Diário Oficial e produz efeitos a partir de 1º de janeiro de 2017.

Imagem: Reprodução da internet

POR ENQUANTO, JOÃO MENDONÇA CONTINUA PREFEITO DE BELO JARDIM, DIZ DR. LEANDRO MARTINS

A informação é do Blog Se Liga Belo Jardim -

Por enquanto, João continua sendo o Prefeito de Belo Jardim, já que a decisão do STJ ainda não transitou em julgado (não foi publicado o fim do processo, dizendo que o prefeito não pode mais recorrer). Ainda que isso tivesse acontecido, não mais influenciará na decisão que será tomada pelo  Tribunal Superior Eleitoral em relação a manter o registro de candidatura do prefeito indeferido. 

O ilícito praticado por João no processo do STJ, versa sobre prejuízo ao erário e, de acordo com o entendimento recente do TSE, para manter o indeferimento do registro de candidatura é preciso ter praticado cumulativamente enriquecimento ilícito mais prejuízo ao erário. João só praticou prejuízo ao erário, então 1 não é 1 + 1 = 2. 

Entenderam ou será preciso desenhar? A defesa de João é muito forte. Esses dias estão sendo amargos para os candidatos a oposição derrotados nas urnas que esperam um milagre, já que deveriam ter se juntado para derrotar João nas urnas, mas em razão da ambição insana pelo poder desde várias eleições que vêm fazendo seus eleitores de palhaços. A oposição tem a cada dia se apequenada. Se acostumou a comemorar ataques insignificantes ao adversário sem lograr o objetivo principal. 

Se acostumaram a comer as migalhas que caem da mesa do poder político local a ponto de se conformar com a possibilidade remota de João não concluir o atual mandato. Não é atoa que essa oposição pífia perdeu mais ainda sua representatividade no espaço político para o exercício dos mandatos em 2017/2020. E de quatro em quatro anos a batalha é vencida pelo Malvado Favorito. 

Continuamos sem novidade no Front... Não adianta a oposição ficar amuada para o meu lado, esse é apenas o resultado de suas próprias ações guiadas pela lei do esforço mínimo. 

Texto: Advogado do impeachment, Dr. Leandro Martins.

Imagem: Reprodução da internet

COLUNA: TRÊS QUEDAS DE PRESIDENTES NO MESMO ANO

A informação é do Blog do Magno Martins -

Em menos de cem dias, o Brasil perdeu a presidente da República e os presidentes da Câmara e Senado. Tudo começou em 31 de agosto, quando o Senado Federal decidiu, por 61 votos a 20, a condenar Dilma Rousseff pelo crime de responsabilidade e retirar o seu mandato de presidente da República. A petista foi punida pela edição de três decretos de crédito suplementar, sem autorização legislativa, e por atrasos no repasse de subvenções do Plano Safra ao Banco do Brasil, em desacordo com leis orçamentárias e fiscais

Menos de duas semanas depois, em 12 de setembro, foi a vez de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que teve o mandato cassado sob a acusação de ter mentido ao afirmar que não possuía contas no exterior em depoimento na CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Petrobras no ano passado. O então presidente da Câmara --que já estava afastado do cargo desde maio-- perdeu o mandato, o foro privilegiado e fica inelegível até 2027. Cunha ainda viria a ser preso no dia 19 de outubro, seis dias depois de se tornar réu na Operação Lava Jato.

E na última segunda-feira, o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Marco Aurélio Mello decidiu afastar o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) da presidência do Senado. A decisão mantém o mandato do senador. A decisão do ministro Marco Aurélio em atende a ação movida pelo partido Rede Sustentabilidade. O argumento é o de que o peemedebista não poderia permanecer na linha de substituição do presidente da República sendo réu em processo criminal.

Na semana passada, o STF decidiu abrir processo e transformar Renan em réu pelo crime de peculato (desvio de dinheiro público). A decisão pelo afastamento é liminar, ou seja, foi concedida numa primeira análise do processo pelo ministro, mas ainda precisa ser confirmada em julgamento pelos 11 ministros do Supremo. Ainda não há previsão de quando o processo será julgado em definitivo.

O mandato de Renan à frente da presidência terminaria em fevereiro, mas, na prática, ele exerceria o comando do Senado apenas até o final deste mês, quando o Congresso deve entrar em recesso. O afastamento do senador pode causar instabilidade política para a aprovação de projetos importantes para o Governo do presidente Michel Temer (PMDB).

RESPALDO DA MESA – A Mesa Diretora do Senado decidiu, ontem, que aguardará a deliberação do plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) para cumprir a decisão liminar (provisória) do ministro Marco Aurélio Mello de afastar o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), do comando da Casa. A decisão foi tomada durante uma reunião entre os integrantes da Mesa com Renan. Senadores que participaram do encontro disseram que o peemedebista acredita ter respaldo jurídico para não assinar a notificação sobre a decisão de Marco Aurélio Mello, que ordenou o afastamento do senador do PMDB do comando do Senado.

Adversário do coronel – Reeleito prefeito de Afogados da Ingazeira sem disputa, José Patriota (PSB) imaginava que teria também uma escolha em céu de brigadeiro para presidência da Amupe, mas ontem, durante o encerramento do encontro dos prefeitos em Gravatá, surgiu o adversário. Trata-se do prefeito eleito de Itaquitinga, Geovani Oliveira, o Doutor Geovani (PMN), que ganhou de imediato a simpatia e o apoio de uma penca de prefeitos que reprovam o estilo coronolesco, ditatorial e concentrador de Patriota.

Tratamento condenável – Treze presidentes de autarquias municipais instaladas em Pernambuco estiveram, ontem, no Recife, para participar de mais uma rodada de conversas sobre o atraso nos repasses do Programa Universidade para Todos em Pernambuco – Proupe. O grupo também tentou se reunir com representantes do Governo do Estado, mas não foi atendido. “Não tinha ninguém para nos receber. Disseram que alguns estavam em horário de almoço e outros ocupados. Um desrespeito”, desabafou a professora Ana Gleide, presidente da Autarquia de Belém do São Francisco.

Transposição – Sob a liderança de Gel Caldas, diretor da Rádio Farol, em Taquaritinga do Norte, o movimento pela Transposição do Rio Amazonas para o Semiárido Nordestino tenta garantir três milhões de assinaturas para envolver o Governo e o Congresso na discussão. Segundo Gel, a bacia do Amazonas joga no mar 200 mil metros cúbicos de água por segundo. “Só meio por cento desta vazão resolveria a questão hídrica do semiárido nordestino”, diz ele, que na próxima sexta-feira promove novo encontro, desta feita em Surubim, no Clube Cara e Coroa, a partir das 9h, para envolver a classe política do Estado no projeto.  

No Conselho Nacional – Renomado jurista, professor e comentarista do programa Frente a Frente, o advogado paraibano Walber Agra, que reside no Recife, foi escolhido, ontem, para integrar a Comissão Nacional de Estudos Constitucionais da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), a mais importante do Conselho Federal da instituição, em Brasília, que agrega autoridades de peso que discutem, encaminham apontam saídas para assuntos da maior relevância jurídica e institucional do País. Walber é também um grande vitorioso em coordenações de campanhas politicas na área jurídica, tendo tido, nas últimas eleições, papel fundamental na vitória do prefeito de Curitiba, Rafael Greca.

CURTAS

CIDADANIA - Mais um título de cidadão para a minha coleção honrosa foi aprovado, ontem, pela Câmara Municipal de Bom Jardim, no Agreste Setentrional. A proposição, aprovada por unanimidade, é de autoria do vereador João Lima, o João Pretinho, presidente da Câmara. A ele e a todos os vereadores do município, os meus agradecimentos.

PROTESTO – A deputada estadual Teresa Leitão (PT) protestou, ontem, contra o fechamento de treze Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas), pelo Governo do Estado. Ela fez apelo ao Governo para que pague os salários atrasados dos trabalhadores e atenda a proposta de reformulação apresentada pela categoria, que foi fruto da solicitação feita pelo secretário Isaltino Nascimento.

Perguntar não ofende: Renan vai ser preso? 

Imagem: Reprodução da internet

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

PROUPE: GOVERNO REJEITA DIÁLOGO COM AUTARQUIAS DO ESTADO

A informação é do Blog do Magno Martins -

Treze presidentes de autarquias municipais instaladas em Pernambuco estiveram, hoje, no Recife, para participar de mais uma rodada de conversas sobre o atraso nos repasses do Programa Universidade para Todos em Pernambuco – PROUPE. O grupo também tentou se reunir com representantes do Governo do Estado, mas não foi atendido. “Não tinha ninguém para nos receber. Disseram que alguns estavam em horário de almoço e outros ocupados. Um desrespeito”, comentou a professora Ana Gleide, presidente da Autarquia de Belém do São Francisco.

Também estavam representadas as autarquias de Petrolina, Afogados da Ingazeira, Araripina, Arcoverde, Belém do São Francisco, Belo Jardim, Cabo de Santo Agostinho, Garanhuns, Goiana, Limoeiro, Palmares, Salgueiro e Serra Talhada. Segundo o presidente da Associação das Instituições de Ensino Superior do estado de Pernambuco (ASSIESPE), Rinaldo Remígo, os atrasos nos pagamentos já somam um valor de R$ 4 milhões e acarretam acúmulos de despesas com folha de pagamento e manutenção básica das instituições de ensino.

O PROUPE é um recurso destinado às autarquias municipais que oportuniza, através de bolsas de estudo, o ingresso de pessoas de baixa renda nas instituições de ensino superior. Desde 2015 a oferta de bolsas caiu cerca de 50% e hoje o número de beneficiados chega a 7 mil estudantes, esse número era de mais de 14 mil. Para Simão Rosembaum, presidente da Autarquia de Goiana, o Governo do Estado tem virado as contas para as autarquias educacionais. Ele conta que a Instituição que administra não recebe os repasses desde setembro e que os salários de funcionários contratados e cargos comissionados estão atrasados.

As tentativas de se reunir com o Governo do Estado, para sanar o impasse, se arrastam pelos últimos seis meses, conta o presidente da ASSIESPE. Rinaldo Remígio destaca ainda o empenho que os presidentes estão oferecendo para regularizar os pagamentos. “O que nos entristece é que estamos vindo de todas as regiões do estado. Somos professores que representam mais de 20 mil alunos e não fomos atendidos porque estavam no horário de almoço”, lamenta Remígio.

Imagem: Reprodução da internet

TRABALHADOR TERÁ DE CONTRIBUIR POR 49 ANOS PARA RECEBER APOSENTADORIA INTEGRAL

A informação é da Agência Brasil -

A proposta do governo federal para a Reforma da Previdência prevê que o trabalhador terá que contribuir por 49 anos se quiser receber 100% da aposentadoria. Atualmente, o teto do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) é de R$ 5.189,82, que é reajustado anualmente pelo INPC. Os cálculos são do secretário da Previdência do Ministério da Fazenda, Marcelo Caetano.

Segundo o secretário da Previdência, Marcelo Caetano, com as regras previstas na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma, será possível economizar entre R$ 5 bilhões e R$7 bilhões a cada ano apenas com o Regime Próprio de Servidores Civis. Além disso - cumprindo-se a expectativa do governo federal de aprovar a reforma ainda em 2017, bem como aprovar também uma lei específica com novas regras para o Benefício da Prestação Continuada (BPC) - poderão ser economizados outros R$ 678 bilhões entre 2018 e 2027.

“Nossa expectativa é de que o Congresso aprove [a reforma] em 2017 para garantir [os benefícios para os cofres públicos]. Só a reforma pelo BPC para o INSS, a economia será de R$ 4,8 bilhões em 2018, valor que cresce para R$ 14,6 em 2019. Em 2020, será de R$ 26,7 bilhões; e em 2021 será de R$ 39,7 bilhões. De 2018 a 2027, a economia seria algo em torno de R$ 678 bilhões”, disse o secretário. “Além disso, com regime próprio de servidores civis, a economia será de R$ 5 bilhões a 7 bilhões por ano”, acrescentou.

O Benefício da Prestação Continuada (BPC) equivale a um salário mínimo mensal que é concedido a idoso com mais de 65 anos ou pessoas com deficiência física, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo.

A ideia do governo é fazer com que a renda de todos os entes da família passem a ser consideradas para o cálculo, sem as exceções previstas na lei atual – caso, por exemplo da renda obtida por pessoas com deficiências. Nas regras atuais, para receber o BPC, a renda per capita da família tem de ser inferior a um quarto do salário mínimo.

Pensões
As pensões pagas a viúvas e viúvos poderão, eventualmente, ser menores do que o salário mínimo, segundo o secretário.

"Nas pensões por morte, o valor pago [à viúva ou viúvo] será de 50% da aposentadoria, acrescido de um adicional de 10% por dependente. Essa cota não será mais revertida para a viúva [ou viúvo] quando o filho completar 18 anos de idade", disse, ao ressaltar que as novas regras só valerão após serem promulgadas, não abrangendo as pensões que já são pagas. “Entre nossas premissas está a de não mexer com direitos já adquiridos”, acrescentou.

Idade mínima
As novas regras estabelecem idade mínima de 65 anos para homens e mulheres, segurados do INSS, servidores públicos, trabalhadores rurais e urbanos poderem pedir a aposentadoria, assim como parlamentares e detentores de cargos eletivos. O tempo mínimo de contribuição será de 25 anos.

As regras valerão para homens com idade inferior a 50 anos e mulheres com menos de 45 anos. Para os contribuintes com idade superio, a proposta prevê a aplicação de um acréscimo de 50% sobre o tempo que restava para a aposentadoria, tendo como base a regra antiga.

“Digamos que homem de 52 anos, com 34 de contribuição, com a regra de transição aplica-se 50% do tempo. Como o tempo de contribuição era 35 anos, o tempo que falta passa de 1 ano para 1 ano e meio”, disse o secretário.

Congresso Nacional
Ontem (5) ao deixarem a reunião no Palácio do Planalto em que debateram a reforma, sindicalistas disseram que, na forma como foi apresentada, a reforma não será aprovada no Congresso Nacional. Eles reclamaram da idade prevista na regra de transição, que deveria ser feita de forma mais suave.

Questionado se o governo está preparado para mudanças da reforma no Congresso, Caetano disse que as questões políticas fogem de seu controle, mas defendeu que a reforma é necessária ou o país terá de encarar problemas previdenciárias no futuro.

“O Congresso é fundamental nesse aspecto. É o local do diálogo social. No ambiente democrático seu papel é fundamental. Mas essa reforma foi feita com visão de Estado. Não de governo. Temos uma visão de longo prazo. Se começar a abrir mão de muita coisa vai ter que fazer uma nova reforma lá na frente. A reforma tem que ser duradoura. Queremos evitar não ter como pagar a Previdência, como acontece em vários estados. Se a reforma não for feita, daqui a 2 anos teremos que fazer nova entrevista para explicar uma nova reforma”, disse o secretário, em entrevista coletiva no Palácio do Planalto.

Imagem: Reprodução da internet

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

POPULAÇÃO FAZ APELO SOBRE GRANDE QUEIMADA EM TAQUARITINGA DO NORTE, PE

A informação é do LeiaJá -

O incêndio de grandes proporções e sem causa identificada ainda toma conta das Serras de Taquaritinga e do Pepê, no Agreste pernambucano. O fogo se espalha pelo local há seis dias. Diante da tragédia ambiental, 60 voluntários se uniram à equipe de três bombeiros na tentativa de controlar as chamas, mas o trabalho não tem sido suficiente. O grupo pede auxílio às autoridades.   

Os civis apontam a necessidade de equipes especializadas que possam auxiliar nesse trabalho. "Só foi enviada uma equipe com três bombeiros e é muito pouco para o que está acontecendo aqui. Precisamos de mais bombeiros, precisamos do exército que também realiza esse tipo de ação”, pede o produtor cinematográfico, Alexandre Soares, voluntário no trabalho em Taquaritinga. 

Ele explica que, apesar de um grupo de 60 pessoas trabalhar diariamente até o anoitecer, o fogo já atingiu cerca de 4 Km de Mata Atlântica e está a três de distância da cidade. As chamas já alcançaram, inclusive, o principal ponto turístico do local, a Rampa do Pepê. “Está tudo coberto por fumaça. Os mananciais de água foram prejudicados. Já encontramos muitos animais mortos e estamos apagando o fogo durante o dia, mas à noite ele está voltando. É como enxugar gelo”, detalha.   

Os voluntários convocam a participação de mais pessoas. Para os interessados, o grupo indica equipamentos como enxadas, pás, baldes de água e facões. Quem preferir, também pode contribuir com a doação de alimentos (frutas, bolachas, bolo), água, sucos, protetores solar e máscaras. 

Imagem: Devyd Santos/Divulgação

SOLDADO É MORTO POR TIRO ACIDENTAL DE COLEGA MILITAR, EM SÃO BENTO DO UNA, PE, DIZ EXÉRCITO

A informação é do G1 CARUARU -

Um soldado, que não teve a idade informada, morreu após ser baleado nesta segunda-feira (5) dentro da 10ª Companhia de Engenharia de Combate em São Bento do Una, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a nota enviada pelo Exército, a situação envolveu dois militares. O Exército trata a situação como um "acidente em serviço".

A nota  informou que o soldado foi "imediatamente socorrido" a uma unidade hospitalar em Belo Jardim, também na região Agreste, mas não resistiu aos ferimentos. "Foram tomadas as providências cabíveis, para apuração dos fatos. A família está sendo assistida", conforme a nota.

A 10ª Companhia não disse como aconteceu o disparo, mas informou que o outro militar envolvido na situação, está à disposição da Justiça.

Imagem: Reprodução da internet

IDADE MÍNIMA PROPOSTA PELO GOVERNO EM REFORMA DA PREVIDÊNCIA SERÁ DE 65 ANOS

A informação é da Agência Brasil -

A proposta de Reforma da Previdência apresentada nesta segunda (5) pelo governo estipula uma idade mínima de aposentadoria aos 65 anos para homens e mulheres. Atualmente, não há uma idade mínima para os trabalhadores se aposentarem. Eles podem pedir a aposentadoria com 30 anos de contribuição, no caso das mulheres, e 35 anos no dos homens. Para receber o benefício integral, é preciso atingir a fórmula 85 (mulheres) e 95 (homens), que é a soma da idade e o tempo de contribuição.

O presidente e a equipe econômica do governo conduzem neste momento uma reunião com os líderes da base aliada na Câmara e no Senado para apresentar o texto da reforma. A proposta será encaminhado ao Congresso Nacional, nesta terça (6).

O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, pediu que os parlamentares façam o debate com os críticos à proposta durante a tramitação no Congresso. “Cito como curiosidade o primeiro regime previdenciário brasileiro em 1934 tinha idade mínima de 65 anos, que é a idade que está sendo proposta agora”, afirmou Padilha, ao abrir a reunião com os parlamentares.

O ministro admitiu que o assunto é "árido” mas disse que as mudanças precisam ser feitas. O conteúdo da proposta ainda não foi divulgado pelo Palácio do Planalto. Ainda hoje as centrais sindicais vão se reunir com Padilha para discutir o assunto. A expectativa é de que o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e o secretário da Previdência, Marcelo Caetano, convoquem uma entrevista coletiva para detalhar as medidas.

Em discurso aos senadores e deputados, Michel Temer reconheceu também que o assunto é “espinhoso” e que é preciso “equilíbrio, serenidade e transparência” na tramitação do projeto. Temer lembrou que, como a reforma será encaminhada por meio de proposta de emenda à Constituição, não caberá a ele sancionar ou vetar a medida, já que após as aprovações no Congresso as mudanças serão promulgadas. Ele acrescentou ainda que "É lá [no Parlamento] que vários setores e as centrais sindicais irão se dirigir para postulações", acrescentou.

Imagem: Reprodução da internet

EDUARDO MELO, GIVALDO DE ALAGOINHA E SHOW RELIGIOSO NAS FESTAS DE FIM DE ANO EM XUCURU E NO SÍTIO PALHA

A informação é da Assessoria -

Você e sua família, convidados para vivenciar mais essas comemorações;


EDUARDO MELO / 24 dez - Na véspera do Natal na Rua da Palha de Xucuru;

GIVALDO E OS BONS DO FORRÓ / 31 DEZ - No Tradicional Revéillon de Xucuru, ambos, a partir das 22 horas, em praça pública.

Realização: Vereador Claudemir de Xucuru

Apoio: Prefeitura de Belo Jardim, Prefeito João Mendonça e Secretraria de Cultura, Turismo e Eventos, e Blog de Xucuru.

Imagem: Montagem do Blog

domingo, 4 de dezembro de 2016

MANIFESTAÇÕES DEMONSTRAM FORÇA DA DEMOCRACIA, DIZ PALÁCIO DO PLANALTO

A informação é da Agência Brasil -

O Palácio do Planalto disse respeitar as manifestações ocorridas neste domingo (4) em diversas cidades brasileiras de apoio à Operação Lava Jato e combate à corrupção. Por meio de nota à imprensa, o governo do presidente Michel Temer disse que os atos demonstraram novamente a “força e a vitalidade de nossa democracia” e lembrou a necessidade de o Poder Público atender as demandas da população.

Os atos ocorreram pela manhã e à tarde nas cerca de 200 municípios. Mais cedo, a Câmara dos Deputados e o presidente do Senado, Renan Calheiros, também comentaram os protestos, já que havia críticas nominais a Renan e ao pacote de medidas contra a corrupção que foi alterado pelos parlamentares na última semana.

“Milhares de cidadãos expressaram suas ideias de forma pacífica e ordeira. Esse comportamento exemplar demonstra o respeito cívico que fortalece ainda mais nossas instituições. É preciso que os Poderes da República estejam sempre atentos às reivindicações da população brasileira”, destacou o Planalto, no comunicado.

Imagem: Reprodução

sábado, 3 de dezembro de 2016

CHAPECÓ SE DESPEDE DE VÍTIMAS DE ACIDENTE AÉREO

A informação é da AFP -

Chapecó se uniu emocionada neste sábado para se despedir de seus jogadores de futebol mortos em um acidente aéreo em Medellín, no mesmo estádio onde esta pequena cidade de Santa Catarina aprendeu a sonhar alto.

Cinquenta caixões cobertos com a cor verde da Chapecoense foram conduzidos sob uma chuva torrencial do aeroporto, onde foram recebidos com honras militares, até a Arena Condá.

No estádio, o estranho silêncio acompanhado por um fundo musical emotivo só era rompido ao grito de "campeões, campeões", quando as telas mostravam imagens do cortejo.

"Vínhamos a todas as partidas, com chuva ou sol. Nosso sonho finalmente era real, estava tão próximo, não há explicação", afirmou emocionado à AFP Rui Alonso Thomas, um mecânico que acompanhava a passagem do cortejo junto a sua filha de dez anos.

"Chapecó vai demorar a se recuperar, mas eu vou continuar vindo ao estádio", acrescentou.

"Viemos porque a Chapecoense está no nosso coração, é nossa família. A chuva não nos deteve porque tínhamos muita vontade de nos despedir", declarou Patricia Carraro, de 32 anos, que foi à cerimônia acompanhada de sua família.

A tragédia abalou o mundo do esporte, que multiplicava suas homenagens. Na Espanha, Neymar chegou ao estádio do Barcelona, antes do clássico com o Real Madrid, levando sobre seu ombro esquerdo a camisa verde da Chapecoense.

- Desafio logístico -
Cerca de 100.000 pessoas eram aguardadas nos arredores do estádio procedentes de diversos pontos da região.

A grande maioria, no entanto, precisará acompanhar o velório do lado de fora do estádio, através de telões que foram instalados, já que as arquibancadas da Arena Condá têm capacidade para apenas 19.000 pessoas.

Nas tendas erguidas com estruturas metálicas na grama do estádio só poderão entrar 2.000 pessoas, entre familiares e parentes dos falecidos.

À complicada gestão da multidão se soma o protocolo de recepção das diferentes autoridades e figuras do futebol, que irão à cidade para mostrar seu pesar diante do pior acidente aéreo do esporte mundial.

O presidente Michel Temer chegou a Chapecó pela manhã, e se reuniu no aeroporto com familiares das vítimas.

Inicialmente, a participação do presidente deveria se limitar a este encontro, mas finalmente decidiu se dirigir até o estádio, indicou a Presidência.

A imprensa indicava que ele temia vaias, mas o próprio Temer informou que adiou o anúncio de sua presença para facilitar o trabalho da segurança.

"Talvez tenha sido orientado por seus assessores, por medo de que o vaiassem. Para nós isso não é o principal", disse Alexandre Bledin, um arquiteto de 34 anos. "Para mim é o de menos neste momento. São questões políticas que agora não importam", declarou.

O técnico da seleção brasileira, Tite, também estava presente.

A grande maioria dos 71 falecidos no acidente serão velados no estádio. Os outros eram tripulantes do avião ou jornalistas de grandes meios de comunicação que fretaram voos para transferir os corpos, indicou à AFP um porta-voz da FAB.

Após a cerimônia, as famílias poderão viajar com seus mortos para seus locais de origem, já que a maioria do plantel era de fora de Chapecó.

O acidente ocorreu na noite de segunda-feira quando o avião que transportava a equipe da Chapecoense, que iria disputar o jogo de ida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional da Colômbia, caiu perto de Medellín.

Imagem: AFP

JOÃO MENDONÇA PODERÁ ASSUMIR 4º MANDATO DE PREFEITO DE BELO JARDIM

A informação é do Blog Se Liga Belo Jardim -

Nesta quarta-feira (30/11) a Câmara Regional do TJPE, em Caruaru, julgou favorável a ação proposta pelo senhor João Mendonça, que pedia a anulação do julgamento pela Câmara Municipal de Belo Jardim, de suas contas do exercício de 2002, como prefeito.

Conforme Dr. Gilvandro Estrela, o Vereador da oposição, então aliado político e advogado de João, em 2012 o Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco deu parecer pela rejeição das contas de 2002 do Prefeito João Mendonça. A Câmara seguiu em 2012 o Parecer do TCE e rejeitou as contas do Prefeito.

Estranhamente depois de aproximadamente quatro anos o TCE se pronuncia que se equivocou e deu parecer pela rejeição das contas com ressalvas. Inconformado com o resultado do julgamento pela Câmara Municipal, João recorreu para o Judiciário, conseguindo ganhar a causa.

Considerando que só temos mais duas Sessões na Câmara e essas contas não serão mais votada de novo esse ano, bem como o Julgamento do processo do STJ a semana que vem versa apenas sobre prejuízo ao erário público, conclui-se que existem grandes chances do Tribunal Superior Eleitoral até o dia 19 desse mês (se respeitar o prazo que é impróprio), reformar a decisão judicial que indeferiu o registro de candidatura do Sr. João Mendonça, vindo a ser proclamado prefeito.

Caso não haja o julgamento até o dia 19/12, assumirá a prefeitura o presidente da Câmara. Texto: Dr. Leandro Martins.

Imagem: Reprodução/ASCOMPMBJ

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

PREVENÇÃO DE HIV/AIDS PRECISA DIALOGAR COM A JUVENTUDE, DIZEM ESPECIALISTAS

A informação é da Agência Brasil

As campanhas de conscientização e prevenção de HIV/Aids precisam ser renovadas constantemente para dialogar com a juventude. O tema foi debatido hoje (2) no I Encontro Carioca de Discussão das Políticas Públicas sobre Prevenção de HIV/Aids para a Juventude, organizado pela organização não governamental (ONG) Centro Integrado de Estudo e Programas de Desenvolvimento Sustentável (Cieds), na Universidade Veiga de Almeida, no Rio de Janeiro.

A gerente de Inclusão e Bem-Estar do Cieds, Aldeli Carmo, explica que, segundo dados do Ministério da Saúde, a infecção entre jovens de 15 a 24 anos aumentou 40% de 2002 a 2014, principalmente no segmento de homens que fazem sexo com homens (HSH). De acordo com ela, houve uma banalização do HIV/Aids, que agora é vista como doença crônica.

Ela disse que como tem sido vista a questão do tratamento, da medicação, acaba tornando simples algo que ainda é muito complexo. Segundo Aldeli Carmo, não existe aquele medo de morrer. A Aids é vista como qualquer outra doença crônica, e o jovem não se apercebe da condição real. Ela acrescentou, contudo, que o HIV/Aids é muito diferente de uma diabetes, uma hipertensão; "a Aids tem uma carga de medicação muito pesada, que tem outros efeitos. Não tem a mesma linha de tratamento e não deixa o paciente nas mesmas condições que outras doenças crônicas”.

Diálogo constante

Outra expositora, a diretora executiva do Centro de Promoção da Saúde (Cedap), Kátia Edmundo, enfatizou a importância do diálogo direto e constante com o jovem, para que ele se envolva na discussão e descubra formas mais eficientes de adquirir e compartilhar informações sobre o tema.

É fundamental, no seu entender, que mais pessoas se envolvam no desenvolvimeto de espaços de discussão com a juventude, para que os agentes de saúde possam ampliar informações a respeito da prevenção e gerar condições para que os jovens possam refletir sobre a própria realidade e encontrar suas próprias formas de se prevenir.

“Como é um tempo histórico relativamente pequeno, de 35 anos, embora a gente já tenha avançado, a discussão não pode deixar de ser aquecid. Ela não pode ficar esperando o Dia Mundial de Luta contra a Aids, ou o carnaval, para as ações acontecerem. Precisa construir uma agenda de discussão da prevenção. Não adianta falar 'faça assim ou faça assado'. Hoje tem um conjunto de tecnologias de prevenção, cada um tem que gerenciar os próprios riscos e fazer as próprias escolhas”, afirmou Kátia Edmundo.

Entre os temas debatidos no encontro está a necessidade de combinação dos métodos de prevenção. Além do preservativo, destacam-se a profilaxia pós-exposição (PEP), com o uso de medicamentos antiretrovirais por pessoa não infectada após o contato sexual desprotegido; a TasP, sigla em inglês para Treatment as prevention, que consiste em testar e tratar imediatamente após o diagnóstico; e profilaxia pré-exposição (PrEP), quando a pessoa não infectada mas com potencial de alto risco utiliza o antirretroviral preventivamente.

Um dos coordenadores da Rede Estadual de Adolescentes e Jovens que Vivem com HIV/Aids no Rio de Janeiro, Reinaldo Ribeiro, mostrou sua pesquisa de graduação em biologia, na qual levantou dados entre os jovens soropositivos para verificar se a educação sexual recebida pode ter influenciado na infecção. Entre os resultados, ele adverte que, se em 1989 a maioria dos soropositivos tinham apenas o ensino fundamental, em 2016 a “cara da Aids mudou", aumentando muito entre os graduados.

Reinaldo disse que comparando desde 1989, tem um gap de dados de 1996 a 2016, e lança aluns questionamentos para descobrir o que aconteceu nesse período? Quais as mudanças que aconteceram? O que mudou que está aumentando a infecção? Foi a educação do jovem? Sua conscientização? Falta falar sobre sexualidade nas escolas?

Tem jovens, segundo ele, que nunca ouviram falar de PrEP e que não sabem sequer colocar uma camisinha. "Sabem que é importante, que precisa usar para não engravidar, mas não sabem como por  a camisinha. Então tem muita coisa, eu acho que ainda falta didática, um jeito certo de conversar com os jovens para falar sobre sexualidade”, acrescentou.

Projeto-piloto

Uma ação que pôs em prática esse diálogo foi o projeto Afirmando Vozes e Identidades, que ministrou oficinas no Complexo da Maré, zona norte do Rio,  em 2012 e 2013, para jovens gays negros, moradores de favela. Segundo Mauro Lima, do Grupo Arco-Íris, ao constatar que a contaminação estava aumentando, o grupo resolveu “falar com a galera para ver como eles estão fazendo sexo”. De acordo com ele, o uso do preservativo é visto como uma imposição desagregada das relações de maneira prazerosa. Portanto, não dialoga com a juventude.

“Então, essa forçação de barra que o preservativo tem implícita, faz a gente decidir não usar por uma série de motivos: porque eu amo o cara e quero sentir prazer com ele sim; porque estou muito drogado naquele momento; porque aquele cara é muito gostoso e eu não quero deixar ele escapar; porque o preservativo não está na minha gaveta ou na minha carteira no momento; ou poque eu tenho vergonha de ir no posto de saúde buscar, porque eu ainda sou adolescente. Mas eu vou transar de uma forma ou de outra”, explicou Mauro Lima.

Segundo ele, o trabalho começou com autoconhecimento, com questões como “o que é ser veado dentro da favela?”, “quais são as problemáticas que você vive dentro da sua casa?”, “o que te dá mais prazer?”, “você sai na rua para fazer pegação de que forma?”. A partir daí, cada um passa a entender onde estavam os riscos na própria vida, para depois traçar um plano de vida de gerenciamento desses riscos.

Na avaliação de Mauro, “a pessoa precisa ter consciência da sua dinâmica sexual, de como o seu corpo funciona, onde está localizado o seu prazer, e você poder usufruir desse prazer tendo consciência do seu risco e adotando outras práticas que podem, cada vez mais, diminuir sua vulnerabilidade. "O nome disso é gestão de risco. Então, fazer a prevenção hoje não é mais só falar sobre o uso de preservativo. Você precisa entender qual é o risco que você corre, onde você está na sociedade, no seu meio”, afirmou.

No encontro também foi exibido um vídeo para explicar novas metodologias de prevenção.

Imagem: Reprodução

LUTA CONTRA AEDES AEGYPTI DEPENDE DE CADA UM FAZER SUA PARTE, DIZ MINSTRO

A informação é da Agência Brasil -

O ministro do Esporte, Leonardo Picciani, disse nesta sexta, (2), que o governo federal busca, com a mobilização nacional, conscientizar as pessoas que a luta contra o mosquito Aedes aegypti depende de cada um fazer sua parte. “Mais de dois terços dos focos do mosquito ficam dentro das casas. Cada cidadão tem que tirar uma fração do seu dia, uma vez por semana, e vistoriar seu quintal, ver onde tem água acumulada. Assim, todas as famílias estarão muito mais seguras”, afirmou.

O ministro participa do Dia Nacional de Combate ao Mosquito, instituído pelo Ministério da Saúde em todo o país, com ações integradas e simultâneas desenvolvidas em articulação com estados e municípios. O objetivo é intensificar a atuação contra o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, com a chegada do verão.

Picciani participou de atividades no bairro Rio das Pedras, na zona oeste do Rio de Janeiro, com a entrega de dez veículos para a Secretaria Estadual de Saúde do Rio. O ministro e o secretário estadual de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Júnior, falaram sobre prevenção da dengue, zika e chikungunya em uma escola municipal e também visitaram residências para mostrar como identificar e combater possíveis criadouros do Aedes.

“Escolhemos Rio das Pedras para essa mobilização por ser uma comunidade muito populosa. Há uma cobertura bastante atenta das equipes de saúde da família, dos agentes de endemia. Num local de concentração como é aqui, se todos fizerem sua parte, mas um não fizer, este um comprometerá a segurança de todos”, acrescentou o ministro.

Levantamento

O Levantamento Rápido de Índices para Aedes Aegypti (LIRAa) de 2016, feito pelo Ministério da Saúde, em conjunto com os municípios, apontou que 20 cidades estão em situação de alerta ou risco de surto de dengue, zika e chikungunya no estado do Rio. Segundo o estudo, a capital fluminense está em situação satisfatória. Em todo o país, o balanço mostrou que 855 cidades estão em situação de risco.

“O ano de 2016 foi difícil. Tivemos um número de casos muito maior de chikungunya. zika, que a gente não tinha nenhum histórico, também tivemos um grande número de casos e de crianças com microcefalia. Mas o mais importante neste momento é acompanhar o índice de infestação na cidade. Algumas áreas trazem preocupação, como na região do Médio Paraíba e no Noroeste do estado”, disse o secretário estadual de Saúde.

Imagem: Reprodução da internet

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

CBF PROVIDENCIA PAGAMENTO DE SEGURO DE VIDA A FAMÍLIAS DE ATLETAS DA CHAPECOENSE

A informação é da Agência Brasil -

Dois profissionais da empresa Itaú Seguros, acionada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), já se encontram em Chapecó (SC), para agilizar os trâmites relativos ao pagamento de indenização às famílias dos atletas do Chapecoense, mortos em acidente na madrugada do último dia 29, perto do aeroporto de Medellín, na Colômbia. Naquela cidade, a equipe enfrentaria, no dia seguinte (30), o Atlético Nacional, no primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana.

De acordo com informação dada nesta quinta (1º), no Rio de Janeiro, pela assessoria de imprensa da CBF, a entidade assumiu, no início deste ano – para desonerar os clubes 0150 – a obrigação de fazer seguros de vida para jogadores de futebol. Cada família de atleta vítima do acidente tem direito a receber 12 vezes o valor do salário do jogador, limitado a R$ 1,2 milhão. O seguro foi contratado com a Itaú Seguros.

A CBF acredita que, como se trata de um caso de comoção pública, todas as providências sejam tomadas sem burocracia, visando a acelerar a efetivação do pagamento das indenizações. O processo está em curso, de acordo com a entidade maior do futebol brasileiro.

O chefe da Comissão Nacional de Médicos de Futebol da CBF, Jorge Pagura, se encontra na Colômbia desde que foi noticiada a tragédia, e ali permanecerá o tempo que for necessário, informou a CBF.

Imagem: Reprodução da internet

INEP DIZ QUE NÃO VAI CANCELAR ENEM 2016 E QUE INVESTIGAÇÕES NÃO ESTÃO CONCLUÍDAS

A informação é da Agência Brasil -

Após declaração o Ministério Público Federal no Ceará (MPF-CE) de que houve vazamento nas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) afirma que o exame "foi realizado com segurança para mais de 5,8 milhões de estudantes nos dias 5 e 6 de novembro de 2016". O Enem não será cancelado e a punição se restringirá aos envolvidos nos casos de tentativa de fraude, de acordo com o órgão.

Em nota, o Inep, autarquia do Ministério da Educação (MEC) responsável pela aplicação do Enem, diz que a investigação da Polícia Federal ainda está em curso e em caráter sigiloso. "Ao contrário do que informou o procurador Oscar Costa Filho, do Ministério Público do Ceará, o inquérito não foi concluído", diz.

Segundo o Inep, os casos de tentativa de fraude identificados estão sob investigação e delimitarão a responsabilidade dos envolvidos. "Não há indicio de vazamento de gabarito oficial. Como é de conhecimento público, a Polícia Federal já efetuou prisões de envolvidos na tentativa de fraude e o Inep já os excluiu do exame".

Hoje (1º), o MPF divulgou nota na qual diz que as provas do primeiro e do segundo dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), além da prova da redação, vazaram para pelo menos dois candidatos antes do início do teste.

Os dois candidatos foram presos, um em Minas Gerais e outro no Maranhão. Ambos receberam exatamente as mesmas fotografias com gabaritos das provas, porém, de intermediários diferentes, "deixando claro que a origem do vazamento é a mesma"

O Inep também afirma que as operações deflagradas no dia 6 de novembro são reflexo da ação conjunta com a Polícia Federal e que trabalham em parceria para garantir a segurança e a lisura do certame. A autarquia "reitera o empenho de colaborar com a Polícia Federal para apurar os fatos, garantindo que não haja prejuízo aos participantes do Enem 2016".

Por meio da assessoria de imprensa, a PF diz que não irá se manifestar sobre o caso.

Imagem: Reprodução da internet

OPERAÇÃO LEI SECA MULTOU 148 MIL MOTORISTAS ALCOOLIZADOS EM 5 ANOS

A informação é do G1 PE -

Em cinco anos, mais de 148 mil multas por dirigir alcoolizado foram aplicadas em Pernambuco dentro da Operação Lei Seca (OLS), que completa, nesta quinta-feira (1º), meia década de atuação no estado. Desde 2011, já foram abordados quase dois milhões de motoristas. A ação, que ocorre principalmente em bares e pontos de aglomeração, é uma campanha permanente de conscientização e de fiscalização da direção após o consumo de bebidas alcóolicas.

Ao todo, 1,7 milhão de motoristas passaram pelo teste com o etilômetro, o “teste do bafômetro”. O número chega a uma média de 28,3 mil abordagens por mês. Dessas, 148 mil motoristas foram multados, 20 mil veículos foram rebocados e 36 mil pessoas tiveram a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida. Desse total, 32 mil condutores sofreram sanções administrativas e 1,5 mil criminais, todas por dirigirem alcoolizados.

Para otimizar o trabalho da operação, neste mês será inaugurada uma base administrativa na cidade de Serra Talhada, no Sertão, como cronogramas de blitz para cada região, com base nos dados estatísticos dos números de acidentados e georreferenciamento dos locais das colisões. A nova estrutura ficará responsável por planejar ações específicas apenas para o Sertão do Estado, nas seis Gerências Regionais de Saúde que o compõem (Arcoverde, Afogados da Ingazeira, Serra Talhada, Salgueiro, Ouricuri e Petrolina).

Nas ações educativas e de fiscalização, há gestões no Nível Central, no Recife, e em Caruaru, Goiana, Recife, Garanhuns, Limoeiro e Palmares.

Estrutura
Em todo o estado, a Operação Lei Seca envolve cerca de 210 profissionais. Por blitz, atuam aproximadamente 13 agentes de três órgãos do estado: Secretaria Estadual de Saúde (SES), Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) e Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), sendo quatro militares, quatro agentes do Detran e três técnicos da SES, além de motoristas para van e guincho. Nos trabalhos de orientação, a Operação conta com quatro equipes educativas.

Saúde pública
De acordo com o Ministério da Saúde, os acidentes de trânsito, principalmente envolvendo motos, é o principal problema de saúde pública no país. No estado, por ano, são gastos cerca de R$ 1 bilhão com os acidentados de moto, contabilizando os custos em saúde, previdência e outras áreas.

Esse tipo de paciente é um dos principais motivos da lotação dos leitos de enfermaria e das Unidades de Tratamento Intensivo, causando, por exemplo, cancelamentos nas cirurgias eletivas para que haja os atendimentos de urgência e reabilitação.

Em todo o estado, apenas em 2015, foram registrados 35.128 atendimentos de acidentados em transporte terrestre, dos quais 26.637 (80%) envolveram motociclistas. O Sertão de Pernambuco é responsável por 37% desse número, somando 13.090 acidentados. O destaque foi para Petrolina, que registrou 3.340 atendimentos. Em seguida, ficou Ouricuri, com 3.013; Serra Talhada, 2.350; Salgueiro, com 1.719; Afogados da Ingazeira, 1.386 e Arcoverde, com 1.282.

Imagem: Reprodução da internet

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

7º PEDIDO DE ABERTURA DE IMPEACHMENT, DO PREFEITO DE BELO JARDIM, É ARQUIVADO

A informação é do Blog Se Liga Belo Jardim -

Na noite desta terça-feira (29/11) a Câmara Municipal de Belo Jardim se reuniu mais uma vez, para votar o 7° pedido de impeachment contra o prefeito do município João Mendonça.

A sessão da noite desta terça recebeu um bom público, que quase lotou as dependências do plenário, de um lado muitos contratados da prefeitura foram defender o prefeito João Mendonça, de outro lado muitos populares da oposição contrários a atual gestão se enfrentavam entre aplausos e vaias, a cada posicionamento de cada vereador.

Em seguida o presidente da Câmara colocou em votação o pedido de impeachment contra o atual gestor que foi arquivado.

O placar da votação foi 6x6. Confira como cada vereador votou:

Vereadores que votaram a favor da abertura do impeachment
Tenente
Tio do Pastel
Silvano Galvão
Rafael Lopes
Nen Cabeludo
Gilvandro Estrela

Vereadores que votaram contra a abertura de impeachment
Vando de Ginaldo
Patrícia Maciel
Da Paz Bezerra
Claudemir Paulino
Euno Filho
Jairzinho

Imagem: Reprodução da internet

IGREJA DE CRISTO EXIBE FILME RELIGIOSO, NESTE SÁBADO, EM XUCURU

A informação é da Assessoria - 

É neste sábado (03) em Xucuru, o filme "O FILHO DE DEUS" na Quadra Poliesportiva Natanael Tavares, da Escola Municipal Luíza Leopoldina Lopes. 

A entrada é grátis, e haverá sorteio de brindes. 

Realização: Igreja de Cristo de Belo Jardim. Participe e convide amigos e amigas para conferir. 

Apoio: Blog de Xucuru


Imagem: Divulgação

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More