VOCÊ FAZ O SUCESSO

VOCÊ FAZ O SUCESSO

WEB RÁDIO NOVA XUCURU 'AO VIVO' - Acesse: www.novaxucuru.com - OUÇA TAMBÉM NO CELULAR OU TABLET

BAIXE O APLICATIVO RADIOSNET E OUÇA A NOVA XUCURU EM TODO LUGAR; CLIQUE NA FOTO ABAIXO E SAIBA MAIS

segunda-feira, 2 de março de 2015

SECA SE AGRAVA EM CINCO ESTADOS DO NORDESTE

Com informações do PE247 -

O quarto ano de seca consecutivo que assola o Nordeste e o norte de Minas Gerais têm levado a um agravamento no abastecimento hídrico nos estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e rio Grande do Norte. Nos demais estados, as chuvas registradas nas últimas semanas estão reduzindo os efeitos da estiagem prolongada. Os bons resultados se fazem sentir no número de cidades em estado de emergência reconhecidos pelo governo federal, que passou de 1.507 para 798 no espaço de um ano.

De acordo com dados do Ministério da Integração Nacional, as melhorias mais significativas foram sentidas nos estados da Bahia, Piauí, Sergipe, Alagoas e Maranhão. Na Bahia, segundo a Empresa Baiana de Água e Saneamento(Embasa), os reservatórios já estão com 70% da sua capacidade. No Piauí este índice chega a 45%.

Apesar disto, a situação ainda é tratada com cautela, uma vez que as previsões apontam que o risco da estiagem persistir chega a 45%, até porque as chuvas de janeiro foram as menores dos últimos anos.

Já o agravamento da situação afeta principalmente cidades de médio e pequeno porte dos estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte. Nestes estados, pelos menos 248 municípios enfrentam racionamento ou estão com o fornecimento de água em colapso total.

BELO JARDIM RECEBE MÉDICOS DO PROVAB E DO MAIS MÉDICOS

Com informações do NO GIRO DA CIDADE -

Nesta quarta-feira (4), a população de Belo Jardim, Agreste de Pernambuco, vai ganhar um reforço de oito (8) novos médicos dos Programas Provab e Mais Médicos. O anúncio foi feito pelo prefeito João Mendonça (PSD), que vai apresentar os novos profissionais em evento no espaço Tareco e Mariola, às 15h, com a presença do Secretário de Saúde do Estado, Dr. José Iran Costa Júnior.

De acordo com João Mendonça, a chegada dos novos profissionais de saúde vem reforçar o trabalho que já vem sendo feito pela prefeitura, com a construção do novo Hospital Júlio Alves de Lira, de uma UPA 24h e de 06 novas Unidades Básicas de Saúde. Os médicos vão atuar nos distritos e vilas de Xucuru, Água Fria, Serra do Vento e Taboquinha; e nas unidades urbanas da Cohab I (Posto II), Cohab II, Pontilhão e Lagoa.

Os novos médicos vão garantir uma cobertura de atendimento há mais de 10 mil famílias e começam a atuar já a partir da próxima segunda-feira (9). Segundo Silvia Renata, Secretária de Saúde, com os novos profissionais, a prefeitura vai poder levar a saúde para mais perto da população reforçando áreas importantes do município.

O Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica  - PROVAB, prevê atuação de profissionais de saúde durante 12 meses em diversos postos de atuação pelo país, supervisionados por uma instituição de ensino, sendo obrigatória a participação em curso de especialização em Atenção Básica provido pela Rede UNA-SUS. Semanalmente o profissional terá 32 horas de atividades práticas nas Unidades de Saúde e 8 horas no curso de especialização.

domingo, 1 de março de 2015

MORADORES DO SERTÃO E DO AGRESTE VIVEM EM GUERRA POR ÁGUA

Com informações do JC Online -

Sem alvoroço, os baldes vão sendo enfileirados. Um atrás do outro num silêncio tão incômodo quanto enganador. Confusão já houve muita. Ainda há. Já teve caso de ser preciso chamar a polícia para apartar a briga. Mas no começo daquela manhã de quarta-feira, a fila está comportada. As pessoas mal se falam. Vão chegando e esperando. 

Encostam suas vasilhas numa coreografia quase robotizada. É hora da humilhação de todo dia. De tentar juntar um resto de dignidade no balde vazio. Dessa vez, a caixa-d’água instalada na Rua Paulino Soares, em Itapetim, no Sertão do Estado, foi premiada. O moço do carro-pipa resolveu encher o reservatório todo. Coisa rara. Geralmente, abastecem só até a metade e vão embora. Talvez, por isso, o silêncio enganador. Naquele dia, de breve fartura, os baldes aguardavam pacientemente a sua vez.

Na Avenida Antônio Paes de Lira, no Alto da Boa Vista, município de Pedra, num Agreste tão seco e esturricado quanto o Sertão, não há calmaria. Nem aparente. Baldes nervosos, desesperados até, disputam instantes preciosos embaixo da torneira. Naquela manhã, completavam nove dias que a caixa-d’água instalada no meio da rua estava vazia. Nem uma gota d’água. No dia anterior, a dona de casa Silene Clemente da Silva, 39 anos, havia gasto os únicos R$ 40 que tinha para comprar água para os quatro filhos. Deixou vazio o botijão de gás para matar a sede. “Agora vou fazer o que para cozinhar?”, perguntava-se, entre uma e outra lata d’água na cabeça. Silene vive num regime de exceção. São mais de 100 mil pernambucanos que, iguais a ela, tiveram confiscado o direito a água encanada, pingando da torneira. Num Estado devastado pela seca, o Jornal do Commercio percorreu as oito cidades do Agreste e do Sertão que hoje dependem, exclusivamente, do carro-pipa para garantir a sobrevivência diária. No carimbo oficial, são os chamados “municípios em colapso”. Na vida real, uma nação em guerra por água.

Após três anos de estiagem, não é mais a vaca morta na estrada que impressiona. A maior parte do rebanho já havia sido dizimada em 2012, primeiro ano em que a chuva deixou de cair em Pernambuco. Lá atrás, o gado esquálido, abandonado para morrer à míngua, era uma imagem recorrente. E o homem do campo, com a colheita e os bichos perdidos, o mais sofredor. Agora é diferente. Já entrando no quarto ano de seca prolongada, as barragens deixaram de alimentar as torneiras das casas e nivelaram sítio e cidade numa mesma desolação. Muitas secaram completamente. Outras, como a de Jucazinho, localizada em Surubim, e que abastece cidades do Agreste, estão em nível crítico. Sem espaço para armazenar água, os moradores da área urbana sofrem até mais. Madrugam com baldes nas mãos à espera de um pouco de alento. Espreitam a sorte de ter água para lavar a roupa, a casa, os pratos. Tomar banho nem que seja uma vez só.

No Agreste, a reportagem visitou as cidades de Pedra, Venturosa, Poção, Jataúba e Alagoinha. Pelos caminhos do Sertão, andou por Itapetim, Brejinho e Triunfo. Foram 1.500 quilômetros para testemunhar o desespero diário pela água. A seca fez a desigualdade ficar ainda mais desigual: quem ainda tem dinheiro para comprar água vai enfrentando como pode. E quem não tem? A aposentada Sebastiana Gorete da Silva, 61, moradora de Alagoinha, já deixou de comprar comida para garantir água para a família. “Tenho seis filhos, cinco netos, criança ainda de colo em casa. A gente tem que escolher. Diminuir a feira, para sobrar algum dinheiro e poder limpar a casa e tomar banho”, conta. Não se gasta pouco. Dependendo do município, um carro-pipa, com sete mil litros, chega a custar R$ 200. O botijão com mil litros, R$ 20.

A saída encontrada pelo governo para matar a sede da população foi espalhar caixas-d’água pelas ruas das cidades. Em todas elas, os reservatórios azuis são a única fonte de quem não tem como pagar pela água que consome. Quando as caixas são abastecidas, não se sabe ao certo dia ou hora, crianças, adultos e velhos disputam balde a balde um pouco de esperança para levar para casa. No município de Pedra, João Guilherme mal consegue ficar em pé. Tem apenas 7 anos, mas já se incorporou ao exército sedento por água. Vai torto, balde para um lado, equilíbrio para o outro, carregando uma vasilha quase maior do que ele. A mãe, grávida de quatro meses, em nada pode ajudá-lo. O menino vai uma vez, vai outra. Consegue juntar pouco, mas é melhor do que nada. Em Itapetim, Maria do Socorro de Souza tem 75 anos e o corpo machucado pela vida. Vai carregar água escondida do filho. “Se ele souber que eu puxei esses baldes, reclama comigo. Mais tarde, vou ter que tomar remédio para dormir porque os ossos doem muito. Mas não tem outro jeito. Não tenho como comprar”, diz, resignada.

Quando a ajuda do governo não chega, o jeito é apelar para o céu. Na zona rural de Jataúba, Maria das Graças Teixeira, 38, tem uma cisterna no quintal. Mas o reservatório está praticamente vazio há um ano. A dona de casa, mãe de quatro filhos, correu atrás do Exército para conseguir um carro-pipa. Tentou uma vez, duas, três. Deixou pra lá. Vai se virando com o trocado do Bolsa Família. Mais sede do que vida. Ela nunca soube o que é água na torneira. “O que é isso? A gente aqui não tem direito a esses luxos, não, moça.” Sentada na cadeira de balanço, Maria das Graças espera por uma chuva que teima em não cair. “Tô esperando que Deus abra as portas do céu.”

Foto: JC Imagem

POR ANO, ACIDENTES DE TRÂNSITO CUSTAM AO ESTADO O EQUIVALENTE A 8 HOSPITAIS EM PERNAMBUCO

Com informações do DIÁRIO DE PE -

O número de feridos em acidentes de trânsito no estado aumentou 8,5% para os acidentes em geral e até 13% para os que envolvem moto, entre 2013 e 2014. O aumento é mais um dado preocupante para a capital pernambucana, que foi considerada a mais violenta no trânsito no país na última pesquisa do Datasus, de 2012. Naquele ano, o custo para a saúde no estado com feridos e mortos no trânsito chegou a R$ 650 milhões, o equivalente ao custo de construção e instalação de equipamentos de oito hospitais como o Dom Helder Camara, que realiza 2,7 mil atendimentos na emergência por mês.

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) calcula em R$ 230 mil o custo médio por paciente grave em internação hospitalar. Os acidentados de moto são os que costumam passar mais tempo nos leitos hospitalares. Eles são submetidos a pelo menos duas intervenções cirúrgicas. O tempo médio de internação é de 35 a 41 dias, mas no Hospital da Restauração (HR), a principal unidade de trauma do estado há pacientes com até seis meses de internação.

É o caso do agricultor José Soares de Melo, 37 anos, internado desde setembro do ano passado e ainda sem previsão de alta. Morador de Vitória de Santo Antão, ele foi trazido para o HR pelo Samu, depois de colidir contra um carro em uma estrada de terra na Zona Rural do município. A perna quebrou em cinco lugares e ele já passou por duas cirurgias. “Tem parte da perna sem osso. Ainda dependo de um equipamento para colocar na perna e para aguentar a dor, só tem dipirona”, lamentou o agricultor, que tem esperança de voltar a andar, mas não quer mais pilotar moto. “A gente pilota e pensa que nunca vai acontecer nada.” 

O coordenador do Comitê de Prevenção de Acidentes de Moto (Cepam-PE), o médico João Veiga, acredita que o aumento no número de acidentes com moto é reflexo da falta de fiscalização. “Esse é o principal fator, e não a quantidade de motos nas ruas.” 

Aumentar a fiscalização sobre as motos é uma das próximas estratégias da Operação Lei Seca. “Com o aumento no número de acidentes, vamos intensificar as blitzes com os motociclistas. Mas acredito que a maioria dos acidentes ocorra por imprudência do condutor, e não necessariamente pelo consumo de álcool”, ressaltou o coronel André Cavalcanti, coordenador da Operação Lei Seca.  

Desastres com moto são maioria
Um dos principais termômetros para medir o aumento no número de vítimas de acidentes de trânsito é o pagamento do seguro DPVAT. De acordo com o presidente da Conselho da Federação Nacional das Empresas Corretoras de Seguro, Carlos Valle, os acidentes de moto no Nordeste respondem por 59% das ocorrências de acidentes. 

As empresas de seguro, no entanto, constataram que grande parte das vítimas não paga o seguro DPVAT. “Muita gente financia seu bem em nome de um parente ou amigo, que não possui habilitação, e a motocicleta é vendida e licenciada sem que nenhum responsável pelo veículo seja indicado. E as multas não serão atribuídas a ninguém”, criticou Valle. O assunto já foi debatido pela Operação Lei Seca. “Não dispomos de mecanismo legal para condicionar a venda à habilitação. Mas reconhecemos que é um problema”, revelou o coronel André Cavalcanti.

SAIBA MAIS
O custo dos acidentes de trânsito em Pernambuco
R$ 650 milhões foram gastos com feridos e óbitos de acidente de trânsito em Pernambuco em 2012

108 UPAS 
poderiam ter sido construídas com os recursos gastos com os acidentados de trânsito (cada UPA custa em média R$ 6 milhões)

6 hospitais 
do porte do Hospital Mestre Vitalino (Caruaru) poderiam ser construídos e ainda sobraria dinheiro para mais 12 UPAS

Os custos serão ainda mais elevados nos últimos dois anos:
De 2013 a 2014 - houve um crescimento de 8,5% no números de acidentes no estado com todos os tipos de veículos

De 2013 a 2014 - houve um crescimento de 13% somente nos acidentes com motos

O IPEA estima o custo hospitalar de uma vítima grave em acidente de trânsito em R$ 230,6 mil.

Vítimas que foram às unidades de saúde
2013
42 mil* feridos em acidentes terrestres (nem todos ficam internados)

34 mil* feridos em acidentes de moto

2014
46 mil* feridos foram atendidos pelo estado (nem todos ficam internados)
34 mil* feridos eram de acidente de moto
De cada 4 pessoas feridas no trânsito, 3 estavam em uma moto

Foto: Reprodução

RESULTADOS DA 6ª RODADA DO PE 2015 PELO HEXAGONAL DA PERMANÊNCIA E PRÓXIMOS JOGOS


sábado, 28 de fevereiro de 2015

SESC-LER BELO JARDIM COMEMORA 10 ANOS COM PROGRAMAÇÃO ESPECIAL

Com informações do NO GIRO DA CIDADE -

O Sesc Ler Belo Jardim comemora 10 anos de criação de trabalho social, dia 28/02/2015. Na noite desta última sexta-feira (27), aconteceu a abertura da exposição “Mestres do Jardim”, com produções de José Márcio Barros, o Biluca, retratando a história de nossa cidade.

Durante o evento de abertura da exposição a Srª. Tereza Ferraz, Diretora da Divisão de Educação e Cultura, em seu discurso agradeceu ao prefeito João Mendonça pelo apoio e empenho que ele dedicou durante esses anos, Tereza, destacou a importância do trabalho social que o Sesc realiza para a população belo-jardinense e finalizou seu discurso agradecendo as autoridades e empresários colaboradores do Sesc e parabenizou toda equipe do Sesc pelo trabalho realizado.

Biluca é pintor, quadrinista, desenhista e artista gráfico, além de mestre da arte de letreiros. O passado de sua terra natal é tema recorrente em suas pinturas e quadrinhos, evidenciando locais, hábitos e costumes que deixaram de existir. "Essa mostra é primeira realizada pelo pintor, essa exposição é uma forma de agradecimento ao povo belojardinense pela acolhida ao Serviço Sesc", declarou Adriana Perboire, gerente do Sesc Ler Belo Jardim.

A mostra ficará em cartaz até o dia 24 de abril, com visitação de segunda a sexta, das 9h às 12h, 14h às 17h e 19h às 21h. 



MEGA-SENA ACUMULA E PRÊMIO PODE CHEGAR A R$ 7 MILHÕES

Com informações do G1 -

A Caixa Econômica Federal (CEF) sorteou, na noite deste sábado (28), as dezenas do concurso 1.682 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado em Ibirubá (RS) e o valor do prêmio era de R$ 3 milhões. Nenhum apostador acertou as seis dezenas. A estimativa de prêmio para o próximo concurso é de R$ 7 milhões.

Veja as dezenas sorteadas: 7 - 13 - 35 - 37 - 39 - 51.

A quina teve 201 apostas ganhadoras e o prêmio para cada uma delas é de R$ 8.894,93. A quadra teve 8.761 apostas ganhadoras, cada uma delas com direito a R$ 291,53.

Para apostar
A Caixa Econômica Federal faz os sorteios da Mega-Sena duas vezes por semana, às quartas-feiras e aos sábados. As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 2,50.

POLÍCIA PRENDE TRÊS SUSPEITOS DA CHACINA EM POÇÃO, PE, QUE VITIMOU TRÊS CONSELHEIROS TUTELARES

Com informações do JC ONLINE -

A Polícia Civil e a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco anunciaram, na tarde deste sábado (28), que prenderam nesta sexta-feira (27) dois suspeitos de mandar executar a chacina ocorrida em 6 de fevereiro, no município de Poção, no Agreste do Estado. No crime, morreram quatro pessoas, entre elas três conselheiros tutelares da cidade.

A polícia cumpriu dois mandados de prisão temporária (com validade de 30 dias) e deteve Bernadete de Lourdes Britto Siqueira Rocha, 52 anos, e seu filho José Cláudio de Britto Siqueira Filho, 32 anos. Os dois são naturais de Arcoverde, no Sertão, e seriam avó e pai de uma criança que teria sido resgatada pelos conselheiros e a avó materna, horas antes do crime. Também foi preso um suspeito de ter executado as vítimas, mas a polícia não divulgou seu nome.

A nota divulgada pela polícia diz ainda que só ao final das investigações será dada uma coletiva à imprensa sobre o caso. A investigação corre sob sigilo por determinação da chefia de Polícia Civil. Como ainda há suspeitos à solta, também não foram dados mais detalhes sobre as circunstâncias das prisões já efetuadas.

A chacina ocorreu em Poção, após os três conselheiros e a avó materna da criança, Ana Rita Venâncio, terem ido até Arcoverde buscá-la em cumprimento de uma decisão judicial. A avó tinha conseguido, na Justiça, retirar do pai da criança a guarda. Os conselheiros assassinados, Lindenberg Vasconcelos, Daniel Farias e Carmem Lúcia da Silva, foram dar suporte à mulher. Surpreendidos quando voltavam para casa, os quatro foram assassinados a tiros. Protegida pela avó, dentro do Fiat Uno em que estavam, a criança sobreviveu.

Foto: Blog EncartNotícias

ACIDENTE EM BELO JARDIM DEIXA TRÊS PESSOAS MORTAS

Com informações do Blog Jardim do Agreste -

Três pessoas morreram na madrugada deste sábado (28) vitimas de acidente na PE 166 em Belo Jardim no Agreste de Pernambuco. 

O acidente aconteceu próximo a entrada da lagoa do Inhumas, segundo informações, uma moto com três pessoas bateram de frente em uma carreta e morreram no local, as vítimas um adolescente de 16 anos e um homem de 21 residiam na Vila Raiz, zona rural de Belo Jardim, e uma mulher com idade não informada, residia no Bairro Santo Antônio. 

Os três voltavam de um Bar no bairro Maria Cristina, sentido BR 232, e a carreta seguia sentido AEB.

O SAMU compareceu no local mas as vitimas já estavam sem vida,  a PM fez os procedimento de isolamento da área, liberação dos corpos e os veículos foram levados para a delegacia local.



FERNANDO BEZERRA, O ARTICULADOR

Com informações do Blog do Magno Martins -

Desde que se elegeu em outubro do ano passado, o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB) tem se dedicado integralmente à pauta de político vocacionado: fazer articulações. Tanto no plano local, onde tem projeto para disputar o Governo do Estado em 2018, quanto na esfera nacional, onde tem ajudado o seu partido a atrair quadros para as eleições do próximo ano nas capitais.

Na quarta-feira, Fernando foi mais além e conversou até com o ex-presidente Lula, sob o pretexto de tratar de questões nacionais, mas a conversa derivou também – e muito – para Pernambuco. “Lula gostou bastante do encontro que teve com o governador Paulo Câmara e quer fazer uma agenda no Estado”, disse o senador, em entrevista, ontem, ao Frente a Frente.

Na capital paulista, o senador participou do encontro com a senadora Marta Suplicy (PT), articulado pelo vice-governador de São Paulo, Márcio França. A ideia é convencer Marta a se transferir do PT para o PSB com a garantia da legenda socialista de que será candidata à prefeita. O PT já tem candidato. É o prefeito Fernando Haddad, que disputa à reeleição.

Insatisfeita com a falta de espaço na legenda petista, a senadora pode se filiar ao PSB. Outra senadora que o PSB vem flertando nesta mesma direção é Lúcia Vânia, do PSDB de Goiás. Se aceitar o convite de para trocar a legenda tucana pela socialista, Vânia pode ser candidata à prefeita de Goiânia.

Quanto ao encontro com Lula, Fernando disse que tratou muito mais da crise nacional. Ao senador, o ex-presidente disse que Dilma precisa explicar melhor os motivos do ajuste. “A vida não se encerra com eles, que é preciso falar de futuro", disse o senador.

Fernando apresentou a Lula um quadro pouco amistoso no Congresso ao governo Dilma. "Chamei a atenção de que o quadro político é de muita preocupação dentro do Congresso com contorno na questão política. É preciso conversar mais, dar uma desanuviada no clima tencionado desde a disputa da Mesa Diretora do Senado", afirmou.

Segundo ele, apesar de defender a ampliação do diálogo e da aproximação com o presidente Lula, não houve discussão sobre a possibilidade de o PSB retornar à base aliada. "Vamos permanecer na situação de independência ao governo. Mas disse a ele que o partido vai apoiar as propostas ", afirmou o senador.

DIVÓRCIO– Na conversa de Lula com os senadores Renan Calheiros e Eunício Oliveira, além do ex-senador José Sarney, na última quarta-feira, o ex-presidente ficou com a impressão de que está chegando ao fim a coalizão do PMDB com o PT.  “Não tem mais agenda nem há quem sinalize quais são os próximos passos”, vazou um dos senadores. Mas Lula não avançou o sinal em direção a 2018, para não atrapalhar o Governo Dilma.

Acredite se quiser! – Numa recente reunião na casa do presidente do PP, senador Ciro Nogueira (PI), em Brasília, o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, citou um caso que deixou a plateia de cabelo em pé: um jovem de 20 anos que teria casado com uma senhora de 80 anos para receber a pensão pela sua morte.

Regalia contestada – O Ministério Público Federal vai investigar a existência de malversação de dinheiro público na concessão de passagens aéreas para as esposas e maridos dos deputados federais, restrito a parlamentares e assessores. De acordo com o procurador da República no Distrito Federal, Frederico Paiva, a utilização do benefício equivale a bancar interesses particulares com verbas públicas.

Efeito cascata-1– Um dia após a Câmara aprovar um pacotão de reajuste no valor dos benefícios dos deputados federais, a Assembleia Legislativa do Paraná decidiu seguir o mesmo caminho. Não está definido o percentual, mas caso os índices sejam os mesmos aplicados em Brasília, o custo será de quase R$ 11 milhões a mais por ano aos cofres públicos paranaenses, que passam por graves dificuldades financeiras.

Efeito cascata-2– No caso da Assembleia Legislativa de Pernambuco, os deputados poderão ter mais dinheiro, a partir de abril, para gastar na contratação de assessores comissionados e nos gastos para custear o mandato – com combustível, telefone, alimentação. A discussão deve entrar na pauta da reunião da mesa-diretora da Casa agendada para a próxima terça-feira.

CURTAS

ENTRAVE– Em Araripina, principal município do Sertão do Araripe, com 78 mil habitantes, a 690 km do Recife, a justiça estagnou de vez. Só há um juiz na comarca, que trabalha apenas dois dias por semana, contribuindo para empilhar ainda mais os processos em tramitação.

JULGAMENTO– Será no dia 14 de abril, a partir das 8 horas, o júri popular referente ao homicídio do advogado Manoel Mattos. O homicídio ocorreu no dia 24 de janeiro de 2009, na praia Azul, em Pitimbu, na Paraíba. Na próxima segunda, às 14 horas, será realizado o sorteio dos jurados.

Perguntar não ofende: Janot, procurador da República, libera quando os nomes dos políticos envolvidos na operação Lava Jato?

NOVA REGRA DO SEGURO-DESEMPREGO VALE PARA DEMITIDOS A PARTIR DESTE SÁBADO

Com informações do G1 -

A nova regra do seguro-desemprego começa a valer para quem for demitido a partir deste sábado (28), segundo informou o Ministério do Trabalho. Portanto, as mudanças valerão para esses trabalhadores que darão entrada no pedido a partir desta segunda-feira (1º).

"A vigência da Medida Provisória [que estabelece as novas regras] começará 60 dias a partir da data da publicação. Sendo assim, as novas regras incidirão nos trabalhadores demitidos a partir do dia 28 de fevereiro de 2015", diz o Ministério do Trabalho.

Com as mudanças, o trabalhador que solicitar o benefício pela primeira vez deverá ter trabalhado por 18 meses nos 24 meses anteriores.

De acordo com as novas regras, na segunda solicitação do benefício, ele terá de ter trabalhado por 12 meses nos 16 meses anteriores e, a partir da terceira solicitação, terá de ter trabalhado, pelo menos, por seis meses ininterruptos nos 16 meses anteriores.

De acordo com o Ministério da Fazenda, na primeira solicitação, o trabalhador poderá receber quatro parcelas se tiver trabalhado entre 18 e 23 meses nos 36 meses anteriores. Poderá receber cinco parcelas se tiver trabalhado a partir de 24 meses nos 36 meses anteriores. Já na segunda solicitação, ele poderá receber quatro pardelas se tiver trabalhado entre 12 e 24 meses nos 36 meses anteriores.

A partir da terceira solicitação do seguro-desemprego, vale a regra anterior, que prevê o recebimento de três parcelas para quem trabalhou entre 6 e 11 meses nos 36 meses anteriores. Para receber quatro parcelas do seguro-desemprego, ele terá de ter trabalhado entre 12 e 23 meses nos 36 meses anteriores e, para receber cinco parcelas, terá de ter trabalhado por, pelo menos, 24 meses nos 36 meses anteriores.

Outras mudanças
Também começa a valer em março um novo cálculo que reduzirá o valor da pensão por morte (do patamar de 100% do salário de benefício para 50% mais 10% por dependente até o limite de 100% e com o fim da reversão da cota individual de 10%).

Outra mudança é a vitaliciedade do benefício. Cônjuges “jovens” não receberão mais pensão pelo resto da vida. Pelas novas regras, o valor será vitalício para pessoas com até 35 anos de expectativa de vida – atualmente quem tem 44 anos ou mais. A partir desse limite, a duração do benefício dependerá da expectativa de sobrevida.

Desse modo, o beneficiário que tiver entre 39 e 43 anos receberá pensão por 15 anos. Quem tiver idade entre 33 e 38 anos obterá o valor por 12 anos. O cônjuge com 28 a 32 anos terá pensão por nove anos. Quem tiver entre 22 e 27 anos receberá por seis anos. E o cônjuge com 21 anos ou menos receberá pensão por apenas três anos.

Já entrou em vigor no dia 14 de fevereiro uma das novas regras anunciadas pelo governo para a pensão por morte. Com a mudança, só tem direito ao benefício quem conta com pelo menos dois anos de casamento ou união estável. A legislação anterior não estabelecia um prazo mínimo para a união.

As mudanças na pensão por morte fazem parte de um pacote de medidas provisórias anunciadas pelo governo no final do ano passado para tornar mais rigoroso o acesso da população a uma série de benefícios previdenciários. As mudanças não afetam quem já recebe o benefício.

Já no dia 30 de dezembro, entrou em vigor a alteração que estabelece que deixa de ter à pensão o dependente condenado pela prática de crime que tenha resultado na morte do segurado.

ARMANDO DIZ QUE "PESSIMISTAS IRÃO PERDER"

Com informações do PE247 -

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro Neto (PTB), disse estar seguro que o Brasil verá em breve a retomada do ciclo de crescimento da economia. "Estamos reequilibrando a economia para que o Brasil retome o crescimento e isso vai acontecer logo, eu estou seguro", afirmou. Otimista, ele também disse que "os pessimistas no Brasil estão condenados a perder".

A declaração do ministro foi feita na noite desta quinta-feira (26), durante sua passagem por Petrolina, no Sertão pernambucano, quando participou da cerimônia de doação de um terreno para a implantação de uma empresa de call center que irá gerar 3 mil empregos.

Segundo Armando, "o nosso Brasil é muito maior do que qualquer dificuldade que se apresente. Algumas vozes ficam insistindo em querer impregnar um clima de pessimismo e de desalento no Brasil. Mas eu costumo dizer que os pessimistas no Brasil estão condenados a perder", destacou.

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

AUMENTOS NA ENERGIA SÃO PASSAGEIROS, DIZ DILMA

Com informações da Agência Brasil -

A presidente Dilma Rousseff disse hoje (27) que o aumento nos preços da energia elétrica é passageiro e motivado pelo período de seca que o país enfrenta. Segundo ela, a substituição das formas de produção de energia em momentos de estiagem, das usinas hidrelétricas para as térmicas ou biomassa, faz com que seja necessário arcar com as despesas das matérias-primas..

“Você só vai a energia térmica, que é mais cara, quando precisar. Nós estamos precisando. Os aumentos nos preços da energia são passageiros, estão [sendo aplicados] em função do fato de que o país enfrenta a maior falta de água dos últimos 100 anos”, justificou. De acordo com a presidenta, a produção de energia hidrelétrica é mais barata, porque não é necessário pagar pela água, diferentemente de itens como o gás, carvão ou biomassa.

Dilma deu as declarações em Santa Vitória do Palmar, no Rio Grande do Sul, durante a inauguração do Parque Eólico Geribatu, que vai ser capaz de produzir 250 megawatt de energia. Ela disse que as consequências da seca não significam que o país vai ter qualquer problema sério ou mais sério na área de energia elétrica. "Não iremos ter, porque temos todo um sistema de segurança. Isso também não significa que vamos sair por aí jogando energia pela janela e não consumindo de forma racional.”

Para a presidenta, a parte do governo é garantir a oferta de energia. Em contrapartida, os cidadãos também têm que colaborar evitando o desperdício. “Desperdício zero. Diversificação da matriz mais desperdício zero é a garantia de segurança do país”, afirmou Dilma, antes de citar exemplos: “Não tem por que a geladeira ficar aberta se você não está usando, nem deixar o chuveiro ligado quando não está usando. Não tem por que a gente jogar fora a energia que custa tanto produzir.”

O Parque Eólico Geribatu atenderá o consumo energético de 1,5 milhão de habitantes. Junto com os sistemas de transmissão, foram investidos no parque R$ 2,1 bilhões em recursos públicos e privados. Ao lado dos parques de Chuí e Hermenegildo, compõe o Complexo Eólico Campos Neutrais, o maior da América Latina.

VEREADOR CLAUDEMIR RECEBE COMEMORAÇÃO SURPRESA NO SEU ANIVERSÁRIO

Com informações do Blog -

Nesta sexta-feira (27), o Vereador Claudemir Paulino, representante de Xucuru na câmara municipal de Belo Jardim, completou mais um ano de vida, e familiares, amigos e correligionários prepararam uma comemoração surpresa para o parlamentar que tem ajudado o desenvolvimento do distrito, da melhor maneira possível.

A comemoração ocorreu na propriedade rural do vereador, próximo à chegada de Xucuru, com presença de várias pessoas que foram felicitar Claudemir, pela passagem de mais um de vida que o mesmo vivenciou nesta sexta-feira. Foi um momento de muita alegria com um simbólico jantar, além do tradicional bolo, em clima de bastante harmonia.

Longa vida e saúde para o atual e um dos melhores líderes políticos que Xucuru já teve nos últimos tempos, sempre buscando fazer o melhor pela terra que ele escolheu para viver sua vida, ao construir família com gente da própria comunidade.





PERNAMBUCO TERÁ AUMENTO NA CONTA DE LUZ A PARTIR DE MARÇO

Com informações do JC ONLINE -

A partir da próxima segunda-feira (2), a conta de luz vai ficar mais cara para os consumidores pernambucanos. A revisão tarifária extraordinária para essas empresas foi aprovada hoje (27) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), e a Celpe vai sofrer um reajuste de 2,2%.

Os maiores aumentos serão para as distribuidoras AES Sul (39,5%), Bragantina (38,5%), Uhenpal (36,8%) e Copel (36,4%).

A distribuidora CEA, do Amapá, não solicitou a revisão tarifária. Já as empresas Amazonas Energia (AM), Boa Vista Energia e CERR (RR) não terão revisão tarifária porque não participam do rateio da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) e não estão no Sistema Interligado Nacional. A Ampla (RJ) também não passou pela revisão, porque seu processo tarifário ocorre em 15 de março, quando todos os efeitos serão considerados.

Os impactos da revisão serão diferentes conforme a região da distribuidora. Para as concessionárias das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste o impacto médio será de 28,7% e para as distribuidoras que atuam nas regiões Norte e Nordeste, de 5,5%. A diferença ocorre principalmente por causa do orçamento da CDE e da compra de energia proveniente de Itaipu.

Também começa a valer na semana que vem os novos valores para as bandeiras tarifárias, que permite a cobrança de um valor extra na conta de luz, de acordo com o custo de geração de energia. Além da revisão extraordinária, as distribuidoras também passarão neste ano pelos reajustes anuais, que variam de acordo com a data de aniversário da concessão.

Segundo a Aneel, a revisão leva em consideração diversos fatores, como o orçamento da CDE deste ano, o aumento dos custos com a compra de energia da Usina de Itaipu - por causa da falta de chuvas -, o resultado do último leilão de ajuste – que aumentou a exposição das distribuidoras ao mercado livre – e o ingresso de novas cotas de energia hidrelétrica. “No ano passado e este ano, o custo da energia elétrica tem sido realmente alto, porque o regime hidrológico não está favorável, temos despachado todas as térmicas, que têm um custo mais alto”, explicou o diretor-geral da Aneel, Romeu Rufino.

A revisão extraordinária está prevista nos contratos de concessão das distribuidoras, e permite que a Aneel revise as tarifas para manter o equilíbrio econômico e financeiro do contrato, quando forem registradas alterações significativas nos custos da distribuidora, como, por exemplo, modificações de tarifas de compra de energia, encargos setoriais e de uso das redes elétricas. Na tarde de hoje, a Aneel também aprovou o orçamento da CDE para este ano, que prevê repasse de R$ 22 bilhões para a conta dos consumidores de energia.

Entre dezembro de 2014 e fevereiro de 2015, várias empresas solicitaram a revisão extraordinária, por causa da falta de chuvas e a maior necessidade de compra de energia de termelétricas, que é mais cara.

Veja abaixo os percentuais de reajuste por distribuidora:

Celpe 2,20%

Cosern 2,80%

Cemar 3,00%

Cepisa 3,20%

Celpa 3,60%

Energisa PB 3,80%

Celtins 4,50%

Ceal 4,70%

Coelba 5,40%

Energisa Borborema 5,70%

Sulgipe 7,50%

Energisa SE 8,00%

CPFL Sta Cruz 9,20%

Coelce 10,30%

Mococa 16,20%

Ceron 16,90%

CPEE 19,10%

João Cesa 19,80%

Cooperaliança 20,50%

Eletroacre 21,00%

Santamaria 21,00%

Chesp 21,30%

CSPE 21,30%

CEEE 21,90%

Light 22,50%

CJE 22,80%

Ienergia 23,90%

CEB 24,10%

Elektro 24,20%

Celesc 24,80%

Bandeirante 24,90%

ENF 26,00%

Escelsa 26,30%

Cemat 26,80%

Energisa MG 26,90%

Eflul 27,00%

Eletrocar 27,20%

Celg 27,50%

DME-PC 27,60%

Enersul 27,90%

Cemig 28,80%

CPFL Piratininga 29,20%

EDEVP 29,40%

CPFL Paulista 31,80%

Hidropan 31,80%

CFLO 31,90%

Eletropaulo 31,90%

Forcel 32,20%

Caiua 32,40%

Demei 33,70%

Muxfeldt 34,30%

Cocel 34,60%

CNEE 35,20%

RGE 35,50%

Copel 36,40%

Uhenpal 36,80%

Bragantina 38,50%

AES Sul   39,50%

CAIXA SUSPENDE NOVOS CONTRATOS DO PROGRAMA MINHA CASA MELHOR

Com informações do NE10 -

A Caixa Econômica Federal confirmou a suspensão do Programa Minha Casa Melhor, que facilita a compra de móveis e eletrodomésticos. O banco informou que novas contratações estão sendo discutidas para uma outra fase do programa, mas não informou detalhes nem prazos. Para os beneficiários que já têm cartão referente a contratos em vigor não haverá mudanças.

Lançado em 2013, o programa facilita a aquisição de bens conforme as necessidades das famílias inscritas no Minha Casa, Minha Vida. A Caixa oferece a cada beneficiário do programa habitacional do governo crédito subsidiado de até R$ 5 mil para compra de móveis e eletrodomésticos, a juros de 5% ao ano e prazo de 48 meses para pagamento.

“Novas contratações do Minha Casa Melhor estão sendo discutidas no âmbito do programa Minha Casa Minha Vida fase 3. Os cartões referentes a contratos já realizados continuam operando normalmente”, destaca a Caixa em nota.

SEMANA INTERNACIONAL DA MULHER EM BELO JARDIM

Com informações de Educação Belo Jardim -

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, celebrado no próximo dia 08 de Março, as Escolas da Rede Municipal, em parceria com a Secretaria Especial da Mulher, estarão participando de palestras temáticas da Violência Contra Mulher, realizadas na Unidade de Ensino por Educadores, Psicólogos e Advogados, e aberta para participação dos Pais e/ou responsáveis.

A Secretaria Municipal de Educação, também estende o convite para participação das Escolas da Rede Municipal de Ensino na Caminhada da Mulher, que acontecerá na próxima Sexta-feira (06/03), com saída da Praça da Conceição a partir das 08h00 até a Av. Deputado José Mendonça Bezerra.

Confira a Programação das Palestras nas Escolas Municipais:

* 03/03 - Terça-feira 
Temas: Violência Contra Mulher / Tecnologia e Exposição do Corpo.

- 08h00 - Centro de Excelência Municipal Professor José Vieira da Costa; 
- 20h00 - Centro Comunitário Municipal Castelinho.

*04/03 – Quarta-feira
Temas: Violência Contra Mulher / Prevenção, Saúde e Qualidade de Vida.

- 08h00 - Escola Municipal Dr. Sebastião Cabral;
- 08h00 - Escola Municipal Prof. Antenor Vieira de Mello.

Contamos com a Participação de Todos!

POR QUE DILMA NÃO RECEBE OS GOVERNADORES?

Com informações do Blog de Inaldo Sampaio -

Logo que assumiu o Governo do Estado, o governador Paulo Câmara pediu uma audiência a Dilma Rousseff para entregar-lhe um relatório sobre as questões de Pernambuco. Ele sabe, por já ter sido secretário de Administração e da Fazenda, que audiências com ministros de estado não resolvem o problema. Ministro geralmente recebe bem, como fez anteontem Antônio Carlos Rodrigues (transportes) com Sebastião Oliveira. Mas tem autonomia limitada para autorizar grandes projetos. 

Se Dilma fosse menos (politicamente falando) ignorante, marcaria de imediato essa audiência não apenas para Paulo Câmara, mas para o bloco dos governadores nordestinos tal qual está propondo o paraibano Ricardo Coutinho. Seria uma forma de explicar aos governadores a lógica do pacote econômico que enviou ao Congresso e de dividir os holofotes com a Operação lava Jato. Mas parece que ela gosta mesmo é do isolamento no Palácio do Planalto.

A desintegração do Pacto

A Polícia Civil contabilizou, só este ano, 199 assassinatos na área metropolitana do Recife. É uma guerra civil não declarada que o “Pacto pela Vida” não consegue mais conter. Aliás, o “Pacto” só deu certo durante o governo Eduardo Campos porque o governador tinha coragem e paciência para passar 10 horas numa sala de monitoramento, a cada 30 dias, pedindo explicações a coronéis e a delegados de polícia sobre a execução da sua política antiviolência.

Tucano – André Régis, vereador e presidente do PSDB do Recife, garante que o partido terá candidato próprio à prefeitura, no próximo ano, apesar de a vereadora Aline Mariano estar deixando a oposição para assumir uma pasta no governo Geraldo Júlio (PSB). Só que a decisão de ter ou não ter candidato em 2016 não será da direção municipal, e sim do senador Aécio Neves.

Sucessão – O PSB nunca elegeu ninguém dos seus quadros para a prefeitura de Nazaré da Mata, mas vai tentar em 2016 com Eliane Rodrigues, 2º suplente do senador Fernando Bezerra (PSB).

Fiscal – Só fiscalizando a Arena da Copa, o presídio de Itaquitinga e a PPP da Compesa, Romário Dias (PTB) avalia que terá “assunto de sobra” para fazer oposição a Paulo Câmara.

Recuo – O senador José Agripino (DEM-RN) não fez o discurso que prometera para negar seu suposto envolvimento no escândalo do Detran-RN. E pode ser o próximo Demóstenes Torres.

Justiça – Alguns procuradores da Alepe estão convencidos de que a Ação Civil Pública não é o remédio certo para anular a eleição de Guilherme Uchoa à presidência da Casa. O caminho, dizem eles, seria um questionamento de algum dos 42 deputados que não estão na mesa diretora.

Renúncia – O deputado Raul Jungmann (PPS) divulgou “nota oficial” dizendo que não aceitará passagem da Câmara para viagens de sua companheira ou dos seus filhos. O senador Antônio Reguffe (PDT-DF) abriu mão do carro oficial e da verba de gabinete, mas sem dar publicidade ao fato.

Presente 1 – Por ter dado a Paulo Câmara o maior percentual de votos da área metropolitana, o prefeito de Camaragibe, Jorge Alexandre (PSDB), será devidamente recompensado com uma UPA Especialidades e a conclusão das cinco estações de BRTs que estão inacabadas. E da iniciativa privada já ganhou o “CamaraShopping” com 290 lojas, das quais 70% já foram comercializadas.

Presente 2 – Por ter atraído para sua cidade, nos últimos dois anos, uma cervejaria da Ambev e outra do grupo Itaipava, o prefeito Cal Volia (PSDB), de Itapissuma, já tem receita suficiente para atravessar esse ano de crise. Mas graças à presença da Fiat na vizinha Goiana, Itapissuma será contemplada com 23 novas indústrias. É receita para prefeito nenhum botar defeito num município de 30 mil almas.

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More