VOCÊ FAZ O SUCESSO

VOCÊ FAZ O SUCESSO

WEB RÁDIO - NOVA XUCURU

quinta-feira, 31 de julho de 2014

GOVERNO DE PERNAMBUCO PREMIA SERVIDORES DA EDUCAÇÃO

Com informações do Blog do Magno Martins -

Com desempenho superior a 70%, a rede pública de educação de Pernambuco celebra, hoje, a superação das metas estabelecidas no ano de 2013. O reconhecimento dos bons resultados veio através da liberação do Bônus de Desempenho Educacional (BDE). Este ano, o governo de Pernambuco, através da Secretaria de Educação, premiou 19 mil servidores da educação, num investimento total de R$ 60 milhões, por meio do BDE.

Foram contempladas 14 das 17 Gerências Regionais, área que obteve o desempenho escolar na casa dos 80%. As escolas do Sertão do Araripe lideram o ranking pernambucano. A regional do Sertão Central, de Salgueiro, ficou em segundo lugar, com 90%; em terceiro, ficou a regional Recife Sul, com 89%. A premiação individual, que será depositada na conta dos servidores no dia 21 de agosto, varia de R$ 624,12 a R$ 4,691.

Para o secretário de Educação e Esportes, Ricardo Dantas, esta premiação é a celebração do avanço na qualidade da educação de Pernambuco. "Também é importante ressaltar que a maioria das premiações praticadas em outros estados da Federação mede apenas o cumprimento de tarefas. Aqui, nós reconhecemos o resultado desse trabalho no alunado", disse Dantas.

PESQUISA IBOPE EM PE MOSTRA EMPATE TÉCNICO ENTRE DILMA E EDUARDO

Com informações do G1 PE -

Pesquisa Ibope divulgada na quarta-feira (30) com eleitores de Pernambuco mostra que Dilma Rousseff (PT) e Eduardo Campos (PSB) estão empatados tecnicamente nas intenções de voto para presidente da República. 

Reprodução
A petista aparece com 41%, enquanto o ex-governador tem 37%. Considerando a margem de erro de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, Dilma varia entre 38% e 44%; já Campos pode ir de 34% a 40%. Na sequência, estão Aécio Neves (PSDB), com 6%, e Pastor Everaldo (PSC), com 1%.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo.

Confira abaixo os números do Ibope, segundo a pesquisa estimulada, em que os nomes de todos os candidatos são apresentados ao eleitor:

Dilma Rousseff (PT): 41%
Eduardo Campos (PSB): 37%
Aécio Neves (PSDB): 6%
Pastor Everaldo (PSC): 1%
Brancos e nulos: 9%
Indecisos: 6%

Os candidatos Eymael (PSDC), Levy Fidelix (PRTB), Luciana Genro (PSOL), Mauro Iasi (PCB), Rui Costa Pimenta (PCO), Zé Maria (PSTU) e Eduardo Jorge (PV) não atingiram 1% das intenções. A pesquisa foi realizada entre os dias 26 e 28 de julho. Foram entrevistados 1.204 eleitores em 57 municípios do estado. O nível de confiança é de 95%. O que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de 3 pontos para mais ou para menos, a probabilidade do resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) sob o número 00012/2014, e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 00269/2014.

Aprovação do Governo Dilma
A pesquisa também mediu como o eleitor pernambucano classifica a administração da presidente Dilma Rousseff até o momento. Veja os números:

Regular: 34%
Boa: 28%
Péssima: 17%
Ótima: 10%
Ruim: 8%
Não sabe ou não respondeu: 1%

O Ibope pesquisou, ainda, a opinião do eleitor pernambucano sobre como a presidente Dilma está governando o país. Veja os números:

Aprova: 57%
Desaprova: 39%
Não souberam ou não responderam: 4%

CANDIDATOS DA MESMA FAMÍLIA DISPUTAM VAGA PARA DEPUTADOS EM PE

Com informações do G1 PE -

"A política está no sangue", já diz um conhecido jargão utilizado para ilustrar a força e a tradição de algumas famílias dentro do poder público. A disputa eleitoral neste ano em Pernambuco reforça ainda mais essa máxima, já que terá um casal e até pai e filho na concorrência por uma vaga na Assembleia Legislativa do estado (Alepe). É o caso do Pastor Cleiton Collins e sua mulher, a Missionária Michele Collins, e de Guilherme Uchoa, atual presidente da Casa, e Guilherme Uchoa Júnior.

Casal Collins disputam vaga na ALEPE
Apesar de ser a primeira vez que disputa um pleito para o mesmo cargo, o casal Collins já tem experiência na política. O marido, cujo nome de batismo é Cleiton Gonçalves da Silva, está no segundo mandato como deputado estadual, tendo sido o mais votado para o cargo nos pleitos de 2006 e 2010. Ele ainda se candidatou a prefeito de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, em 2012, mas ficou em segundo lugar, perdendo no primeiro turno.

A trajetória de Michele, contudo, é menos extensa. Eleita em 2012, ela é vereadora de primeira viagem na Câmara Municipal do Recife, onde integra a bancada evangélica. No início de 2014, chegou a ensaiar uma pré-candidatura ao governo estadual, mas desistiu alegando que “o momento não era favorável para enfrentar esse desafio”.

Quem de fato debuta na política neste ano é Guiherme Uchoa Junior, cujo pai está no quinto mandato no legislativo estadual e ocupa a presidência da Alepe desde 2007. Os dois, entretanto, estão disputando o pleito em lados opostos. O filho integra a Frente Popular de Pernambuco, coligação que apoia a candidatura de Paulo Câmara a governador.

Por outro lado, Guilherme Uchoa, o pai, faz parte da coligação Pernambuco Vai Mais Longe, que dá sustentação à candidatura de Armando Monteiro, muito embora já tenha se manifestado publicamente em prol do PSB. O parlamentar é filiado ao PDT, sigla que ocupa a vaga de vice na chapa, com Paulo Rubem Santiago.

Tradição
Outro exemplo que ilustra a tradição das famílias pernambucanas envolvidas na política são os irmãos gêmeos André e Anderson Ferreira, respectivamente vereador e deputado federal. O primeiro foi eleito e reeleito para o legislativo municipal em 2008 e 2012. Agora, tenta uma vaga na Alepe. Já Anderson está no primeiro mandato no Congresso.

O caso de Silvio Costa e Silvio Costa Filho também é emblemático. Desde 1992, o pai ocupa cargos no legislativo, tendo começado como vereador, depois deputado estadual e deputado federal. Em 2014, ele tenta se reeleger para o terceiro mandato na Câmara dos Deputados. O filho foi eleito pela primeira vez quando tinha apenas 22 anos, em 2004, para vereador do Recife. Também foi secretário estadual de Turismo e, agora, busca a segunda reeleição para a Alepe.

PESQUISA ESFRIA A MILITÂNCIA DO PSB

Com informações do Blog de Inaldo Sampaio -

A pesquisa Ibope/Rede Globo, divulgada nesta quarta sobre a intenção de voto dos pernambucanos para o governo estadual, pegou de surpresa a Frente Popular, que tem como candidato Paulo Câmara. Por ter sido lançado há cinco meses e ter o apoio do Governo do Estado, da prefeitura do Recife, de 151 prefeitos do interior, 130 ex-prefeitos, dois terços das bancadas federal e estadual e 21 dos 32 partidos com registro na Justiça Eleitoral, esperava-se que o ex-secretário da Fazenda já tivesse alcançado a casa dos dois dígitos, dado o monumental volume de sua campanha tanto na capital no interior. 

Reprodução
No entanto, ele tem apenas 11% das intenções de voto, ante 43% do seu principal adversário, que é o senador Armando Monteiro. Isso vai obrigar Eduardo Campos a vir mais vezes a Pernambuco do que inicialmente estava previsto, para sair em socorro do seu candidato, que só conta agora com a TV para apostar numa reversão do quadro.

Um governo sem Sarney

Eduardo Campos arrancou aplausos de empresários no auditório da CNI, ontem, em Brasília, ao afirmar que o Brasil não suportaria mais quatro anos de gestão petista com Sarney, Renan e Collor integrando o núcleo do governo. Aécio Neves, mais prudente, não falou mal de nenhum deles. Admite que faria aliança com o PMDB para garantir a “governabilidade”, mas deixaria os três senadores fora do “núcleo governista”. Não se falou em Romero Jucá, que foi líder de FHC e Lula.

Carreata – A chapa majoritária da Frente Popular vai protagonizar em Caruaru, no próximo domingo, uma cena inimaginável dois anos atrás: uma carreata em que irão se misturar cartazes de propaganda dos deputados Wôlney Queiroz (PDT), Laura Gomes (PSB), Raquel Lyra (PSB) e Tony Gel (DEM). Esta é a 1ª vez na história que a “Capital do Agreste” está de um lado só.

Comitê – O deputado Alberto Feitosa (PR) inaugura hoje à noite o seu comitê num casarão da Avenida Mário Melo que abrigou em 2006 o comitê eleitoral do deputado Cadoca (PCdoB).

Erro – Do deputado Sílvio Costa (PSC) sobre a liderança do PTB na pesquisa do Ibope: “Eles (do PSB) erraram na escolha do candidato, que deveria ter sido João Lyra ou Tadeu Alencar”.

Jingles – Maciel Melo compôs os jingles de campanha de Tadeu Alencar (PSB) para deputado federal e de Lucas Ramos (PSB) para deputado estadual e ambos são de excelente qualidade.

Chefia – José Francisco Cavalcanti Neto, novo coordenador geral da campanha de Paulo Câmara (PSB), é sobrinho do ex-governador Joaquim Francisco que em 1982 foi o coordenador geral da vitoriosa campanha de Roberto Magalhães para o governo estadual.

Demissão – Já são três os secretários do prefeito de Caruaru, José Queiroz (PDT), que pediram demissão dos cargos para se engajar na campanha do senador Armando Monteiro (PTB) ao governo estadual: Marco Casé, Louise Caroline e Elba Ravene. Todos saíram numa boa.

Pesquisa – Do prefeito de São Lourenço, Ettore Labanca (PSB), sobre a pesquisa Ibope/Rede Globo que aponta Paulo Câmara (PSB) com 11% de intenções de voto: “Vamos ganhar esta eleição, e ganhar bem, assim como fizemos no Recife em 2012. Pra começo de conversa, os votos brancos, nulos e indecisos (41%) estão empatados tecnicamente com os votos de Armando (43%)”.

Partido – Pelo menos dois vereadores do Recife já caíram em campo para tentar obter o controle do Partido Novo em Pernambuco logo que ele obtiver registro na Justiça Eleitoral. O novo partido se propõe a defender a ideologia liberal e a combater todo e qualquer tipo de intervenção do estado na economia. É mais ou menos o que já fazem o DEM, o PP e o Partido Social Liberal (PSL).

MEC ABRE INSCRIÇÕES PARA 9 MIL VAGAS EM CURSOS PRESENCIAIS DE INGLÊS

Com informações do G1 -

As inscrições para a nova seleção do curso presencial do Inglês sem Fronteiras serão abertas às 12h desta quinta-feira (31) e seguem até as 12h do dia 8 de agosto, pelo site do programa. Serão oferecidas 9 mil vagas em universidades federais de todo o país. A lista pode ser consultada na portaria publicada no Diário Oficial da União no último dia 16.

A carga horária presencial é de quatro aulas de 60 minutos, distribuídos em pelo menos dois encontros semanais, em locais e horários definidos pela universidade credenciada. Os cursos terão a duração mínima de 30 dias e máxima de 120 dias.

Para concorrer às vagas, os candidatos devem observar os seguintes requisitos: ser estudante de graduação, mestrado ou doutorado, com matrícula ativa nas universidades federais credenciadas como núcleos de línguas; estudante participante e ativo no curso My English, on-line, níveis 2, 3, 4 ou 5, cuja inscrição tenha sido validada com até 48 horas de antecedência à inscrição no núcleo de línguas; estudante que tenha concluído até 90% do total de créditos da carga horária do curso.

Para efeito de classificação, terão prioridades quatro tipos de candidatos: alunos de graduação de cursos das áreas do programa Ciência sem Fronteiras; que tenham feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010 e obtido média igual ou superior a 600 pontos, incluindo a redação; que tenham concluído até 80% da carga horária total do curso; com maior índice de rendimento acadêmico, conforme parâmetros da própria universidade, e bolsistas ou ex-bolsistas do programa Jovens Talentos para a Ciência de qualquer curso de graduação.

O Programa Inglês sem Fronteiras foi lançado pelo MEC em dezembro de 2012 para melhorar a proficiência em língua inglesa dos estudantes brasileiros. A falta de domínio do idioma tem criado dificuldades para o governo preencher as vagas oferecidas pelo Ciência sem Fronteiras.

VASCO VOLTA A VENCER A PONTE PRETA E AVANÇA ÀS OITAVAS DA COPA DO BRASIL

Com informações do Globoesporte.com -

A exemplo do que fizera na partida de ida, em Campinas, na última semana, o Vasco uma vez mais se impôs diante da Ponte Preta. Fora de casa, o Cruz-Maltino havia vencido por 2 a 0 e, por isso, entrou em campo nesta quarta, em São Januário, podendo até perder por um gol de diferença. Mas o time carioca garantiu sua classificação às oitavas de final da Copa do Brasil com um novo triunfo, desta vez por 2 a 1. Douglas e Rafael Costa, contra, marcaram os gols do Vasco. Cafu, numa pintura, fez o gol do time de Campinas. O público foi de 7.024 pagantes (7.734 presentes). A renda somou R$ 153.500,00.

O confronto da próxima fase não está definido, pois o sorteio para definir as chaves das oitavas de final ainda será realizado. Pela Série B, o Vasco volta a campo no próximo sábado, para encarar o Paraná Clube, outra vez em São Januário. A Ponte Preta joga no mesmo dia, pela mesma competição, contra o Sampaio Corrêa, no Maranhão.

Vasco erra menos e define jogo

Assim como no jogo de ida em Campinas, o Vasco sobrou no quesito posse de bola nos 45 minutos iniciais: 65% contra 35% da Ponte. Também superou o adversário no número de finalizações (6 a 4), nos acertos de passes (204 a 76) e errou menos (14 a 22). Logo, fez por merecer os 2 a 1 construídos na etapa. Abriu o placar, aos 20 minutos, após entrada estabanada de Luan em Dakson dentro da área. O zagueiro pontepretano acertou a bola e o rival. Segundo o comentarista de arbitragem Arnaldo Cezar Coelho, pênalti bem marcado. Douglas bateu deslocando o goleiro Roberto e fez 1 a 0. O empate da Macaca foi uma pintura, mas surgiu após erro grave de Rodrigo, que se enrolou todo e entregou para Cafu. O atacante conduziu bem a bola e encobriu Martín Silva. Três minutos depois, falha ainda mais grave recolocou os anfitriões em vantagem. Douglas bateu escanteio, e o centroavante Rafael Costa cabeceou contra o próprio patrimônio.

A Ponte Preta, apesar da participação tímida no primeiro tempo, foi vítima de erros da arbitragem, segundo Arnaldo Cezar Coelho. Para ele, o lateral-direito vascaíno Carlos Cesar poderia ter recebido amarelo em dois lances. No primeiro deles, inclusive, fez Alef ser substituído. O camisa 7 da Macaca foi para um hospital próximo a São Januário com suspeita de fratura no tornozelo esquerdo. Mais relevante foi a não marcação de um pênalti de Fabrício no mesmo Alef. O vascaíno, fora da disputa da bola, logo no início do jogo, largou o cotovelo no adversário dentro da área.

Banho-maria e Vasco melhor outra vez

Na volta do intervalo, o Vasco fez uma mexida. Kleber, muito parado, deu lugar a Lucas Crispim. A Ponte trocou Adrianinho por Rodolfo. As mudanças não mudaram o panorama do duelo, que tinha o Cruz-Maltino ainda como líder das ações. Consciente, o time de Adilson fez o tempo passar sem grandes sustos e, mesmo em marcha lenta, finalizou oito vezes. Em três delas, levou muito perigo. O lance mais relevante se deu em cobrança de falta de Rodrigo. Soltou uma bomba, no rebote Douglas colocou na cabeça de Fabrício, que carimbou o travessão. Em seu melhor momento, a Ponte Preta chegou a balançar a rede, mas a arbitragem acertou ao anular o lance por impedimento. No fim, festa vascaína na Colina no encerramento da "trilogia" contra a Macaca. Além dos dois jogos pela Copa do Brasil, as equipes fizeram no último sábado, em Campinas, uma partida válida pela Série B que terminou empatada por 0 a 0.

quarta-feira, 30 de julho de 2014

BRASIL TEM 18 UNIVERSIDADES EM RANKING COM AS 1.000 MELHORES DO MUNDO

Com informações do UOL NOTÍCIAS -

A CWUR (Center for World University Rankings) publicou a edição 2014 do ranking com as 1.000 melhores universidades do mundo. A Universidade de Harvard ficou com a primeira posição da lista, que tem 18 instituições brasileiras - todas públicas. 

O ranking é formulado a partir da análise de oito indicadores que levam em conta os números de prêmios e medalhas recebidos por estudantes e professores, a quantidade de alunos que atualmente ocupam cargos de CEO em grandes empresas, o número de publicações e citações de trabalhos de pesquisas em revistas influentes e de renome, e o número de pedidos de patentes internacionais. 

Segundo a publicação, os dados são compilados sem depender de estudos e apresentação das universidades.

Ranking de universidades brasileiras entre as melhores

1 USP - Universidade de São Paulo
Posição geral: 131

2 UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Posição geral: 329

3 Unicamp - Universidade Estadual de Campinas
Posição geral: 437

4 UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais
Posição geral: 496

5 UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Posição geral: 585

6 Unifesp - Universidade Federal de São Paulo
Posição geral: 626

7 Unesp - Universidade Estadual Paulista
Posição geral: 683

8 Uerj - Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Posição geral: 845

9 UFF - Universidade Federal Fluminense
Posição geral: 852

10 UnB - universidade de Brasília
Posição geral: 894

11 UFSC - Universidade federal de Santa Catarina
Posição geral: 898

12 UFSM - Universidade Federal de Santa Maria
Posição geral: 919

13 UFSCar - Universidade Federal de São Carlos
Posição geral: 925

14 UFPR - Universidade Federal do Paraná
Posição geral: 929

15 UFPE - Universidade Federal de Pernambuco
Posição geral: 940

16 UFC - Universidade Federal do Ceará
Posição geral: 964

17 UFBA - Universidade Federal da Bahia
Posição geral: 967

18 UFABC - Universidade Federal do ABC
Posição geral: 983

GOVERNO JOÃO LYRA NETO É "REGULAR" PARA 40% DOS ELEITORES DE PE, APONTA IBOPE

Com informações do G1 PE -

A pesquisa Ibope divulgada nesta quarta (30) aponta que, para 40% dos entrevistados em Pernambuco, o governo de João Lyra Neto (PSB) é “regular”. Ainda segundo a pesquisa, outros 3% consideram a administração "ótima" e mais 19% avaliam o governo como "bom". Os que disseram que a gestão é “ruim" somam 7%, e os que avaliam como "péssima", 9%. A parcela de entrevistados que não souberam ou não responderam é de 22%.

Reprodução
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e realizada entre os dias 26 e 28 de julho. Foram entrevistados 1.204 eleitores em 57 municípios do estado. 

A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de 3 pontos para mais ou para menos, a  probabilidade do resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) sob o número 00012/2014, e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 00269/2014.

APOSTA DO RS LEVA PRÊMIO DE R$ 29,2 MILHÕES NA MEGA-SENA DESTA QUARTA-FEIRA

Com informações do G1 -

Uma aposta acertou as seis dezenas da Mega-Sena, levando um prêmio de R$ R$ 29.279.523,38. O sorteio do concurso de número 1621 foi realizado nesta quarta-feira (30), em Osasco (SP). O próximo concurso da Mega-Sena, que acontece no sábado (2/8), terá prêmio estimado em R$ 3 milhões.

Imagem meramente Ilustrativa
Veja as dezenas: 10 - 22 - 24 - 38 - 39 - 49.

A aposta ganhadora foi feita em Porto Alegre (RS). A quina teve 81 acertadores, que levaram prêmio de R$ 42.139,35 cada um. Além disso, houve 6.823 ganhadores na quadra, que rendeu R$ 714,66.

Para apostar

A Caixa Econômica Federal faz os sorteios da Mega-Sena duas vezes por semana, às quartas-feiras e aos sábados. As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 2,50.

COM 43%, ARMANDO MONTEIRO LIDERA 1ª PESQUISA IBOPE PARA O GOVERNO EM PERNAMBUCO

Com informações do G1 PE -

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (30) mostra Armando Monteiro (PTB) com 43% das intenções de voto para governador de Pernambuco. Em seguida, aparecem Paulo Câmara (PSB) com 11%, Zé Gomes (PSOL) com 2%, e Jair Pedro (PSTU), Miguel Anacleto (PCB) e Pantaleão (PCO), os três empatados com 1%.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo. 

Confira abaixo os números do Ibope, segundo a pesquisa estimulada, em que os nomes de todos os 
candidatos são apresentados ao eleitor:

Armando Monteiro (PTB): 43%
Paulo Câmara (PSB): 11%
Zé Gomes (PSOL): 2%
Jair Pedro (PSTU): 1%
Miguel Anacleto (PCB): 1%
Pantaleão (PCO): 1%
Brancos e nulos: 19%
Indecisos: 22%

A pesquisa foi realizada entre os dias 26 e 28 de julho. Foram entrevistados 1.204 eleitores em 57 municípios do estado. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de 3 pontos para mais ou para menos, a  probabilidade do resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) sob o número 00012/2014, e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 00269/2014.

Rejeição

A pesquisa também mediu a taxa de rejeição de cada um dos candidatos, isto é, aquele em quem o eleitor diz que não votará de jeito nenhum. Veja os números:
Pantaleão: 26%
Zé Gomes: 24%
Jair Pedro: 21%
Paulo Câmara: 20%
Miguel Anacleto: 19%
Armando Monteiro: 14%
Não rejeitariam nenhum dos candidatos: 15%
Não souberam ou não responderam: 35%

Senado

O Ibope pesquisou, ainda, as intenções de voto entre os candidatos ao Senado. Veja os números:
João Paulo (PT) - 37% das intenções de voto
Fernando Bezerra Coelho (PSB) - 16%
Simone Fontana (PSTU) - 3%
Albanise Pires (PSOL) - 1%
Brancos e nulos - 17%
Não sabe ou não respondeu - 25%
Foi citado, mas não alcançou o percentual mínimo, o candidato Oxis (PCB).

AGÊNCIA DO TRABALHO OFERECE VAGAS DE EMPREGO EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE

Com informações do NE10 INTERIOR -

A Agência do Trabalho de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco, está oferecendo 8 vagas de emprego nesta quarta-feira (30). Há oportunidade para pizzaiolo, auxiliar de cozinha, chefe de depósito, vendedor interno e externo e caixa de supermercado. 

As vagas para chefe de depósito, vendedor interno e vendedor externo exigem que o candidato tenha ensino médio completo e seis meses de experiência. Pra se candidatar as vagas pizzaiolo, auxiliar de cozinha e caixa de supermercado, o interessado deve ter ensino fundamental completo e experiência.

Os interessados devem procurar a agência que funciona na Rua Capitão Pedrosa, número 306, no bairro São Cristóvão. Para se candidatar as vagas, é necessário levar Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), RG e CPF, além de currículo com uma foto 3x4. Os requisitos para as vagas e os regimes de contratação podem ser consultados pelos telefones (81) 3759-8235.

EM DISCURSO, PAULO CÂMARA DIZ QUE SEU MAIOR COMPROMISSO É CONTINUAR GOVERNO EDUARDO

Com informações do Blog de Igor Maciel -

Num ato político em Casa Forte, no Recife, na noite dessa terça-feira (29), o candidato do PSB ao Governo do Estado, o ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara, afirmou que apesar de ter assumido vários compromissos durante a campanha, o maior deles é fazer a continuidade da gestão do ex-governador Eduardo Campos (PSB).

“Desde o início de nossa campanha, estamos assumido diversos compromissos com os municípios, categorias profissionais e segmentos da sociedade organizada. Mas o mais forte deles é continuar o trabalho iniciado pelo ex-governador Eduardo Campos e mantido agora por João Lyra Neto”, disse.

O evento marcou o lançamento da campanha pela reeleição do deputado estadual Gustavo Negromonte (PMDB) e ocorreu numa casa de shows da Zona Norte. O peemedebista também associou Câmara à figura do prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), que tem puxado a campanha na capital pernambucana.

“É um líder que congregou uma aliança de 21 partidos, cuja única acusação que seus opositores lhe fazem, é a de que nunca disputou uma eleição. Vocês ouviram o mesmo, em 2012, sobre Geraldo Julio (PSB), hoje, o melhor prefeito do Brasil”, garantiu.

SAMU TERÁ MEDICAMENTO QUE PODE REDUZIR MORTES POR INFARTO

Com informações da Agência Brasil -

As ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) passarão a contar com medicamentos trombolíticos, que podem diminuir em até 17% o número de mortes por infarto agudo do miocárdio. A portaria que incorpora o tenecteplase deverá ser publicada nos próximos dias.

O ministro da saúde, Arthur Chioro, que assinou na segunda (28) a nova norma, ressaltou que as doenças do sistema circulatório são as que mais matam no Brasil. Segundo o coordenador-geral de Média e Alta Complexidade do Ministério da Saúde, José Eduardo Fogolin Passos, o tenecteplase é um medicamento aplicado de forma muito simples. Mesmo assim, as equipes serão treinadas.

“O infarto é a obstrução, o entupimento da artéria coronária, a artéria do coração. A partir do momento em que a artéria entope, o músculo do coração para de funcionar, o coração para de funcionar e a pessoa pode ter uma parada cardíaca. Com esse medicamento, o trombo se dissolve na hora, e o coração volta a ter circulação e não há parada cardíaca”, explicou Fogolin.

Segundo Fogolin coordenador, se o sistema de atendimento levar menos de uma hora para desobstruir a artéria do paciente, há 15% de risco de morte. Caso a desobstrução ocorra em até duas horas, o risco de morte pode dobrar. Fogolin citou estudos segundo os quais cidades que usam esse medicamento no sistema móvel de atendimento podem reduzir em até 17% o número de mortes por infarto.

Quando o paciente escapa da morte depois de um infarto, ele ainda pode ficar com sequelas, como insuficiência cardíaca, devido à perda de um músculo cardíaco, situação que o trombolítico também pode evitar. "Ter esse medicamento faz a diferença entre a vida e a morte e o prognóstico do paciente que tem o infarto, porque aquele que não não vai a óbito tem depois uma melhoria de qualidade de vida muito grande. Fica com menos sequelas, menos complicações", frisou o ministro.

Todas as ambulâncias do Samu que tenham médicos, e até mesmo embarcações e o atendimento aéreo da rede pública de municípios que aderirem ao sistema receberão verba para comprar o medicamento. Algumas prefeituras já usam o tenecteplase, mas, com a publicação da norma no Diário Oficial, o Ministério da Saúde é que vai financiar o uso para as secretarias de Saúde que aderirem.

De acordo com Fogolin, as equipes do Samu passarão por treinamento para uso do medicamento. A partir da publicação da portaria, que pode acontecer ainda esta semana, as prefeituras já poderão aderir e receber a verba para a compra do trombolítico.

Em 2012, foram registradas 84.157 mortes por infarto agudo do miocárdio. O Ministério da Saúde espera que, com o medicamento, o Samu possa salvar até 8.368 pessoas por ano. O custo do medicamento para todo o Brasil está estimado em R$ 8,5 milhões.

NÁUTICO SE SUPERA E VENCE O ICASA NA ARENA PE PELA SÉRIE B DO BRASILEIRÃO

Com informações do Blog do Torcedor -

O Náutico segue sendo um time desorganizado em campo, sem senso coletivo ou planejamento tático para vencer uma partida. Mesmo assim, conseguiu a vitória nesta terça-feira, na Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata, pela Série B. A individualidade foi o recurso do Timbu para bater o Icasa por 1×0. Marinho foi o fator individual decisivo na partida. Além de comandar as principais jogadas dos donos da casa, fez o gol do êxito. É verdade que o que vale são os três pontos, mas é muito pouco para uma equipe que sonha com o acesso. Se quer chegar ao G4 da Segundona, os alvirrubros precisam de maior poder coletivo.

Timbu foi uma equipe sem criatividade
na partida. Foto: JC Imagem
Com a vitória, o Náutico sobe para a 11ª posição com 18 pontos, enquanto que o Icasa fica em 15º com 15. Essas posições, porém, podem mudar com o complemento da rodada, no fim de semana. Na próxima, o Alvirrubro tem o clássico contra o Santa Cruz, no Arruda. Já os cearenses enfrentam o América-MG, em Juazeiro.

O JOGO - A vitória do Náutico não foi construída na base da técnica ou da organização tática. Dentro de campo, o Timbu foi uma equipe muito espaçada entre a defesa e o ataque, com o trio ofensivo formado por Marcos Vinícius, Marinho e Tadeu ficando muito distante dos outros jogadores. Isso provocou muitos chutões, principalmente nos primeiros minutos do jogo.

A desorganização alvirrubra, porém, não foi aproveitada pelos cearenses. Muito em parte porque o Icasa estava tão desorganizado quanto o Náutico no gramado. Pouca criação e muitos erros de passes. A partida em muito momentos deu calo na vista, tamanhas as falhas dos dois lados. Um jogo mais digno de equipes que brigam contra o rebaixamento do que pelo acesso.

A melhoria, e a vitória, do Timbu teve ligação direta com o aparecimento de um jogador em particular: o atacante Marinho. Mais aberto na direita, o jogador usou a velocidade para cansar a defesa adversária em muitos momentos. Sempre tinha uma jogada individual para importunar a zaga do Icasa. Em uma equipe que o coletivo não funcionava corretamente, apostar na individualidade de um atleta que estava jogando bem parecia ser uma boa estratégia. Foi o que fez o Náutico, que passou a adotar o esquema 4-4-2 bola no Marinho.

A opção foi acertada. Marinho cresceu ainda mais na partida e conseguiu marcar. Após passe de Marcos Vinícius na grande área, o atacante ficou em condições de marcar e mandou para o fundo das redes, aos 37 minutos do primeiro tempo.

Com a vantagem, o Náutico passou a ter um pouco mais de tranquilidade. Continuou desorganizado no gramado e apostando em Marinho, que ainda teve mais uma grande chance de ampliar o placar. Pelo bem do Timbu, não fez falta. Os alvirrubros souberam se segurar na defesa, apesar dos sustos e da expulsão de Paulinho, e saíram com a vitória depois de dois jogos sem pontuar na Segundona.

FICHA DA PARTIDA – NÁUTICO 1X0 ICASA

Náutico: Alessandro; Neílson, William Alves, Edvânio e Raí; Gilmak, Elicarlos, Paulinho, Marcus Vinícius (Vinícius) e Marinho (Leleu); Tadeu (Luizinho Melo). Técnico: Sidney Moraes.

Icasa: Fábio; Paulo Henrique, Gilberto, Nayhlor e Zé Carlos; Guídio, Foguinho, Dodó (Aelson) e Alan Eliomar (Alan Mineiro); Vanger e Neílson (Núbio Flávio). Técnico: Leandro Sena.

Série B (14ª rodada). Local: Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata. Árbitro: Paulo Shleich (Mato Grosso do Sul). Assistentes: Cleriston Clay Barreto (Sergipe) e Leandro dos Santos Ruberdo (Mato Grosso do Sul). Gols: Marinho (N), aos 37 minutos do primeiro tempo. Amarelos: Gilberto (I), Marcos Vinícius (N), Guídio (I), Dodó (I) e Naylhor (I). Vermelho: Paulinho (N) – dois amarelos: Público: 1.860. Renda: R$ 78.695.

VACINAS CONTRA A HEPATITE JÁ DISPONÍVEIS EM BELO JARDIM

Com informações do NO GIRO DA CIDADE -

O programa Nacional de imunização em Belo Jardim já está com vacinas contra Hepatite A e B. Segundo a orientação da Coordenadora Municipal do Programa Nacional de Imunização (PNI), Vanessa Paula: “As vacinas já estão disponíveis e as pessoas que desejarem tomar, podem procurar as Unidades Básicas de Saúde (UBS), ou se dirigirem ao Posto de Vacinação Central Severina Parteira, que fica localizada na Casa de Saúde, portando documentação pessoal, carteira do Sistema Único de Saúde (SUS) e o cartão de vacinas”.

Reprodução
As vacinas contra as Hepatites A e B, são destinadas às pessoas de 0 a 49 anos de idade, sendo realizada em três doses com um intervalo de um mês entre a primeira e a segunda dose; e de seis meses entre a primeira e a terceira dose. Elas também são indicadas à gestantes, manicures e pedicures, profissionais do sexo, militares, profissionais de saúde, caminhoneiros, usuários de drogas, pessoas que fazem sexo com pessoas do mesmo sexo, coletores de lixo e tatuadores. 

A Hepatite A é uma doença causada pelo vírus VHA, e é transmitida geralmente pelo consumo e contato com alimentos ou água contaminados pelo vírus. Como forma de prevenção da doença, e necessário melhorar as condições de higiene, beber apenas água tratada, lavar sempre as mãos e os alimentos antes do consumo, evitar o contato com locais próximos a esgotos. 

A Hepatite B é uma doença transmitida pelo vírus VHB, que atinge as células do fígado. Na pessoa infectada o vírus está presente na saliva, no sêmen ou secreções vaginais, e no sangue, podendo ser transmitida pelo contato com ferimentos na pele e nas mucosas, transfusões de sangue, relações sexuais e por meio de drogas injetáveis. Para se prevenir contra o vírus, é indicado que as pessoas não compartilhem objetos de uso pessoal (escova de dente, lâminas de barbear, alicates e tesouras de unha, entre outros), e usar camisinha em todas as relações sexuais.

Em ambas os sintomas são: perda do apetite, urina escura e fezes escuras, febre, fadiga, mal estar, dores abdominais e cor amarelada na pele e conjuntivas (icterícia). 

terça-feira, 29 de julho de 2014

OITO PARLAMENTARES PERNAMBUCANOS INTEGRAM A LISTA DOS MAIS INFLUENTES DO CONGRESSO NACIONAL

Com informações do Blog de Inaldo Sampaio

O Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar divulgou ontem a relação dos “cabeças” do Congresso Nacional em 2014 e o Estado de Pernambuco integra a lista com dois senadores e seis deputados federais.

Divulgação
Os senadores são Armando Monteiro Neto (PTB) e Humberto Costa (PT), tendo ficado fora da lista o peemedebista Jarbas Vasconcelos.

Os deputados são Sílvio Costa (PSC), Fernando Ferro (PT), Bruno Araújo (PSDB), Inocêncio Oliveira (PR), Paulo Rubem Santiago (PDT), Mendonça Filho (DEM) e Eduardo da Fonte (PP).

O PT é quem mais tem mais deputados na lista dos mais influentes do Congresso Nacional: 27.

São eles: Alessandro Molon (RJ), Amauri Teixeira (BA), Arlindo Chinaglia (SP), Cândido Vaccarezza (SP), Carlos Zarattini (SP), Cláudio Puty (PA), Dr. Rosinha (PR), Fernando Ferro (PE), Henrique Fontana (RS), José Guimarães (CE), Magela (DF), Marco Maia (RS), Nélson Pellegrino (BA), Odair Cunha (MG), Paulo Teixeira (SP), Pepe Vargas (RS) e Vicentinho (SP).

O Partido dos Trabalhadores também entrou na lista com os nomes de 10 senadores, a saber: Delcídio Amaral (MS), Eduardo Suplicy (SP), Gleisi Hoffmann (PR), Humberto Costa (PE), Jorge Viana (AC), José Pimentel (CE), Lindberg Farias (RJ), Paulo Paim (RS),Wálter Pinheiro (BA) e Wellington Dias (PI).

CONTA DE LUZ PODE TER ALTA DE ATÉ 30% EM 2015, ESTIMAM CONSULTORIAS

Com informações do G1 -

As contas de luz podem ficar até 30% mais caras, em média, no próximo ano. A estimativa foi feita por consultorias e representantes do setor elétrico a pedido do G1: entre quatro consultados, as estimativas variaram de 20% a 30% de reajuste em 2015. A alta deve ocorrer dois anos após as medidas do governo para reduzir em cerca de 20% a fatura.

Foto: G1
“A gente não escapa de um aumento médio de 30% no ano que vem. Para os clientes de algumas distribuidoras, pode ser mais. Para os de outras, menos”, afirma Walfrido Avila, presidente da comercializadora independente de energia Trade Energy.

A sócia-diretora da consultoria PSR, especializada em energia elétrica e gás, Priscila Lino, estima alta semelhante, de 28%, em média, em 2015.
O aumento é superior ao de reajustes autorizados neste ano pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para a tarifa de algumas distribuidoras, entre elas a Celpe (17,75%), a Eletropaulo (18,66%) e a Copel (24,86%), e que já haviam chamado a atenção por serem elevados.
A alta, no entanto, não é a mesma para todos os consumidores – ela varia entre as distribuidoras. E vai depender de uma série de fatores – alguns poucos previsíveis –, como a quantidade de chuvas nos próximos meses (para recuperar os reservatórios das usinas), além dos gastos passados das distribuidoras com a compra de energia térmica e no mercado à vista, investimentos e ganho de produtividade.
Origem da alta
A falta de chuvas é uma das principais responsáveis pela elevação da tarifa esperada a partir do ano que vem. Por causa da redução dos níveis dos reservatórios das hidrelétricas, as distribuidoras tiveram de comprar energia das usinas térmicas, que é mais cara porque elas são movidas a combustíveis, como óleo, gás e biomassa.
Em geral, as distribuidoras compram energia das hidrelétricas em leilões mediados pelo governo. As empresas que não conseguiram neles toda a energia que precisavam tiveram de recorrer ao mercado à vista, no qual a venda é feita diretamente pelas geradoras, e o preço chegou a patamar recorde.
Segundo as regras do setor, tanto o custo extra com as térmicas quanto com a compra de energia no mercado à vista deveriam ser pagos pelas distribuidoras nesse primeiro momento. Depois, elas seriam compensadas por meio de reajustes que acontecem todos os anos. Mas as empresas alegaram não ter recursos suficientes, e o governo lançou um plano de socorro.
Ele se comprometeu a colocar R$ 13 bilhões no setor elétrico neste ano com recursos orçamentários, e já admite que o total de empréstimos bancários às empresas pode chegar a R$ 17,7 bilhões. Este valor para socorrer as distribuidoras será repassado às contas de luz de todos os brasileiros a partir de 2015.
Contas
A estimativa de reajuste em 2015 de Priscila Lino, da PSR, considera inflação de 6% no período e o início da transferência, para os consumidores, dos empréstimos bancários.

De acordo com ela, também entraram na conta a previsão de aumento de custos com nova compra de energia pelas distribuidoras (para substituir contratos que vencem neste ano), o pagamento de encargos do serviço de transmissão de energia, além do aumento esperado na participação dos consumidores no financiamento da CDE, fundo do governo que banca ações no setor elétrico.

Os 28% de aumento consideram ainda uma medida que ajuda a puxar o reajuste médio para baixo: a transferência que o governo fará para as distribuidoras, em forma de cotas, da energia de hidrelétricas cujas concessões vencem em 2015. Serão cerca de 5 mil megawatts (MW) que poderão ser fornecidos a preços bem menores.

Planejamento
Avila, da Trade Energy, estima que já chegam a R$ 64 bilhões os custos extras no setor elétrico, resultado da crise provocada pela queda no nível dos reservatórios das hidrelétricas desde o final de 2012. Se todo esse valor fosse repassado no ano que vem, o reajuste poderia ser maior. Mas a fatura deve ser dividida pelos próximos 4 anos.

Para ele, o governo vem gerenciando bem o problema no setor, já que o Brasil só não enfrentou um racionamento, como em 2001, porque o parque nacional de termelétricas hoje é muito maior e consegue suprir boa parte da energia que as hidrelétricas deixam de produzir quando chove pouco.

Segundo ele, porém, é preciso planejar melhor o setor. “Precisamos garantir combustível mais barato para as nossas termelétricas. Se isso já tivesse sido feito, essa conta que vamos ter que pagar não seria tão alta”, diz.

Avila ressalta que esse planejamento será ainda mais importante nos próximos anos, pois o modelo energético brasileiro prevê a dependência cada vez maior de usinas termelétricas. Isso se deve à decisão do governo de evitar a construção de hidrelétricas com grandes reservatórios, que provocam enorme impacto ambiental. Sem represas, porém, essas usinas não têm como armazenar energia na forma de água e não produzem nos períodos secos.

Alta poderia ser maior
Nas contas do Instituto Acende Brasil, que estuda o setor elétrico, a ação do governo para diluir e adiar o repasse aos consumidores dos custos extras do setor elétrico evitou que as contas de luz subissem 43% já neste ano.

“[A estimativa de 43% para reajuste em 2014] é um número chocante que justifica esse empenho do governo em diluir a conta pelos próximos anos”, diz o presidente do instituto, Claudio Sales. De acordo com ele, a alta média na tarifa de energia neste ano deve ser de 15%. Algumas distribuidoras, porém, tiveram aumentos maiores autorizados pela Aneel.

O Acende Brasil calcula que apenas o repasse do empréstimo bancário para socorrer as distribuidoras, que pode atingir R$ 17,7 bilhões, e da ajuda de R$ 10,6 bilhões dada pelo governo em 2013, via Tesouro, devem gerar um impacto, em média, de 11% nas contas de luz, diluídos ao longo dos próximos 3 anos.

Esse impacto, porém, sobe para 15%, também dividido em 3 anos, caso o governo não consiga repassar às distribuidoras os 5 mil MW de energia mais barata das hidrelétricas cujas concessões estão vencendo. Além de atrasos no processo, há expectativa de que pelo menos algumas das empresas recorram para ter a concessão renovada.

Incertezas
Analista do setor de energia na consultoria Tendências, Walter De Vitto aponta para aumentos médios de 20% nas contas de luz em 2015, variando até 25%. Ele afirma que há várias incertezas hoje no setor que dificultam uma previsão mais certeira para os reajustes.

Entre elas está a variação do dólar, que afeta parte do preço da energia consumida no país. Também não há como prever como serão as chuvas no próximo verão, que podem ou não recuperar o armazenamento de água nos principais reservatórios do país e vão ser decisivas para definir como as usinas termelétricas serão usadas ao longo de 2015.

Resposta do governo
O G1 procurou o Ministério de Minas e Energia que informou, por meio de sua assessoria, que “desconhece os estudos e não sabe quais premissas foram utilizadas” para se chegar às estimativas de alta na conta de luz. Informou ainda que “quem pode falar sobre tarifa é a Aneel”.

Procurada pelo G1, a Aneel afirmou que, diante da quantidade de variáveis presentes nos processos tarifários (reajustes e revisões), é prematuro fazer projeções de valores para 2015. E ressalta que, como cada distribuidora tem suas datas de movimentação tarifária vinculadas à assinatura do seu contrato de concessão, os próximos repasses acontecerão segundo o calendário disponível na página da agência (veja aqui) e por meio de aplicação da metodologia e das condições vigentes nessas datas.

Nesta terça-feira (29), no entanto, o diretor-geral da Aneel, Romeu Rufino, disse que o novo empréstimo às distribuidoras deve impactar as contas de luz em oito pontos percentuais a partir do próximo ano. Não se sabe, no entanto, qual será o valor final dos reajustes, devido às muitas outras variáveis que fazem parte do processo de cálculo.

MAIOR PARTE DOS ELEITORES BRASILEIROS TEM ENSINO FUNDAMENTAL INCOMPLETO, DIZ TSE

Com informações da Agência Brasil -

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou hoje (29) o perfil dos 142,8 milhões eleitores aptos a votar nas eleições de outubro. Segundo os dados, a maioria do eleitorado tem ensino fundamental incompleto, faixa que representa 30,2% (43,1 milhões). Em comparação a pleitos anteriores, o número ficou estável.

O levantamento também mostra que 12% dos eleitores (17,2 milhões) apenas leem e escrevem. Analfabetos somam 5% (7,3 milhões). O percentual de eleitores que não terminou o ensino médio é 19,2% (27,4 milhões). Em seguida, aparecem aqueles que conseguiram terminar essa etapa de ensino, 16,6 % (23,7 milhões). Somente 5,5% dos eleitores (7,9 milhões) concluíram curso superior. Na comparação com os dados das eleições de 2008, 2010 e 2012, os todos os números ficaram estáveis.

Nas regiões Centro-Oeste, Nordeste, Norte, Sudeste e Sul, o percentual de eleitores com ensino fundamental completo varia entre 28 % e 33%. A pesquisa é feita com é baseada nas informações que o eleitor presta à Justiça Eleitoral quando se cadastra para votar.

De acordo com os números divulgados hoje (29) pelo TSE, o eleitorado brasileiro cresceu 5,17% nos últimos quatro anos, saltando de 135.804.433 votantes, em 2010, para 142.822.046, aumento de cerca de 7 milhões.

TV JORNAL CARUARU ESTÁ DE VOLTA EM XUCURU NO CANAL 9

Com informações da Redação - 

No ar desde junho de 2007 em Xucuru de Belo Jardim, a TV JORNAL CARUARU, afiliada do SBT, para o interior de Pernambuco, ficou ausente, temporariamente, na localidade, pelo fato de uma mudança na antena da TV ASA BRANCA, também de Caruaru, afiliada da Rede GLOBO, que precisou modificar sua forma de transmissão no distrito, causando assim, automaticamente, a ausência da co-irmã da TV JORNAL, consequentemente.

Por quase duas semanas, o canal caruaruense, que funciona no número 9 do televisor, ficou fora doa ar, por conta dos motivos já aqui relatados, deixando os telespectadores tristes, pela falta dos programas regionais exibidos na emissora, como "O POVO NA TV" e o "SEM MEIAS PALAVRAS", além de outros disponibilizados pelo canal de grande audiência em todo o interior do estado.

Xucuru já foi destaque nos telejornais da TV JORNAL por várias vezes, com  reportagens de interesse da população local, divulgando a localidade para todo o Pernambuco. Então, pode sintonizar a sua Televisão no canal 9 e assista a TV JORNAL CARUARU, agora com novo som e ótima imagem, acompanhe os jornalísticos; TV JORNAL MANHÃ, TV JORNAL MEIO-DIA, O POVO NA TV, o policial; SEM MEIAS PALAVRAS, O TV JORNAL NOTÍCIAS, entre outros, os infantis, esportivos e sociais, em parceria com a TV JORNAL RECIFE, como o PLANTÃO 190 1ª Edição, INTERATIVO, HORA DA ALEGRIA, REPLAY e o SABOR DA GENTE, além da programação principal do SBT (Sistema Brasileiro de Televisão).

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More