VOCÊ FAZ O SUCESSO

VOCÊ FAZ O SUCESSO

BAIXE O APLICATIVO RADIOSNET E OUÇA A NOVA XUCURU EM TODO LUGAR; CLIQUE NA FOTO ABAIXO E SAIBA MAIS

quinta-feira, 30 de junho de 2016

SANTA CRUZ É GOLEADO PELA PONTE PRETA NO ARRUDA, E VAI PARA O Z-4 DO BRASILEIRÃO

Com informações do FOLHApe -

A partida que gerou expectativas para a reabilitação coral na Série A do Campeonato Brasileiro, acabou afundando ainda mais o Santa Cruz em sua atual má fase. Com a derrota por 3x0 para a equipe da Ponte Preta, no estádio do Arruda, os tricolores chegaram a sua sétima derrota em oito jogos. Das arquibancadas, os torcedores ensaiaram o coro: “Adeus, Milton!” Com o resultado, a equipe caiu para a 19ª colocação da competição, permanecendo com 11 pontos.

Erros individuais decidiram a partida. E na medida que os gols da Ponte Preta foram sendo convertidos, os parafusos da engrenagem coral iam se afrouxando. Pareceu até um presságio. Em dois minutos de bola rolando, um erro de Uillian Correia, no meio de campo, fez a bola sobrar para Felipe Azevedo que, frente a frente com o goleiro Tiago Cardoso, tocou para fora. 

O lance serviu como um start para a equipe do Santa Cruz. Pelo menos, essa foi a impressão que se teve em um intervalo de tempo de 21 minutos. Houve mais posse de bola, chegando a atingir picos de 67%, e maior presença no setor defensivo da Macaca. O domínio não foi convertido em chances de gol. Por outro lado, quando a Macaca teve a chance, o placar acabou alterado.

Em jogada despretensiosa, no meio de campo, João Victor fez um lançamento para o campo de defesa do Santa Cruz. Quis o destino que Danny Morais escorregasse e a bola sobrou para Pottker. Livre, o atacante tocou na saída de Tiago Cardoso. A desvantagem fez a torcida tricolor perder a paciência, apesar de um cronômetro folgado para o final do jogo. As reclamações das arquibancadas foram ainda piores aos 38 minutos. 

O meia Lelê deu um passe equivocado, e a bola sobrou para Pottker. O jogador partiu da intermediária e conduziu a bola até a saída de Tiago Cardoso, que nada pode fazer. As vaias, então, se tornaram direcionadas para o jogador – substituído no segundo tempo.

Além de Lelê, outro que deixou o campo foi Léo Moura. Milton Mendes mandou a campo, Wallyson e Mário Sérgio, respectivamente. O treinador tricolor, inclusive, merece que sua história seja contada. Ao contrário dos últimos jogos, quando apresentava uma postura mais aguerrida à beira do gramado, o comandante passou praticamente o jogo todo apático. Quase que como um reflexo da equipe em campo.

Na etapa final, bastante desorganizada em campo, a equipe tricolor só conseguiu ser outra vez vazada pela Ponte Preta. Aos 28 minutos, Felipe Azevedo foi o responsável por decretar a goleada no Arruda. A partir deste momento, a partida se tornou uma agonia para o torcedor tricolor. Enquanto os atletas da Ponte Preta iam perdendo chances e mais chances diante da meta coral, os tricolores pouco atacavam. Com tamanha desvantagem, a torcida estava direcionada para que o cronometro andasse cada vez mais rápido.

FICHA DE JOGO

0 SANTA CRUZ
Tiago Cardoso; Léo Moura (Mario Sérgio), Danny Morais (Bruno Moraes), Allan Vieira e Roberto; Uillian Correia, João Paulo e Lelê (Wallyson); Arthur, Keno e Grafite. Técnico: Milton Mendes

3 PONTE PRETA
João Carlos; Jefferson, Fábio Ferreira, Kadu (Douglas Grolli) e Reinaldo; João Victor (Ravanelli), Clayson, Renê Júnior e Matheus Jesus; Pottker e Felipe Azevedo (Nino Paraíba). Técnico: Eduardo Baptista

Local: Estádio do Arruda, no Recife
Arbitro: Francisco Carlos Nascimento (AL)
Assistentes: Estras Mariano de Lima e Pedro Jorge Santos de Araújo (Ambos do AL)
Gols: Pottker (aos 21 e 38 do 1ºT); Felipe Azevedo (aos 24 minutos)
Cartões amarelos: Lelê, Mario Sérgio (Santa Cruz); Jefferson (Ponte Preta)
Público: 8.517
Renda: R$ 112.320,00 

Foto: Reprodução

GOVERNO FEDERAL LIBERA R$ 743 MILHÕES PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA

Com informações do LeiaJá -

Um encontro entre o ministro da Educação, Mendonça Filho, e o presidente em exercício Michel Temer, resultou na liberação de R$ 743 milhões para programas e ações voltados para a educação básica. Estados e municípios deverão ser beneficiados, conforme anúncio feito nessa quarta-feira (29), em Brasília.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), do valor total liberado, R$ 268 milhões serão direcionados às redes estaduais e municipais para a realização do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). “Serão repassados R$ 174,4 milhões, por meio de transferência direta, para obras em 1.214 municípios de 26 unidades da Federação. Haverá recursos também para a aquisição de veículos, mobiliário e equipamentos escolares e para creches e ao programa Caminho da Escola em 83 municípios e no Distrito Federal”, consta no site oficial do Ministério. 

A liberação também beneficiou escolas públicas, por meio do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE). Os recursos servirão para despesas com custeio, manutenção e pequenos investimentos. Essas unidades escolares deverão receber R$ 338 milhões, chegando a atender 27,6 milhões de estudantes e mais de 90 mil escolas.  

Foto: Divulgação/MEC

NESTA SEXTA TEM A ENTREGA DO ASFALTO E DE OUTRAS OBRAS EM XUCURU, COM PARTICIPAÇÃO DA BANDA FORRÓ DE VERDADE

Com informações da Assessoria -

As ações municipais em parceria com os governos estadual e federal para Xucuru, foram muitas, e nesta sexta ( 1º de julho ) haverá a inaguração oficial das conquistas do povo, conseguidas pelo esforço do vereador Claudemir Paulino, em conjunto com o prefeito João Mendonça.

O evento que marcará oficialmente as entregas da rodovia estadual, que fica entre Xucuru e Sanharó, a PE-213, Governador Eduardo Campos, a antena de celular da VIVO, a Academia da Saúde do Sítio Palha e a Creche Municipal Anjos do Saber, será nesta sexta, a partir das 18h:30mim, com concentração no antigo prédio da cooperativa, onde serão recebidos o prefeito João Mendonça ao lado do presidente da Assembleia Legislativa de PE, deputado Guilherme Uchôa e João Campos, filho do ex-governador Eduardo Campos, representando o atual governador Paulo Câmara, além de vereadores e secretários municipais e outras autoridades.

Em seguida sairá o passeio até ao palhoção do povo, onde haverá os pronunciamentos e um novo encerramento das festividades juninas 2016, com Coco de Roda do Sítio Palha com a participação mais uma vez de Zefinha Bernardo do Mimoso, e completando, tem o show da banda Forró de Verdade.

Todos estão convidados para este momento festivo e de agradecimento por estas conquistas importantes para Xucuru e a região. Não perca, será nesta sexta-feira, dia 1º, a partir das 6h30min da noite.

Foto: Reprodução

DEPOIS DO FEIJÃO, OUTROS PRODUTOS ALIMENTÍCIOS PODEM INFLUENCIAR NA INFLAÇÃO, DIZEM ECONOMISTAS

Com informações da BBC BRASIL -

O feijão tomou o lugar do tomate como alimento que anda pesando no bolso dos brasileiros. O preço do carioca, variedade popular no Sudeste, subiu 54,09% até junho, segundo o IPCA-15, índice do IBGE considerado como a prévia da inflação.

No ano passado, uma caixa de tomates chegou a custar o dobro do que em 2014. Com a inflação ainda alta, muita gente se pergunta: qual vai ser o próximo vilão das compras? Para tentar responder, a BBC Brasil conversou com economistas e especialistas no mercado de agronegócio. Segundo eles, os itens que podem causar mais preocupação nas próximas semanas são o leite, o milho e o arroz.

O clima é o fator comum em todas as altas, explicam os entrevistados. A distribuição irregular de chuvas neste ano prejudicou a produção dessas culturas.

Arroz
No caso do arroz, as tempestades no Rio Grande do Sul - maior produtor - em abril atrasaram a colheita e causaram uma quebra de 15% na safra. Com menor oferta, os preços cresceram 5,21% até junho, segundo dados do IPCA-15. E devem continuar aumentando até as próximas colheitas, no começo de 2017.

"De acordo com o nosso levantamento, no município de São Paulo variou 6,28% neste ano. E vai subir significativamente nos próximos dois meses", diz o pesquisador Vagner Martins, do Instituto de Economia Agrícola.

Pode parecer que 6% é pouco, mas a alta é preocupante para um elemento essencial da cesta básica, pondera Martins.

"Às vezes há uma confusão em destacar quedas expressivas de produtos de pouca relevância. Qual a importância da pera no prato do brasileiro? Em contrapartida, o peso do feijão e do arroz têm grande peso na inflação."

O encarecimento do arroz, no entanto, não deve ser tão dramático como o do feijão. Isso porque há variedades da leguminosa, a exemplo do carioca, que são principalmente produzidos no Brasil, dificultando a importação.

A medida (a importação do feijão) foi anunciada pelo presidente Michel Temer na semana passada para segurar os preços mas, segundo os entrevistados, não deve ser muito eficaz.

"Importar feijão? Da onde? Até tem um pouco no Paraguai, na Argentina, mas (a quantidade) é marginal. O feijão carioca que a gente gosta só nós produzimos. Além disso, o feijão não tem substituto, não dá para fazer lentilha no lugar", diz o professor do núcleo de estudos de agronegócios da FGV Felippe Serigati.
O mesmo não acontece com o arroz, consumido e vendido por diversos países.

De acordo com Serigati, como o ciclo de produção do feijão é mais curto e não há impeditivos para que ele volte ao normal, os valores devem diminuir até o fim do ano.

Leite e milho
Se as altas da dupla arroz e feijão podem ser passageiras, há outras consideradas mais duradouras pelos especialistas.

As do milho e do leite, por exemplo, são vistas como estruturais e, portanto, mais preocupantes.

O milho é um dos principais componentes da ração das vacas leiteiras e registrou um crescimento expressivo em 2016. Ausente no IPCA-15, um de seus representantes no indicador, o fubá, encareceu 13% até junho. Já o leite subiu 18% no mesmo período e se aproxima de um patamar inédito.

Educação básica ruim joga Brasil no grupo dos 'lanternas' em ranking de capital humano
Os entrevistados explicam que a alta do milho se deve à procura no mercado internacional, no qual o Brasil se tornou um vendedor importante. Nos últimos anos, o país acelerou a produção do alimento, conseguiu exportá-lo mais barato e teve grande demanda dos compradores, o que acabou elevando os valores lá fora. O aumento chegou ao mercado interno.

Com o milho caro, a ração aumenta e os produtores de leite têm que desembolsar mais para alimentar suas vacas. A alta é repassada para o consumidor. Além disso, as chuvas fortes no começo do ano prejudicaram as pastagens e as estradas de transporte, dificultando a produção e diminuindo a oferta.

A crise também afetou o setor já que, com menos dinheiro, o brasileiro está cortando derivados. Dados do IPCA-15, a prévia da inflação, mostram que a manteiga, por exemplo, subiu 41,89% neste ano. Com demanda menor, a indústria processadora, por sua vez, compra menos dos produtores.

"Os custos altos e a receita baixa acaba desestimulando o trabalhador da área. Ouvimos relatos de pessoas que estão saindo da atividade, porque não estava mais compensando. Eles migram para a pecuária de corte, cruzam suas vacas com bois reprodutores", diz o pesquisador do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da USP, Wagner Yanaguizawa.

Um menor número de produtores significa menos oferta de leite, o que também puxa os preços para cima.

"Esse choque não é temporário, é estrutural. Há risco de valores maiores nas próximas safras", afirma Serigati.

Foto: Reprodução

quarta-feira, 29 de junho de 2016

SPORT PERDE PARA O VITÓRIA DA BAHIA PELO BRASILEIRÃO 2016

Com informações do FOLHApe -

Com os nervos à flor da pele, o Sport deixou a Bahia derrotado por 3x2 para o Vitória, nesta quarta-feira (29), no Barradão. Com dois expulsos, além do treinador Oswaldo de Oliveira, o Leão não teve forças para segurar os baianos e pode retornar para a zona de rebaixamento já nesta rodada, dependendo do resultado dos demais concorrentes. O time agora concentra suas forças para buscar a reabilitação na próxima segunda-feira (04), diante do Palmeiras, na Ilha do Retiro.

Um lampejo de futebol e um descontrole geral por parte do Sport, assim pode ser resumido o primeiro tempo da partida. Entre altos e baixos, o Leão segurou a pressão inicial imposta pelos mandantes. Mantendo o esquema da goleada sobre a Chapecoense, no último domingo, o treinador Oswaldo de Oliveira teve dois desfalques importantes de última hora. O volante Rithely e o goleiro Magrão foram vetados pelo Departamento Médico e tiveram Ronaldo e Agenor como seus substitutos. E logo aos quatro minutos, Agenor abafou lance com Amaral. Aos dez, em falha da zaga, Dagoberto bateu fraco para a defesa do goleiro. Recomposto do susto, o Leão conseguiu botar a bola no chão e respirar. E assim nasceu o gol. Em linda assistência de Rodney Wallace, Matheus Ferraz foi perfeito no papel de atacante, matando no peito e batendo cruzado de primeira: 1x0.

Tudo controlado pelos pernambucanos, que passaram a dominar a partida. Mas, aos 24 minutos, um lance decisivo. Em lance de pura imaturidade, Everton Felipe, que já tinha amarelo, deu um carrinho desnecessário na lateral e tomou o vermelho. Dez minutos depois, Oswaldo de Oliveira perdeu a cabeça e também foi expulso. Com um a mais, os baianos demoraram a retomar a pressão, mas nos cinco minutos finais da primeira etapa a coisa esquentou. E aos 44, Vander dominou na área e bateu rasteiro, deixando tudo igual: 1x1.

Na segunda etapa, mais descontrole pernambucano. Sem poderio ofensivo, o time foi encurralado facilmente pelos mandantes. Aos 16, Euller foi lançado na área e bateu rasteiro para virar a partida. Desnorteado, o Leão tomou o terceiro dois minutos depois, com Nickson cabeceando sozinho e ampliando. Matheus Ferraz ainda descontou, mas não foi o suficiente para voltar para Recife com um ponto na bagagem.

Foto: Reprodução

FORMAÇÃO DO PROGRAMA BRASIL ALFABETIZADO DE XUCURU ACONTECE ENTRE OS DIAS 04 E 08 DE JULHO

Com informações da Assessoria -

A coordenadora do Programa Brasil Alfabetizado em Xucuru, a professora Socorro Santos, informa aos professores do projeto, que a Formação para coordenadores e professores do referido programa, ocorrerá entre os dias 04 e 08 de julho, próximo.

Sendo que, no primeiro dia, segunda (04), a formação será realizada na Faculdade de Belo Jardim - FBJ AEB -, e da terça-feira (05) até à sexta (08), a formação acontecerá na Escola Municipal Luíza Leopoldina Lopes, em Xucuru. Lembrando que em ambos os dias, a formação será pela manhã e à tarde, das 08h às 17h.

A coordenadora, solicita e agradece a presença de todos os inscritos no programa, para que possa ser implantado mais uma vez com sucesso em nossa região. Participe!

Foto: Reprodução

FESTA DE SÃO PEDRO NO SÍTIO PALHA DE XUCURU, DE 29/06 A 03/07 DE 2016

Com informações do Blog -

A tradicional Festa de São Pedro, padroeiro do Sítio Palha de Xucuru, vai de 29 de junho a 03 de julho de 2016 na comunidade. Confira abaixo a programação completa da festa, totalmente religoosa.

Programação;

Quarta - 29/06 - Dia de São Pedro

ABERTURA DA FESTA
19:00hs - Missa Sertaneja
Animação como Grupo de Canto da Paróquia de Sanharó

Quinta - 30/06
19:00hs - Celebração da Palavra
20:00hs - Bingo de uma balaiada

Sexta 01/07 
19:30 - Missa

Sábado - 02/07
19:00hs - Celebração da Palavra
20:00hs Oração e louvor com o Grupo de Oração do Sítio Jussará

Domingo - 03/07 - Encerramento da Festa
06:00hs - Alvorada festiva com fogos e repiques de sino
15:00hs - Batizados
16:00hs - Procissão
17:00hs - Missa de de Encerramento
20:00hs - Show religioso, com o Ministério Jesus Pão da Vida (Belo Jardim)

A comissão organizadora agradece a todos que colaboraram e os convidam para a festa. Participe!

Apoio: BLOG DE XUCURU

Foto: Reprodução

DIVULGADA A PROGRAMAÇÃO OFICIAL DA FESTA DAS MAROCAS DE BELO JARDIM

Com informações do Blog Tô de Olho -

A Secretaria de Cultura, Turismo e Eventos informa que a Festa das Marocas 2016 será realizada entre 8 e 12 de julho no Pátio de Eventos Nivaldo Jatobá. A homenageada da festa esse ano será Dona Maria José uma das fundadoras da festa em nossa cidade.

Programação oficial:

Quinta 07/07/16
Quadrilha Soró Sereno

Sexta 08/07/16
Voadores do Forró
Vilões do Forró

Sábado 09/07/16
Pegada Top
Solteirões do Forró
Calcinha Preta

Domingo10/07/16
Chapéu de Couro
Alcymar Monteiro
Amigos Sertanejos

Segunda 11/07/16
Sela de Aço
Gabriel Diniz
Vumbora

Terça: 12/07/06
Trio e banda Asas da América
Carine e Cibele

Foto: Reprodução

NOITE DE SÃO PEDRO MARCOU O ENCERRAMENTO DAS FESTAS DE JUNINAS 2016, NO PALHOÇÃO DO POVO, EM XUCURU

Com informações do Blog -

A festança foi grande. Os festejos juninos 2016 foram repletos de muita alegria e descontração no palhoção do povo, desde o dia 11, até esta última terça-feira 28, com café da manhã, arraiais da saúde e da educação, além de várias atrações com muito forró e coco de roda no palco para a moçada forrozeira curtir pra valer.

Foram várias momentos que atraíram bastante pessoas da região e de cidades vizinhas para conferir de perto a comemoração junina 2016 em Xucuru, a festa da cultura e da tradição popular feita para todos, com a organização do vereador Claudemir Paulino, e o apoio da prefeitura de Belo Jardim, Prefeito João Mendonça, Secretaria Municipal de Cultura, Turismo e Eventos, Secretária Sté Santos, Luís Carlos da Arroxa o Nó Produções, com a colaboração de Senulsia Souza, Erivaldo Lima e equipe de obras, Escolas Municipais Luiza Leopoldina Lopes, Luiz Pereira de Amorim, Creche Anjos do Saber, Escolas Nucleadas e Projeto Brasil Alfabetizado, além do 15 Batalhão de Polícia de Belo Jardim.

O encerramento ocorreu nesta última terça-feira (28) véspera de São Pedro, com o Coco de Roda do Sítio Palha, que contou a participação especial de Pretinha Bernardo da Rua da Palha, que cantou e encantou com sua voz, ainda teve a presença do poeta Naná. A festa ficou mais brilhante com a apresentação da quadrilha estilizada "Amor Junino", com alunos da Escola Luiza Leopoldina, no comando da professora Rafa e parceria da professora Nininha. Para completar, teve o show de forró e arrasta pé de Adriano Guilher e a Banda Ferro e Fogo, que mais uma vez marcou presença nos festejos juninos de Xucuru, com os hits do momento e o tradicional forró pé de serra no palhoção do povo, que todas as vezes ficou lotado com o público, que curtiu à beça, marcando o sucesso das festas promovidas pelo vereador Claudemir, em parceria com a prefeitura de Belo Jardim.

Vale ressaltar, entretanto, que neste ano de 2016, o palhoção do povo completou dez anos de atrações no comando do vereador Claudemir, que assumiu os festejos mesmo antes de ser eleito, e transformou o calendário do eventos, ampliando a festividade, que antes ocorria apenas nas vésperas de São João e de São Pedro, respectivamente, com a inclusão, apenas, do arraial da educação. Para ficar melhor, novos dias foram incrementados para melhor contribuir com o desenvolvimento social e econômico da comunidade.

O Blog de Xucuru, que este ano completa 5 anos, acompanhou os últimos quatro anos da festa mais popular do Brasil, em Xucuru, divulgando todos os acontecimentos promovidos pela organização do evento, que, inclusive, sempre tem sido logrado de êxito, e paz, principalmente.






























Fotos: Blog de Xucuru Imagens

terça-feira, 28 de junho de 2016

COCO DE RODA, QUADRILHA JUNINA, ADRIANO GUILHER E BANDA FERRO E FOGO, NESTA TERÇA, NO PALHOÇÃO EM XUCURU


Encerrando os festejos juninos 2016 em Xucuru, no Palhoção do Povo, a partir das 20h, tem o Coco de Roda do Sítio Palha, a Quadrilha "Amor Junino" da professora Rafa, e mais o forró de Adriano Guilher e Banda Ferro e Fogo.

Realização - Vereador Claudemir Paulino;
Apoio - Prefeitura de Belo Jardim, prefeito João Mendonça, Luis Carlos da Arroxa O Nó, e Secretaria de Cultura, Turismo e Eventos. Não perca!

Foto: Montagem do Blog

TRADIÇÃO SE MANTÉM NO ARRAIAL DA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE EM XUCURU

Com informações do Blog -

Tradição e muita diversão. Há muitos anos, em Xucuru, ocorre o tradicional arraial das saúde, idealizado pela equipe da Unidade Básica de Saúde (leia-se Posto de Saúde) com a colaboração dos usuários locais, para que a festa aconteça de forma brilhante em clima de muita alegria e diversão, o evento acontece no palhoção do povo, durante as comemorações juninas da comunidade.

Este ano, o São João da Saúde foi realizado nesta última segunda-feira (27), mantendo a tradição de servir comidas típicas, como munguzá, vatapá, bolos e refrigerantes, atraindo um grande público, que se delicia com as guloseimas da época, servidas gratuitamente para todos. Este ano, o evento foi ainda melhor, pois contou com o apoio da creche Anjos do Saber, do Projeto Brasil Alfabetizado, das escolas nucleadas, setor Xucuru, polos V e VI, e a colaborção da Escola Municipal Luíza Leopoldina Lopes, que contribuiu com a sonorização da festa, além do Vereador Claudemir Paulino, sempre presente nos acontecimentos da região.

Para ficar mais especial do que sempre foi, o arraial da saúd, teve a apresentação de alunos da Escola de Xucuru, dançando carimbó, uma cortesia das professoras Gilmara e Socorro Sousa, e mais o show de Babado e Sanharó e sua Banda, com muito forró e arrasta pé, além do tradicional som romântico, a marca do cantor. Com presença de representantes da Secretaria Municipal de Saúde de Belo Jardim, através de Ceiça e equipe, o arraial da saúde foi bastante festivo, com a realização da Unidade Básica de Saúde de Xucuru, através da enfermeira chefe Marli Araújo, com o apoio dos funcionários da entidade e de grande parte dos ACS - Agentes Comunitários de Saúde e os usuários da instituição, que contribuem para o sucesso que cada vez é elevado.

Ano que vem tem mais, o tradicional arraial da saúde, com comidas típicas, alegria, diversão e muita gente curtindo a festa junina da Unidade Básica de Saúde de Xucuru.













Fotos: Blog de Xucuru Imagens

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More