VOCÊ FAZ O SUCESSO

VOCÊ FAZ O SUCESSO

BAIXE O APLICATIVO RADIOSNET E OUÇA A NOVA XUCURU EM TODO LUGAR; CLIQUE NA FOTO ABAIXO E SAIBA MAIS

sábado, 29 de outubro de 2016

COLUNA! DO BLOG DO MANGO MARTINS; ELEIÇÃO É COMO MINERAÇÃO

A informação é do Blog do Magno Martins -

Das quatro cidades palco da disputa de segundo turno em Pernambuco, em eleição marcada para amanhã, apenas Recife, a capital, o cenário é confortável para o prefeito Geraldo Júlio (PSB), que só não será reeleito se ocorrer uma hecatombe. Difícil imaginar que João Paulo, adversário envergando as bandeiras do PT, tenha condições de contrariar todas as pesquisas apontando uma frente de 20 pontos, em média.

Já Olinda e Jaboatão, na Região Metropolitana, são dois pontos de interrogação. Embora o Professor Lupércio lidere, Olinda é uma incógnita pelo fato de ter reservado muitas surpresas ao longo das últimas eleições. Antônio Campos, candidato do PSB, pode reverter os sete pontos que o separam do candidato do SD?

Imprevisível em se tratando de Olinda. No primeiro turno, todas as pesquisas indicavam que a ex-prefeita Luciana Santos, do PCdoB, estaria com lugar garantido no segundo turno, porque sempre despontava em primeiro lugar. Acabou sendo a quarta, abaixo de Isabel Urquiza, do PSDB, que por pouco, na eleição de 2012, não provoca um segundo turno com Renildo Calheiros.

É bom lembrar que a soma dos brancos e nulos foi superior a votação de Renildo. Por aí, pode-se concluir que não dá para ter segurança numa vitória de Lupércio, até porque parece que Olinda depende também de uma boa logística no dia da eleição e nesse campo o candidato do PSB parece que leva vantagem.

Quanto a Jaboatão, Anderson Ferreira, do PR, tem um cenário amplamente favorável, mas para um município que já elegeu Nilton Carneiro e Fernando Rodovalho, dois políticos folclóricos e desacreditados, tudo é possível de acontecer. Marco Maciel já dizia, com a sabedoria que Deus lhe deu e a experiência política, que eleição é igual a mineração. Resultado? Só depois da apuração.

Disputa para valer, na verdade, está marcada para o território de Caruaru. Fazendo sua estreia em eleição de segundo turno, a capital do Agreste está rachada ao meio, literalmente, entre as candidaturas de Tony Gel, do PMDB, e Raquel Lyra, do PSDB. Segundo pesquisa do Instituto 6sigma, contratado por um pool de emissoras e divulgada ontem, o cenário é de empate, estando Tony, numericamente, com um ponto e meio, à frente. Quem ganhar, leva por uma diferença de, no máximo, 1,5 mil votos.

VENCEU NOS DOIS CAMPOS – As últimas pesquisas de intenção de voto do Datafolha e Ibope na corrida pelo segundo turno nas capitais está prevista para hoje, mas sem nenhuma mudança no Recife. Geraldo Júlio fez uma campanha impecável, tanto no primeiro turno quanto no segundo. Bateu João Paulo quando o confronto foi político e o reduziu também a pó quando, em tom de provocação, o petista partiu para comparar as gestões. Com números incontestáveis, o prefeito mostrou que conseguiu fazer em quatro anos muito mais do que o PT fez em 12 anos.

Tratamento com fono – Sem condições de mostrar o conjunto político que está comprometido com sua candidatura, o ex-prefeito João Paulo, que disputa a Prefeitura do Recife pelo do PT, também não apresentou projetos para a cidade em nenhum momento da sua campanha, adotando uma postura muito agressiva. Outro ponto importante identificado pelos analistas políticos, que observaram sua performance nos debates de TV e rádio, é a necessidade urgente de começar a fazer um tratamento fonoaudiólogo permanente.

Boa notícia – Nas duas últimas semanas, o Projeto Boa Visão, das secretarias estaduais de Saúde e Educação, realizou 3, 8 mil consultas oftalmológicas em alunos dos ensinos médio e fundamental da rede estadual de dez municípios do Sertão. Do total de estudantes, 1.944 tiveram indicação médica para o uso de óculos, entregues gratuitamente pelo Lafepe e pela Fundação OneSight, parceiros da iniciativa. A Fundação Altino Ventura (FAV) também participou da ação. Os atendimentos beneficiaram estudantes dos municípios de Salgueiro, Cedro, Mirandiba, Moreilândia, Parnamirim, São José do Belmonte, Serrita, Terra Nova, Verdejante e Belém de São Francisco.

Poços artesianos – Desde que a barragem de Jucazinho secou, deixando de fornecer água para o município vários municípios, em Riacho das Almas o prefeito Mário Mota (PSB)  recorreu à perfuração de poços artesianos. Na Unidade Mista João Soares da Fonseca, abriu um poço exclusivamente para atender as demandas de uso de água do hospital. O manancial produz por hora 3,7 mil litros de água, que alimenta a caixa principal da unidade, com capacidade para mais de 20 mil litros de água.

A versão de Armando – O senador Armando Monteiro Neto (PTB) nega que tenha se afastado da campanha de João Paulo, no Recife. “Com todos esses anos de convívio eu supunha que você me conhecesse. Nunca fui chegado à deserção ou escapismo. Estou solidário e presente na campanha de João Paulo. E seguramente ele próprio poderá lhe dar o melhor testemunho. Estive com ele em vários atos públicos, como a grande caminhada no centro do Recife, no último dia 14, e presente no guia eleitoral, inclusive de hoje. Ao longo do processo, me reuni com João Paulo e sua equipe inúmeras vezes. Não me pauto por posições oportunistas, e nunca fui de fugir das minhas posições”, afirmou.

CURTAS

BRANCO OU NULO? – Em nota à Imprensa, o delegado Erick Lessa, que disputou a Prefeitura de Caruaru pelo PR, reiterou sua neutralidade na eleição de segundo turno amanhã. Seu posicionamento foi consequência do fato de o presidente do diretório municipal do PR, Antônio Santos, ter declarado apoio à candidata do PSDB, Raquel Lyra (PSDB). Pelo tom da nota, Lessa tende a anular o seu voto.

COLAPSO – A escassez de chuvas em municípios do Agreste provocou o colapso de mais um manancial. A Barragem de Santana II, que atende a cidade de Brejo da Madre de Deus, não suportou os efeitos da estiagem e não oferece mais condições de captação da água para abastecimento humano. A população passará a ser abastecida, a partir da próxima semana, exclusivamente por carros-pipa e cisternas comunitárias.

Perguntar não ofende: O PT tende a se refundir ou acabar? 

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More